Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4219
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 30-Mar-2004
Authors: TRINDADE, Rosimeire Lopes da
First Advisor: GORAYEB, Inocêncio de Souza
Title: Maruins (Diptera : Ceratopogonidae) que atacam o homem no litoral atlântico e estuário do rio Pará, Estado do Pará , Brasil
Citation: TRINDADE, Rosimeire Lopes da. Maruins (Diptera : Ceratopogonidae) que atacam o homem no litoral atlântico e estuário do rio Pará, Estado do Pará , Brasil. 2004. 83 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Museu Paraense Emílio Goeldi, Belém, 2004. Programa de Pós-Graduação em Zoologia.
Resumo: A família Ceratopogonidae tem aproximadamente 5360 espécies, das quais 205 são extintas. Estas espécies estão distribuídas em 125 gêneros. As espécies de Culicoides estão entre as menores moscas hematófagas do mundo, medindo de um a três milimetros de comprimento. Mais de 1400 espécies têm sido identificadas em todo o mundo, das quais 96%, obrigatoriamente, sugam sangue de mamíferos (inclusive humanos) e aves, tendo sua principal importância como vetores de viroses humanas e de animais. Apesar da importância epidemiológica são poucos os trabalhos realizados no Brasil sobre biologia, comportamento de ataque e ecologia das espécies de Ceratopogonidae que sugam o homem. Este trabalho teve como objetivo fazer o levantamento das espécies de Ceratopogonidae que ocorrem em áreas costeiras do Estado do Pará, estudando as atividades horárias de ataque das espécies a procura do repasto sanguíneo no ser humano e fornecer informações básicas importantes para definição de períodos menos e mais problemáticos por causa do ataque destes dípteros. Foram dois os pontos amostrados na região costeira do Estado do Pará, um no litoral atlântico a nordeste do estado do Pará (município de Marapanim) e outro na área costeira do estuário do rio Pará (Outeiro, município de Belém). As coletas foram realizadas mensalmente de abril e outubro de 2003, utilizando-se isca humana e armadilhas CDC. Foram coletados 4083 exemplares de Ceratopogonidae distribuídos em 29 espécies pertencentes a seis gêneros, sendo 620 exemplares provenientes de Outeiro distribuídos em 21 espécies, pertencentes a cinco gêneros e 3463 exemplares provenientes de Marapanim de nove espécies, pertencentes a quatro gêneros. A fauna da região litorânea mostrou-se bastante diferente da zona do estuário do rio Pará, sendo Leptoconops brasiliensis a única espécie comum aos dois pontos amostrados. Em Outeiro as espécies mais abundantes foram Culicoides batesi e Culicoides denisae e em Marapanim Culicoides maruim e Culicoides phiebotomus. As espécies Culicoides crucifèr e Culicoides daviesi coletadas em Outeiro são registradas pela primeira vez no Brasil e Culicoides denisae e Culicoides phlebotomus tiveram suas distribuições ampliadas ao estado do Pará. Em Outeiro encontrou-se correlação negativa significativa entre a temperatura e a atividade de antropofilia por horas do dia de Culicoides batesi, Culicoides cruciftr e Culicoides paramaruim e correlação positiva significativa com a umidade relativa do ar. Em Marapanim Culicoides maruim apresentou correlação negativa significativa com a temperatura e positiva significativa com a umidade do ar. Em Outeiro, de acordo com os horários de ataque das duas espécies mais abundantes (C. batesi e C. denisae), principalmente, durante o período seco do ano, as pessoas são mais incomodadas pelos maruins pela parte da manhã das 5:00 as 9:00h e menos intensamente no período da tarde a partir das 16:00h e se estendendo pela noite. Em Marapanim durante o período seco os maruins não causam problemas aos visitantes, pois a espécie mais abundante (C. maruim) ocorreu preferencialmente nos primeiros horários do dia e é restrita a áreas de mangue, porém esta causa ataques vorazes as pessoas que precisam entrar nos manguezais. Entretanto, os visitantes podem ter problemas no período chuvoso com a espécie C. phlebotomus, que ocorre também em áreas de praia; durante este estudo ocorreu em todos os meses de coleta em baixos números de exemplares, próximo ao mangue, sendo mais abundante em junho (início do período seco) e apresentou correlação positiva significativa com a umidade do ar. A coleção de Invertebrados do Museu Paraense Emílio Goeldi foi enriquecida com o material deste trabalho, acondicionado em lâminas e em pequenos tubos de ensaio.
Abstract: The dipterous family Ceratopogonidae has 125 genera and approximately 5360 species, 205 of which are extinct. More than 1400 species of Culicoides are known worldwide, and these are among the smallest blood-sucking flies in the world, measuring one to three mm in length. Some 96% of these species are obligate blood feeders on mammals (including human) and birds, and they are important vectors of human and animal viroses. Inspite of their epidemiological importance, few studies have been made of the biting behaviour and general ecology of Brazilian ceratopogonid specíes. This study surveyed the ceratopogonid species in two coastal areas of Pará State in northern Brazil, with reference to the hotus of the day when humans were bitten. The two coastal sampled were: the city of Marapanim on the northeastern Atlantic coast of Pará and Outeiro, a district of Belém on the Pará River estuary. Collections were made monthly between April and October 2003, using human bait and CDC traps. In total, 4083 specimes of Ceratopogonidae of 29 species in six genera were collected, 620 (21 species in five genera) from Outeiro and 3463 specimes (9 species in 4 genera) from Maripanim. The two faunae were seen to be sufficiently different from one another Leptoconops brasiliensis was the only species common to both sites. In Outeiro, the most abundant species were Culicoides batesi and C. denisae while in Marapanim these were C. maruim and C. phkbotomus. C. crucifèr and C. daviesi were collected in Outeiro and are registered for the first time fmm Brazil. C. denisae, C. phkbotomus and L. brasiliensis are reported for the first time for the state of Pará. In Outeiro, a significant negative correlation was found between air temperature and biting activity of C. batesi, C. cructfer and C. paramaruim. A significam positive correlation was found for biting activity and air relative humidity. In Marapanim, C. maruim biting activity showed a significant negative correlation with air temperature and significant positive with the air relative. The collected material, mounted on slides or in specimen tubes, is deposited in the Invertebrate Collection of the Museum Paranese Emílio Goeldi, Belém, Brazil.
Keywords: Insetos
Ceratopogonidae
Maruim
Ceratopogonídeo - Pará
Díptero - Pará
Costa - Marapanim (PA)
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::ZOOLOGIA APLICADA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::PARASITOLOGIA::ENTOMOLOGIA E MALACOLOGIA DE PARASITOS E VETORES
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Museu Paraense Emílio Goeldi
Institution Acronym: UFPA
MPEG
Department: Instituto de Ciências Biológicas
Program: Programa de Pós-Graduação em Zoologia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Zoologia (Mestrado) - PPGZOOL/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_MaruinsDipteraCeratopogonidae.pdf24,32 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons