Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/5026
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 2010
metadata.dc.creator: PEREIRA, Ana Carla Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: NICOLAU, Roseane Freitas
Title: Homens que falam com o corpo: histeria de conversão ou fenômeno psicossomático?
Citation: PEREIRA, Ana Carla Silva. Homens que falam com o corpo: histeria de conversão ou fenômeno psicossomático?. 2010. 101 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2010. Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica e Social.
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação discute a questão das manifestações corporais, principalmente a conversão histérica. A proposta inicial é de fazer um breve percurso na obra freudiana e seus sucessores, com intuito de delimitar a questão da histeria, e buscar o estatuto do corpo em psicanálise, bem como aquilo que o afeta. Para a psicanálise, o corpo é concebido não somente como um corpo biológico, mas também como corpo erógeno, disponível e habitado por pulsões. Este corpo, que se presta à ação das pulsões, é um corpo plástico, capaz de se servir para finalidades diferentes quanto à economia psíquica. Por esta razão, é preciso considerar a existência de uma dupla via corporal, duas vertentes clínicas: o sintoma histérico conversivo e o fenômeno psicossomático. Como distinguir ambas? Como saber se estamos diante de um sintoma de conversão histérica ou de um fenômeno corporal de ordem psicossomática? Compreender essa dupla via corporal ganha relevância no momento em que precisamos conduzir o tratamento. Para isso, é necessário saber distinguir o fenômeno psicossomático das manifestações corporais de ordem sintomática, ou seja, conversão histérica. Assim, procuraremos confrontar essas duas afecções corporais que, apesar de se manifestarem no corpo, obedecem a lógicas diferentes. Essa discussão abre espaço para a retomada do conceito de pulsão, que é o ponto de conexão sobre as duas questões clínicas abordadas. Esta dissertação nos faz pensar sobre a clínica e como os sujeitos se utilizam dos seus corpos, diante de um sofrimento da ordem do insuportável.
Abstract: This dissertation discusses the subject of the corporal manifestations, mainly the hysterical conversion. The initial proposal is of doing a brief course in the Freudian work and his successors, with intention of delimiting the subject of the hysteria, and to look for the statute of the body in psychoanalysis, as well as, that which affects it. For the psychoanalysis, the body is conceived not only as a biological body, but also as erogenous body, available and inhabited for pulsion. This body, that is rendered to the action of the pulsions, is a plastic body, capable to be for purposes different with relationship to the psychic economy. For this reason, it is necessary to consider that there are double ways of corporal, two clinical slopes: the symptom hysterical conversive and the psychosomatic phenomenon. How to distinguish both? How to know if we are in front of a symptom of hysterical conversion or of a corporal phenomenon of psychosomatic order? To understand that double ways of corporal wins relevance when we needed to lead the treatment. For that, it is necessary to know to distinguish the psychosomatic phenomenon of the corporal manifestations of symptomatic order, in other words, hysterical conversion. Thus, we will try to confront those two corporal affection that, in spite of if they manifest in the body, they obey different logics. This quarrel opens space for the retaken of the pulsion concept, which is the connection point on the two clinical subjects approached. This dissertation makes us to think about the clinic, and about as the individuals they are used of theirs bodies, before a suffering of the order of the unbearable.
Keywords: Psicanálise
Histeria
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::TRATAMENTO E PREVENCAO PSICOLOGICA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica e Social
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Psicologia (Mestrado) - PPGP/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_HomensFalamCorpo.pdf639,15 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons