Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4650
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 25-Nov-2013
metadata.dc.creator: FARIAS, Flávia Moura Gaia
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA FILHO, Manoel da
Title: Avaliação do método de fotooxidação do DiI por diodo emissor de luz (led): aspectos morfológicos de células horizontais da retina humana
Citation: FARIAS, Flávia Moura Gaia. Avaliação do método de fotooxidação do DiI por diodo emissor de luz (led): aspectos morfológicos de células horizontais da retina humana. 2013. 33 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2013. Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular.
metadata.dc.description.resumo: A análise da morfologia celular é um aspecto crucial da neurobiologia, pois a relação entre forma e função pode definir os processos fisiológicos na saúde e na doença. Um dos principais métodos para avaliar a morfologia celular é por meio da fotooxidação de marcadores fluorescentes intracelulares, dentre os quais se tem o percloreto de 1,1’-dioctadecil-3,3,3’,3’-tetrametil-indocarbocianina (DiI), uma carbocianina lipofílica que pode marcar células vivas ou fixadas. O DiI foi escolhido para este trabalho devido, dentre outros fatores, à sua importante utilização para estudos de morfologia celular. Como modelo para avaliar a qualidade da fotooxidação do aparelho construído para essa finalidade, elegeu-se as células horizontais da retina humana com o intuito de prosseguir com estudo morfométrico posterior dessas células, tendo em vista a escassez de trabalhos com essa abordagem em retina humana. Assim, este estudo teve como objetivo avaliar a qualidade do método de fotooxidação do DiI através de LED e utilizando como modelo células horizontais da retina humana. O material foi obtido do Banco de Olhos do Hospital Ophir Loyola e, em sequência dissecado, marcado com cristais de DiI e fotooxidado com o aparelho de LED. As imagens que resultaram do novo método de iluminação para fotooxidação de traçador fluorescente apresentou elevada qualidade de detalhes da morfologia neuronal, similares aos resultados obtidos em reações de fotoconversão convencional com microscópio, o que permite concluir que o aparelho mantém a eficiência da fotooxidação por revelar detalhes finos da morfologia celular, inclusive com as vantagens de processar áreas maiores de tecido e considerável redução de custo por dispensar o emprego de microscópio para o processo.
Abstract: The analysis of cell morphology is a crucial aspect of neurobiology, since the relationship between form and function can define the physiological processes in health and disease. One of the main methods to evaluate cell morphology is through photooxidation of intracellular fluorescent markers, among which is the perchlorate of 1,1 '-dioctadecyl-3, 3,3', 3'-tetramethyl-indocarbocianina (DiI) a lipophilic carbocyanine that can make living or fixed cells. The DiI was chosen for this work because, among other factors, it is used for important studies of cell morphology. As a model for evaluating the quality of photooxidation of the apparatus constructed for this purpose, horizontal cells of human retina were elected in order to proceed with morphometric study these cells further, in view of the lack of studies with this approach in human retina. This study evaluated the quality of the DiI method photooxidation via LED and used the horizontal cells of the human retina as a model. The material was obtained from the Eye Bank of Ophir Loyola Hospital and sequence dissected, labeled with DiI crystals and photooxided with the LED device. The images resulting from the new method of lighting fluorescent tracer showed photooxidation of high-quality detailed neuronal morphology, similar to the results obtained in reactions of convencional photoconversion with a microscope, which indicates that the device maintains the efficiency of the photooxidation for revealing fine details of cellular morphology, including the advantages of larger areas of tissue processing and a considerable cost reduction for the use of microscopy dispensed into the process.
Keywords: Neurobiologia
Fotooxidação
Células horizontais da retina
Corante fluorescente
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::MORFOLOGIA::CITOLOGIA E BIOLOGIA CELULAR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Neurociências e Biologia Celular (Mestrado) - PPGNBC/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AvaliacaoMetodoFotooxidacao.pdf129,63 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons