Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5446
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Estudo em laboratório de anomalias de potencial espontâneo
metadata.dc.creator: FERREIRA, Lindalva do Carmo
metadata.dc.contributor.advisor1: ALVAREZ BEJAR, Román
Abstract: Este trabalho é uma aplicação em laboratório do método de Potencial Espontâneo de Geofísica de Campo. Pares de diferentes rochas e solos residuais foram colocados em contato em laboratório para determinar se poderiam produzir diferença de potencial, como tem sido ocasionalmente observado durante investigações de campo. As amostras de rochas utilizadas foram calcário, basalto e riolito da área da Caldeira de Los Humeros em México. Os solos residuais são da área MM1 da Serra dos Carajás, Pará, Brasil. As medidas foram efetuadas usando sistema em seco (umidade relativa ambiente) e sistema úmido (com água adicionada). As mudanças nos potenciais medidos para as rochas e solos no laboratório mostram diferença no valor médio desde 5 mv até 50 mv entre os diferentes lados em contato. Assim o resultado desta investigação é positiva e indica que mudanças nos valores de Potencial Espontâneo podem originar-se desde mudanças nos tipos superficiais de solo ou pelo contato entre diferentes tipos de rochas.
ABSTRACT: This work is an application in the laboratory of the Spontaneous or Self Potential method of field geophysics. Pairs of differente rocks and residual soils were placed in contact in the laboratory to determine whether they could produce a difference in potential, as had been occasionally observed during field investigations. The samples of rock used are limestones, basalts, and rhyolite from the area of "Caldera de Los Humeros" in Mexico. The residual soils are from the area MM1 of "Serra dos Carajás", Pará, Brasil. The measurements were carried out using dry systems (room humidity) and humid systems (water added). The changes of measured potential for rocks and soils in the laboratory show differences in average values ranging from 5mv to 50 mv from one side of a contact to the other. Thus, the result of this investigation in positive and indicates that changes in Self Potential values can originate from changes in superficial soil type or by contacts between different types of rocks.
Keywords: Prospecção - Métodos geofísicos
Rochas
Solos
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOFISICA::GEOFISICA APLICADA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Curso de Pós-Graduação em Ciências Geofísicas e Geológicas
Citation: FERREIRA, Lindalva do Carmo. Estudo em laboratório de anomalias de potencial espontâneo. 1978. 141 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Centro de Geociências, Belém, 1978. Curso de Pós-Graduação em Ciências Geofísicas e Geológicas.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5446
Issue Date: 1978
Appears in Collections:Dissertações em Geofísica (Mestrado) – CPGF/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EstudoLaboratorioAnomalias.pdf9.96 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons