Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/4573
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 2011
metadata.dc.creator: SOUSA, Eveline Almeida de
metadata.dc.contributor.advisor1: COELHO, Mauro Cezar
Title: Os ideais de civilização na Amazônia imperial: um estudo sobre os projetos de civilização indígena no Pará (1845-1889)
metadata.dc.description.sponsorship: FAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas
Citation: SOUSA, Eveline Almeida de. Os ideais de civilização na Amazônia imperial: um estudo sobre os projetos de civilização indígena no Pará (1845-1889). 2011. 197 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2011. Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia.
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho analisa os projetos de civilização indígena elaborados no Segundo Império por quatro intelectuais que viveram na província do Pará neste período. São eles: Henrique de Beaurepaire Rohan, Couto Vieira de Magalhães, Antonio Macedo Costa e José Veríssimo. Suas percepções sobre a civilização indígena são consideradas, de um lado, tendo em vista as especificidades da condição intelectual no Império, enfatizando a disposição de tais letrados no interior do campo intelectual e suas conexões com o campo de poder; de outro, são consideradas à luz da experiência social destes agentes, no que se refere às suas crenças ideológicas, seu ofício, os debates e lutas políticas nas quais estavam envolvidos, estes elementos atuaram em sua ação política e na formulação de suas idéias. Tais noções se coadunam com a vivência que eles construíram no espaço amazônico, o que contribuiu para elaboração de suas visões sobre a civilização indígena. Deste modo, as percepções sobre o indígena estavam relacionadas às atitudes políticas e intelectuais dos agentes de letras do Império, bem como, à sua experiência no Vale Amazônico.
Abstract: This paper examines the projects of indigenous civilization developed by four intellectuals of the Second Empire who lived in the province of Para in this period. Their names are: Henrique de Beaurepaire Rohan, Couto Vieira de Magalhães, Antonio Macedo Costa and José Verissimo. Their perceptions about the indigenous civilization are considered, by one side, as considering the specifics of the intellectual condition of the Empire, emphasizing the provision of such scholars within the field with the intellectual and their connections within the power field; on the other side, they are considered under the social lens of these agents, regarding to their ideological beliefs, their work, the debates and political struggles in which they were involved, these elements were active in their political action and in the formulation of their ideas. Such notions are consistent with the experience built in amazon space, which contributed to the preparation of their visions about indigenous civilization. Thus, perceptions about the Indigenous people were related with political and intellectual attitudes of the intellectual agents of the Empire , as it was with their experience in the amazon valley.
Keywords: História, 1845-1889
História - Império, 1822-1889
Civilização
Índios da América do Sul
Pará - Estado
Amazônia brasileira
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DO BRASIL::HISTORIA DO BRASIL IMPERIO
CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DO BRASIL::HISTORIA REGIONAL DO BRASIL
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em História (Mestrado) - PPHIST/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_IdeaisCivilizacaoAmazonia.pdf1,6 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons