Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4580
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 9-Jul-2009
Authors: SILVA, Jairo de Jesus Nascimento da
First Advisor: SARGES, Maria de Nazaré dos Santos
Title: Da Mereba-ayba à Varíola: isolamento, vacina e intolerância popular em Belém do Pará, 1884 -1904
Sponsor: SEDUC/PA - Secretaria de Estado de Educação
Citation: SILVA, Jairo de Jesus Nascimento da. Da Mereba-ayba à Varíola: isolamento, vacina e intolerância popular em Belém do Pará, 1884 -1904. 2009. 148 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2009. Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia.
Resumo: Esta dissertação procura desvendar como o crescimento da cidade de Belém, ao longo do século XIX, provocou ou ampliou problemas já existentes, entre os quais o da saúde pública, destacando-se o desencadeamento de frequentes epidemias de varíola. Em termos de temporalidade o destaque foi dado à segunda metade do século XIX, quando foi intenso o debate acerca da necessidade de modernizar a cidade, sendo que o projeto modernizador em questão foi fortemente marcado pelos preceitos excludentes da Ciência da Higiene. Assim, o foco da pesquisa foi o período entre 1884 e 1904, marcado pela eclosão de três epidemias de varíola, em Belém. O objetivo principal do trabalho foi demonstrar as razões da intolerância popular às profilaxias e práticas terapêuticas encaminhadas pelo poder público, principalmente a política de isolamento baseada no discurso higienista e, também, a vacina. A experiência desenvolvida pela população de Belém com essas profilaxias oficias, ao longo do século XIX, foi bastante negativa, propiciando a conduta aversiva desta.
Abstract: The present work tried to find out how the development of Belem, during the 19th century, caused or intensified the problems that already existed, amidst those ones the public health, especially the smallpox epidemic. In terms of times, was highlighted the end of the 19th century, when was intense the debate about the need to make the city more modern. The project to achieve that target was characterized by the excludents principles of the Science of Higiene. This way, this research focused from the year of 1884 to 1904, which was marked by the three smallpox outbreaks in Belem. The main objective of this work was to show the reasons for the intolerance that people had to the ways to prevent the diseases and the therapeutics practices guided by the government, especially the politic of isolation based on the hygienist speech and, as well, the vaccine. The result of this experience during the 19th century in Belem, was negative, resulting in a repulse of these practices.
Keywords: História social
História - Séc. XIX
Saúde pública
Vacinação
Varíola
Epidemia
Isolamento de pacientes
Belém - PA
Pará - Estado
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DO BRASIL::HISTORIA REGIONAL DO BRASIL
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em História (Mestrado) - PPHIST/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_MerebaAybaVariola.pdf3,13 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons