Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5352
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 2009
Authors: BATISTA, Jussara Rocha
First Advisor: TOURINHO, Emmanuel Zagury
Title: Efeitos de atividades distrativas associadas à progressão do atraso sobre o responder autocontrolado de crianças
Other Titles: Effects of the distractive activities associated to delay progression upon children’s self-controlled responses
Sponsor: CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: BATISTA, Jussara Rocha. Efeitos de atividades distrativas associadas à progressão do atraso sobre o responder autocontrolado de crianças. 2009. 90 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Teoria e Pesquisa do Comportamento, Belém, 2009. Programa de Pós-Graduação em Teoria e Pesquisa do Comportamento.
Resumo: Estudos sobre autocontrole têm indicado dois procedimentos como eficazes para aumentar a emissão de respostas autocontroladas: a progressão do atraso do reforço e/ou o uso de atividades distrativas durante o atraso. Este estudo avaliou o efeito de dois tipos de atividades distrativas (lúdica e intelectual) associadas à progressão do atraso do reforço sobre o responder autocontrolado de crianças e a possível manutenção de respostas autocontroladas alcançadas nos treinos, em sessões posteriores com atraso para a troca de até 3 dias. Nove participantes de 5 a 7 anos foram expostos a uma situação de escolha entre dois estímulos apresentados na tela de um computador para obter fichas que posteriormente eram trocadas por itens. Escolhas impulsivas produziam 1 ficha (magnitude baixa) e escolhas autocontroladas produziam 3 fichas (magnitude alta). Havia 6 condições experimentais: (a) Linha de Base Magnitude: magnitude alta/0 s e magnitude baixa/0 s; (b) Linha de Base Atraso: magnitude baixa/0 s e magnitude baixa/60 s; (c) Aumento Progressivo: a magnitude baixa foi apresentada junto ao menor atraso e a magnitude alta foi apresentada junto ao maior atraso, que aumentou 10 segundos em 7 fases (0 s a 60 s) – Grupo A; (d) Aumento Progressivo Combinado à Atividade Lúdica: mesmas fases da condição anterior, mas era possível realizar atividade de colorir durante o atraso – Grupo B; (e) Aumento Progressivo Combinado à Atividade Intelectual: mesmas fases, mas era possível realizar atividade de resolver problemas matemáticos durante o atraso – Grupo C; e (f) Atraso na Troca: reforços (fichas) de magnitude alta e baixa foram entregues após a sessão, mas os de magnitude alta só eram trocadas por itens após 1, 2 ou 3 dias. Os resultados não mostraram diferenças consistentes entre os resultados dos treinos (só progressão, progressão com atividade lúdica e progressão com atividade intelectual). Porém, os dados sugerem que treino utilizando atividade intelectual durante o atraso do reforço pode ser menos eficaz para manter as respostas autocontroladas em períodos de atraso de um a 3 dias para a troca das fichas. De um modo geral, a utilização de atrasos maiores parece ter favorecido, mais que atrasos menores, a sensibilidade a variáveis externas não controladas no experimento.
Abstract: Studies about self-control have reported two procedures as efficient to increase emission of the self-controlled responses: the progression of reinforcement delay and distractive activities during the delay. This study evaluated the effect of the two kinds of distractive activities (ludic and intelectual) associated with progression of reinforcement delay on self-controlled responses of children and the possible maintenance of the self-control responses reached in training sessions in later sessions, with delay to exchange up to 3 days. Nine participants between 5 and 7 years old were exposed to a choice situation between two stimuli presented on a computer screen, in order to obtain tokens exchangeable for items. Impulsive choices produced 1 token (smaller magnitude) and self-controled choices produced 3 tokens (larger magnitude). There were 6 experimental conditions: (a) Base Line Magnitude: larger magnitude/0 s and smaller magnitude/0s; (b) Base Line Delay: smaller magnitude/0s and smaller magnitude/60 s; (c) Progressive Delay: smaller magnitude was presented combined with smaller delay and larger magnitude was presented combined with larger delay, that increased 10 seconds in each of seven phases (0 s to 60 s) – Grupo A; (d) Progressive Delay Combined with Ludic Activity: the same fases as in previous condition, but it was possible to do a coloring activity during the delay – Group B; (e) Progressive Delay Combined with Intelectual Activity: the same phases as in previous condition, but it was possible to solve mathematical problems during the delay – Group C; and (f) Exchange- Delay: smaller and larger reinforcer magnitude (tokens) were delivered after the session, but the larger magnitude reinforcers were exchangeable for items after 1, 2 or 3 days. The data do not show consistent differences between the results of the traning (only delay progression, delay progression with ludic activity, and delay progression with intelectual activity). However, the data suggest that training using intelectual activity during the reinforcement delay can be less effective to maintain self-controlled responses in delays of three days to exchange tokens. Overall, the use of larger delays seems to have favored, more than smaller delays, the sensibility to external variables not controlled in the experiment.
Keywords: Autocontrole
Crianças
Comportamento humano
Estímulo/resposta
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Núcleo de Teoria e Pesquisa do Comportamento
Program: Programa de Pós-Graduação em Teoria e Pesquisa do Comportamento
Appears in Collections:Dissertações em Teoria e Pesquisa do Comportamento (Mestrado) - PPGTPC/NTPC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EfeitosAtividadesDistrativas.pdf754.42 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons