Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5353
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 15-Jan-2010
Authors: MAGALHÃES, Priscila Giselli Silva
First Advisor: ASSIS, Grauben José Alves de
Title: Equivalência monetária em crianças surdas
Other Titles: Monetary equivalence in deaf children
Sponsor: FAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas
Citation: MAGALHÃES, Priscila Giselli Silva. Equivalência monetária em crianças surdas. 2010. 83 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Teoria e Pesquisa do Comportamento, Belém, 2010. Programa de Pós-Graduação em Teoria e Pesquisa do Comportamento.
Resumo: No ensino de habilidades monetárias os procedimentos de escolha com o modelo (MTS) e de escolha com o modelo com resposta construída (CRMTS) têm se mostrado efetivos. Entretanto, há uma controvérsia sobre a importância dos pré-requisitos. O experimento 1 teve por objetivo verificar o efeito de um ensino de MTS e CRMTS sobre a equivalência monetária em crianças surdas com diferentes repertórios matemáticos. Participaram 10 crianças matriculadas em uma Unidade de Ensino Especializada distribuídas em dois grupos experimentais: Crianças com maior repertório matemático (Grupo I) e crianças com menor repertório matemático (Grupo II). As sessões foram realizadas na referida instituição. Um microcomputador foi usado com um software (REL 5.3.3 for Windows). Inicialmente, os participantes foram submetidos a pré-testes e a um pré-treino de identidade. Em seguida, ao ensino de relações condicionais via MTS entre valores monetários em LIBRAS e numerais decimais (AB), valor monetário em LIBRAS e figuras de moedas (AC) e a valor monetário em LIBRAS e figuras de notas (AD), seguidos dos testes de simetria e transitividade. Nos dois grupos, houve emergência de relações para a maioria dos participantes. Posteriormente, houve ensino via CRMTS de figuras de notas e numerais decimais (DB‟), seguido de testes de simetria e transitividade. Nos testes houve variabilidade no responder em ambos os grupos. Pós-testes e testes de manutenção mostraram desempenho consistente com o treino. O experimento 2 teve por objetivo replicar os resultados do experimento 1 verificando se modificações no ensino produziria equivalência monetária. Participaram 3 crianças surdas. O ambiente experimental, materiais e equipamentos foram os mesmos. O procedimento foi similar ao procedimento utilizado no experimento 1, mas com a introdução de algumas fases experimentais: 1) tentativas randomizadas de ensino, ensino de componentes numéricos e pré-treino de CRMTS. Os resultados indicam emergência de relações para os três participantes em MTS e emergência de poucas relações em CRMTS. Em ambos os experimentos a complexidade da tarefa foi uma das possíveis explicações do desempenho e os pré-requisitos não interferiram na a aprendizagem deste tipo de tarefa.
Abstract: In the teaching of monetary skills the procedures of matching to sample (MTS) and constructed response matching to sample (CRMTS) have proven effective. However, there is a controversy about the importance of prerequisites. Experiment 1 aimed to investigate the effect of teaching on the monetary equivalence in deaf children with different mathematical repertoires. A total of ten children participated. They were enrolled in a specialized school for deaf students, where the sessions were carried out and were distributed in two groups: Children with greater mathematical repertoire (Group I) and children with lower mathematical repertoire (Group II). A computer was used with software (REL 5.3.3 for Windows). Initially, the participants were exposed to pre-test and a pre-training identity. Then, the teaching of conditional relations in MTS between monetary value in Brazilian Signal Language (LIBRAS) and decimal numerals (AB), monetary value in LIBRAS and figures of coins (AC) and the monetary value in LIBRAS and figures of paper money (AD), followed by tests of symmetry and transitivity. In both groups, there was emergence of relations for most of the participants. Also a CRMTS teaching figures of paper money and decimal numerals (DB') was conducted, followed by tests of symmetry and transitivity. In the tests there was variability in responses in both groups. Post-tests and maintenance tests showed consistent performance with training. Experiment 2 aimed to replicate the results of experiment 1 verifying that changes in procedure would produce monetary equivalence in deaf children. Three deaf children participated. The experimental environment, materials and equipment were the same of Experiment 1. The procedure was similar to that used in Experiment 1, but with the introduction of some experimental phases: 1) randomized trials in the training, teaching numerical components and pre-training CRMTS. Results indicate the emergence of relations for the three participants in MTS and the emergence of a few relations in CRMTS. In both experiments the complexity of the task was one of the possible explanations of the performance and the prerequisites not interfered with the learning of this type of task.
Keywords: Psicologia da aprendizagem
Criança com deficiência
Surdez
Controle de estímulos
Equivalência monetária
Belém - PA
Pará - Estado
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA DO ENSINO E DA APRENDIZAGEM
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Núcleo de Teoria e Pesquisa do Comportamento
Program: Programa de Pós-Graduação em Teoria e Pesquisa do Comportamento
Appears in Collections:Dissertações em Teoria e Pesquisa do Comportamento (Mestrado) - PPGTPC/NTPC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EquivalenciaMonetariaCriancas.pdf1.93 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons