Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/4865
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorRODRIGUES, Paloma Panzuti-
dc.date.accessioned2014-04-07T13:15:43Z-
dc.date.available2014-04-07T13:15:43Z-
dc.date.issued2005-
dc.identifier.citationRODRIGUES, Paloma Panzuti. Prevalência de Tinea capitis em pacientes atendidos em ambulatório de Serviço Universitário. 2005. 55 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Centro de Ciências Biológicas, Belém, 2005. Programa de Pós-Graduação em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4865-
dc.description.abstractDermatophytoses are superficial infections that may lead to lesions ok keratinized tissues, like skin, hair and nails, representing one of the most common mycosis that infect humans. On the basis of host preference and natural habitat, dermatophytes are classified as anthropophilic, zoophilic and geophilic. Dermatophytes are also classified into three genera: Trichophyton, Microsporum and Epidermophyton. Tinea capitis is an infectious disease caused by dermatophytes of the genera Trichophyton and Microsporum, it occurs predominately in childhood and rarely after adolescence. Tinea capitis could be classified in: favus, trichophytic and microsporic. The present study aimed to study the prevalence of tinea capitis in patients attending at the “Serviço de Dermatologia do Departamento de Patologia Tropical / Centro de Ciências da Saúde / Universidade Federal do Pará”, from January 1999 through June 2004. All the patients with suspected dermatophitic lesions were examined at the Mycology sector to perform direct exam using 20% potassium hydroxide solution and culture in Sabouraud agar. 324 cases were positive for tinea capitis, but only 308 were analyzed. From this sample, females were more affected (72,1%), children between the ages of 0 and 12 accounted for 87,7% (270 cases) of the sample (p<0,0001), females represented 69,6% (188 cases) (p=0,042). Among the adults, females represented 89,5% (34 cases). Trichophyton tonsurans was the most frequently isolated dermatophyte (75,8%), followed by Microsporum canis (17,7%). Our results showed that children in school age are the most affected by tinea capitis and that the most frequent rise of the scalp infection was an anthropophilic fungi, called Trichophyton tonsurans.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Pará-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectDoenças transmissíveispt_BR
dc.subjectTinha do couro cabeludopt_BR
dc.subjectArthrodernataceaept_BR
dc.subjectEpidemiologiapt_BR
dc.subjectBelém - PApt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.subjectAmazônia brasileirapt_BR
dc.titlePrevalência de Tinea capitis em pacientes atendidos em ambulatório de Serviço Universitáriopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.departmentInstituto de Ciências Biológicas-
dc.publisher.initialsUFPA-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::MICROBIOLOGIA::BIOLOGIA E FISIOLOGIA DOS MICROORGANISMOS::MICOLOGIA-
dc.contributor.advisor1BRITO, Arival Cardoso de-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0563291980190339-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/9380681051150645-
dc.description.resumoAs dermatofitoses são infecções superficiais capazes de produzir lesões em tecidos queratinizados como pele, pêlo e unhas e estão entre as micoses mais freqüentes que acometem o homem. Quanto ao hospedeiro preferencial e habitat natural, os hermatófitos são classificados em antropofílicos, zoofílicos e geofílicos e são conhecidos três gêneros: Trichophyton, Microsporum e Epidermophyton. A tinea capitis é uma doença infecto-contagiosa causada por dermatófitos dos gêneros Trichophyton e Microsporum, de ocorrência predominante na infância e rara após a adolescência. Pode ser dividida em: tinha favosa, favus ou favo, tinha tricofítica e tinha microspórica. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a prevalência de tinea capitis em pacientes atendidos no Serviço de Dermatologia do Departamento de Patologia Tropical / Centro de Ciências da Saúde / Universidade Federal do Pará, no período de janeiro de 1999 a junho de 2004. Todos os pacientes com suspeita clínica da doença foram encaminhados ao Setor de Micologia para realização do exame micológico direto usando clarificador KOH 20% e cultura em Ágar Sabouraud. Foram observados 324 casos de tinea capitis, e analisados apenas 308. Destes, o sexo mais acometido foi o feminino, com 222 casos (72,1%), a faixa etária mais acometida foi de 0 a 12 anos (270 casos), com predomínio estatisticamente significante do sexo feminino em 69,6% dos pacientes em idade infantil. Entre os adultos, o sexo mais acometido foi também o feminino com 34 casos (89,5%). O agente etiológico mais freqüente foi o Trichophyton tonsurans (75,8%), seguido do Microsporum canis isolado em 17,7% dos casos. Os resultados demonstraram o predomínio de tinea capitis em crianças em idade escolar e que a espécie antropofilica Trichophyton tonsurans foi o agente mais comum de lesões no couro cabeludo.-
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários-
Appears in Collections:Dissertações em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários (Mestrado) - PPGBAIP/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_PrevalenciaTineaCapitis.pdf2,18 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons