Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4718
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 30-Jan-2009
Authors: PIRES, Claudina Rita de Souza
First Advisor: DIAS, Hilma Lúcia Tavares
Title: Estudo soroepidemiológico de Brucella abortus, Toxoplasma gondii e vírus da artrite encefalite caprina em rebanhos caprinos nas unidades produtoras dos estados do Pará e Maranhão
Citation: PIRES, Claudina Rita. Estudo soroepidemiológico de Brucella abortus, Toxoplasma gondii e vírus da artrite encefalite caprina em rebanhos caprinos nas unidades produtoras dos estados do Pará e Maranhão. 2009. 75 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2009. Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal.
Resumo: Pesquisou-se a frequência da ocorrência de anticorpos anti-Brucella abortus, Toxoplasma gondii e vírus da artrite encefalite caprina (CAEV) em caprinos de 14 unidades produtoras localizadas dos Estados do Pará e Maranhão. No Estado do Pará foram analisados animais dos municípios de Benevides, Castanhal, Santa Izabel do Pará e Moju e no Estado do Maranhão, o município de Chapadinha. Os testes sorológicos realizados para o diagnóstico da brucelose foi o teste do Antígeno Acidificado Tamponado (AAT), como teste de triagem, e o 2- Mercaptoetanol (2-Me), como teste confirmatório. Para as análises de toxoplasmose foi utilizado a Reação de Imunofluorescência Indireta (RIFI) e para CAEV Imunodifusão de Gel de Agarose (IDGA). O resultado das análises de brucelose mostrou-se negativo para 100,0% das amostras analisadas. Para toxoplasmose e CAEV a frequência obtida foi 23,5% (97/412) e 21,6% (85/393), respectivamente. Foi observada diferença estatística na relação entre a ocorrência de anticorpos anti-Toxoplasma gondii e a faixa etária dos caprinos, mostrando que animais com idade superior a 24 meses tiveram mais risco de estarem infectados quando comparados com animais mais novos OR= 2,15 (IC 95% 1,19 – 3,88). Já os fatores de risco encontrados para CAEV foram: falta de conhecimento da doença OR=6,45 (IC 95% 2,88-14,47); a não utilização de material descartável, OR=10,85 (IC 95% 4,85-24,28); sistema de criação extensivo OR=10,85 (IC 95% 4,85-24,28); sistema de criação semi-extensivo OR=3,71(IC 95% 1,64-8,39) e manejo OR=11,4 (IC 95% 5,51-23,60). Conclui-se que as unidades produtoras de caprinos dos Estados do Pará e Maranhão apresentam positividade em seus rebanhos para toxoplasmose e CAEV.
Abstract: This study aimed at searching for the occurrence and frequency levels of the antibodies anti- Brucella abortus, Toxoplasma gondii and the Caprine Arthritis Encephalitis Virus (CAEV) in caprine from 14 distinct production units within the states of Pará and Maranhão. In the state of Pará, animals from the municipalities of Benevides, Castanhal, Santa Izabel do Pará and Moju have been analyzed, whereas in the state of Maranhão the study covered the municipality of Chapadinha. The serological tests accomplished with the purpose of diagnosing brucellosis disease were, the Buffered Acidified Plate Antigen test (BAPA), employed as triage test, and the 2-Mercaptoetanol (2-Me), as confirmatory test. For the toxoplasmosis analysis the Indirect Immunofluorescence Reaction (IIFR) and for CAEV the Agarose Gel Immunodiffusion (AGID) have been used respectively. The result of the brucellosis analysis has shown negativity in 100,0% of the studied samples. For toxoplasmosis and CAEV the respective incidences were 23,5% (97/412) and 21,6% (85/393). Statistical differences were observed in the relationship between anti-Toxoplasma gondii antibodies and the age of the caprines, showing that animals over 24-month old have undergone more risks of being infected when compared to animals at early ages OR=2,15 (IC95% 1,19 – 3,88). On the other hand, the risk factors found for CAEV were: lack of knowledge about the disease OR=6,45 (IC95% 2,88-14,47); the use of non - disposable materials, OR=10,85 (IC95% 4,85-24,28); the free-range farming system OR=10,85 (IC95% 4,85-24,28), the semi-extensive farming system OR=3,71 (IC95% 1,64-8,35) and handling procedures OR=11,4 (IC95% 5,51-23,60). It has been concluded that the caprine production units from Pará and Maranhão showed positive results for the studied diseases in their livestock.
Keywords: Ruminantes
Caprinos
Brucelose em animais
Toxoplasma
Toxoplasmose animal
Imunodifusão
Artrite
Virus da artrite encefalite caprina
Pará - Estado
Maranhão - Estado
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::MEDICINA VETERINARIA PREVENTIVA::EPIDEMIOLOGIA ANIMAL
CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::MEDICINA VETERINARIA PREVENTIVA::SAUDE ANIMAL (PROGRAMAS SANITARIOS)
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Universidade Federal Rural da Amazônia
Institution Acronym: UFPA
EMBRAPA
UFRA
Department: Campus Universitário de Castanhal
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Ciência Animal (Mestrado) - PPGCAN/Castanhal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EstudoSoroepidemiologicoBrucella.pdf408,91 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Admin Tools