Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/4907
Compartilhar:
Tipo: Dissertação
Data do documento: 2005
Autor(es): PEREIRA, Francis Christian da Silva
Primeiro(a) Orientador(a): VALLINOTO, Antonio Carlos Rosário
Título: Estudo da soroprevalência da co-infecção pelo Vírus da hepatite C (VHC) em pacientes portadores do Vírus da imunodeficiência humana 1 (HIV-1) e/ou com SIDA/AIDS no Estado do Amapá
Citar como: PEREIRA, Francis Christian da Silva. Estudo da soroprevalência da co-infecção pelo Vírus da hepatite C (VHC) em pacientes portadores do Vírus da imunodeficiência humana 1 (HIV-1) e/ou com SIDA/AIDS no Estado do Amapá. 2005. 59 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Centro de Ciências Biológicas, Belém, 2005. Programa de Pós-Graduação em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários.
Resumo: No presente estudo a soroprevalência da infecção pelo Vírus da hepatite C (VHC) foi investigada em indivíduos portadores da infecção pelo Vírus da imunodeficiência humana 1 (HIV-1) da cidade de Macapá, Estado do Amapá, Brasil. Um total de 120 indivíduos infectados pelo HIV-1 foi testado para a presença de anti-VHC usando um ensaio imunoabsorvente ligado a enzima. Todos os pacientes envolvidos no presente estudo foram testados para a carga viral plasmática do HIV-1 e para os níveis de células T CD4+ no momento do consentimento em fazer parte do estudo. Os pacientes responderam a um questionário epidemiológico no momento da coleta de sangue. Do total de 120 amostras testadas apenas sete (5,83%) foram soropositivas para anti-VHC. Quanto ao gênero, quatro (57,2%) e três (42,8%) eram homens e mulheres, respectivamente. A idade dos indivíduos soropositivos para anti-VHC variou de 21 a 40 anos entre os homens e de 21 a 60 entre as mulheres. Considerando o impacto da coinfecção nos valores de carga viral plasmática do HIV-1 e na contágem de células T CD4+ não foram observadas diferenças significativas (Odds Ratio=2,7368, p=0,3624; Odds Ratio=1,7803, p=0,7764). O uso de drogas injetáveis e de piercing mostrou ser um importante fator de risco para a co-infecção (p<0,05). Os resultados do presente estudo representam os primeiros achados acerca da co-infecção HIV-1/VHC no Estado do Amapá e demonstra a necessidade de um estudo continuado objetivando avaliar a soroprevalência da infecção pelo VHC no Amapá e detectar o real impacto clinico da co-infecção HIV-1/VHC no paciente.
Abstract: In the present study, the seroprevalence of Hepatitis C virus (HCV) infection was investigated among Human immunodeficiency virus-infected subjects from the city of Macapá, state of Amapá, Brazil. A total of 120 HIV-1-infected subjects were tested for the presence of anti-HCV using an enzyme-linked immunosorbent assay. All the patients enrolled in the present study were tested for plasma HIV-1 viral load and CD4+ T-cells at the time of acceptance to join the study. The patients responded to an epidemiological questionnaire at the moment of blood collection. Seven out of 120 tested samples (5,83%) were seropositive for anti-VHC. Concerning gender, four(57,2%) and three(42,8%) were male and female, respectively. The ages of HCV seropositive subjects ranged from 21 to 40 years for males and from 21 to 60 for females. Take into account the impact of co-infection on plasma HIV-1 viral load and CD4+ T-cells quantification it was not observed significant differences (Odds Ratio=2.7368, p=0.3624; Odds Ratio=1.7803, p=0.7764). The intravenous drug use and piercing showed to be important risk factors to co-infection (p<0.05). The results of the current study represent the first report about HIV-1/HCV co-infection in the state of Amapá, and highlight the need for continuous study aiming to evaluate the seroprevalence of HCV infection in Amapá and to detect the real clinical impact of HIV-1/HCV co-infection on the patient.
Palavras-chave: Doenças transmissíveis
Vírus da hepatite C
HIV-1
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Soroprevalência
Fatores de risco
Coinfecção
Macapá - AP
Amapá - Estado
Amazônia Brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::MICROBIOLOGIA::BIOLOGIA E FISIOLOGIA DOS MICROORGANISMOS::VIROLOGIA
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Sigla da Instituição: UFPA
Instituto: Instituto de Ciências Biológicas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários
Aparece nas coleções:Dissertações em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários (Mestrado) - PPGBAIP/ICB

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_EstudoSoroprevalenciaCoinfeccao.pdf581,97 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons