Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/5213
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSILVA, Mauro Marcio Tavares da-
dc.date.accessioned2014-07-01T15:05:40Z-
dc.date.available2014-07-01T15:05:40Z-
dc.date.issued2008-08-29-
dc.identifier.citationSILVA, Mauro Marcio Tavares da. Bioecologia e produção comercial do caranguejo-uçá (Ucides cordatus Linnaeus, 1763) em Quatipurú - Pará. 2008. 118 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2008. Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5213-
dc.description.abstractThe mangroves have an enormous socio-economic importance to the traditional populations that live in these environments is common to find mangrove crab (Ucides cordatus), accounting for many communities the main source of livelihood. The municipality of Quatipuru, located in northeast of state of Pará, is a good example to demonstrate the importance of this resource for their community in recent years the council has submitted the highest values of commercial production of mangrove crab in the state of Para, however, specific work as the bioecology of the species in the Quatipuru, are missing. In this sense, this work has information about the biology and ecology of the species, and information on commercial production in the city. In carrying out the work, were made monitoring of two (02) of mangrove areas in the region during the period September 2006 to July 2007, in order to obtain data on the density, sex ratio, biometrics and environmental parameters. In the study of commercial production was estimated annual production of the council, the methods of capture and biometrics (width of shell and total weight) of crabs marketed. With regard to animals from the collection of field, the studies demonstrated no significant differences enter the two areas, both get that density was 1.36 holes/m² in 01 and 1.21 holes/m² in the area 02, also with for the sexual ratio that was 2.39 M: 1F in the area 01 and 1.43 M: 1F, however, was found during the year, a larger number of females in the month of May 2007 in the region 02. With regard to biometric analysis, the average width of the carapace (LC) found was 6.13 cm for males and 5.46 cm for females in the area 01 and 6.31 cm for males and 5.33 cm for females in the area 02, with the weight, the average recorded was 96.73 grams for males and 67.93 grams for females in the area 01 and 106.47 g for males and 64.85 grams for females in the area 02, being observed a strong correlation between these variables both for males as for females, in the two areas, checking the influence of biological factors occurring in the year, with ecdise on these variables. With regard to animals marketed, it was found that all individuals were males have an average width for the carapace (LC) from 7.26 cm to LC minimum and maximum of 5.2 cm was found in March 2007 and 8.5 cm found in the months of September 2006 and January 2007. With respect to the average weight of 161.0 grams was found, the maximum being recorded from 300.0 grams in September 2006 and the minimum value of 80.0 g occurred in the month of July 2007. The annual production estimated for the city was 1.189,73 ton / year, therefore, a lower yield that registered in recent years by CEPNOR / IBAMA, but within the historical average of the Quatipuru city. The areas studied showed that despite already being exploited rather has a population density similar to that of other regions of Brazil, and the proportion found sexual and figures biometric recorded. With regard to commercial production despite having been recorded an annual output less than the last few years, Quatipuru remains one of the largest producers of this commercial use in Brazil, this factor possibly related to marketing, not females, the method of capture (braceamento) and respect the size of the crab market.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Pará-
dc.publisherEmpresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária-
dc.publisherUniversidade Federal Rural da Amazônia-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectCrustáceopt_BR
dc.subjectCaranguejo-uçápt_BR
dc.subjectUcides cordatuspt_BR
dc.subjectManguept_BR
dc.subjectBioecologiapt_BR
dc.subjectQuatipuru - PApt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.subjectAmazônia brasileirapt_BR
dc.titleBioecologia e produção comercial do caranguejo-uçá (Ucides cordatus Linnaeus, 1763) em Quatipurú - Parápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.departmentCampus Universitário de Castanhal-
dc.publisher.initialsUFPA-
dc.publisher.initialsEMBRAPA-
dc.publisher.initialsUFRA-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA::ECOLOGIA DE ECOSSISTEMAS-
dc.contributor.advisor1MELO, Nuno Filipe Alves Correia de-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4989238044542736-
dc.contributor.advisor-co1PAIVA, Rosildo Santos-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0510818763187669-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7668097330355884-
dc.description.resumoOs manguezais possuem uma enorme importância sócio-econômica para as populações tradicionais que a habitam, nesses ambientes é comum encontramos o caranguejo-uçá (Ucides cordatus), representando para muitas comunidades a principal fonte de subsistência. O município de Quatipuru, localizado no nordeste paraense é um bom exemplo de demonstração da importância deste recurso para a sua comunidade, nos últimos anos o município vem apresentado os maiores valores de produção comercial do caranguejo-uçá no estado do Pará (CEPNOR/IBAMA, 2006), entretanto, trabalhos específicos como a bioecologia da espécie no município, são inexistentes. Neste sentido, este trabalho traz informações a respeito da biologia e ecologia da espécie, bem como, informações sobre a produção comercial no município. Na realização dos trabalhos bioecologicos, foram feitos monitoramentos de 02 (duas) áreas dos manguezais da região, no período de Setembro de 2006 a Julho de 2007, a fim de se obter dados sobre a densidade, proporção sexual, biometria e parâmetros ambientais. No estudo da produção comercial, foi estimada a produção anual do município, os métodos de captura e a biometria (largura da carapaça e peso total) dos caranguejos comercializados. Com relação aos animais provenientes das coletas de campo, os estudos demostraram não haver diferenças significativas entre as duas áreas, tanto pra densidade que foi de 1,36 tocas/m² na área 01 e 1,21 tocas/m² na área 02, com também para a proporção sexual que foi de 2,39M: 1F na área 01 e 1,43M: 1F, entretanto, foi encontrado no decorrer do ano, um número maior de fêmeas no mês de maio 2007 na região 02. Com relação às análises biométricas, a largura média da carapaça (LC) encontrada foi de 6.13 cm para os machos e 5,46 cm para as fêmeas na área 01 e 6,31 cm para os machos e 5,33 cm para fêmeas na área 02, com relação ao peso, a média registrada foi de 96,73g para os machos e 67,93g para as fêmeas na área 01 e 106,47g para os machos e 64,85 g para as fêmeas na área 02, sendo observada uma forte correlação entre essas variáveis tanto para os machos quanto para as fêmeas, nas duas áreas, verificando a influência de fatores biológicos ocorrentes no ano, com a ecdise, sobre essas variáveis. Com relação aos animais comercializados, foi verificado que todos os indivíduos foram machos possuindo uma média para a largura da carapaça (LC) de 7,26 cm a LC mínima e máxima encontradas foi de 5,2 cm em Março de 2007 e 8,5 cm encontrados nos meses de setembro de 2006 e janeiro de 2007. Com relação ao peso a média encontrada foi de 161,0g, sendo o valor máximo registrado de 300,0g no mês de setembro de 2006 e o valor mínimo de 80,0g ocorrido no mês de julho de 2007. A produção anual estimada para o município foi de 1.189,73 ton/ano, portanto, uma produção menor que as registradas nos últimos anos pelo CEPNOR/IBAMA, mas dentro da média histórica do município. As áreas estudadas demonstraram que apesar de já serem bastante exploradas possui uma densidade populacional semelhante à de outras regiões do Brasil, assim como a proporção sexual encontrada e os valores biométricos registrados. Com relação à produção comercial apesar de ter sido registrado uma produção anual menor que os últimos anos, Quatipuru continua sendo um dos maiores produtores comerciais deste recurso no Brasil, fator este possivelmente relacionado com a não comercialização de fêmeas, ao método de captura (braceamento) e o respeito ao tamanho do caranguejo comercializado.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência Animal-
Appears in Collections:Dissertações em Ciência Animal (Mestrado) - PPGCAN/Castanhal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_BioecologiaProducaoComercial.pdf2,92 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons