Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/5553
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSANTOS, Nayara Barbosa-
dc.date.accessioned2014-08-29T14:42:46Z-
dc.date.available2014-08-29T14:42:46Z-
dc.date.issued2007-
dc.identifier.citationSANTOS, Nayara Barbosa. Biologia reprodutiva de peixes cianídeos capturados nas proximidades dos terminais portuários do Pará e Maranhão. 2007. 86 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2007. Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5553-
dc.description.abstractSmallscale weakfish (Cynoscion microlepidotus), King weakfish (Macrodon ancylodon) e Pacora (Plagioscion surinamensis) are demersal sciaenids, largely distributed in the Brazilian coast. These species are important fishing resources. This study has the objective of describing aspects of the reproductive biology of these species caught in areas near to the harbors of Itaqui (Maranhão) and Miramar (Pará). For each species, the reproductive stages were macro and microscopically described, the length at first maturity, sexual proportion by month and size, the breeding period and type of spawning was also evaluated. Data were collected in a bimensal basis from December 2005 to October 2006. It was examined 247 individuals of C. microlepidotus, 253 of M. ancylodon and 251 of P. surinamensis. Individuals of C. microlepidotus, M. ancylodon and P. surinamensis measured from 175 to 780 mm, 187 to 399mm and 220 to 590 mm of total length, respectively. The relationship total length (mm) and total weight (g) for females, males e sexes grouped were highly significant for the three species, with negative alometry for C. microlepidotus and positive alometry for M. ancylodon and P. surinamensis. The length of first maturity (L50) for C. microlepidotus, considered grouped sexes was 260.8 mm, 235mm for males and 321mm total of length for females. For M. ancylodon, L50 for grouped sexes was 210.5 mm, 201.6mm for males and 221.8mm for females of total length. For P. surinamensis, L50 for grouped sexes, for males and for females were 279 mm, 305mm and 269mm of total length. Sexual proportion, considering the total number of individuals favored females for M. ancylodon (1male:3female) and favored males for P. surinamensis (2,02male:1female). For C. microlepidotus, male: female proportion was equivalent. Macroscopically, gonads of the three species were classified as Immature (A), Maturing (B), Mature (C) and Spawned/Spent (D), however, when analyzed microscopically, the stage B were sub-divided in initial and final maturing. The macro and microscopical evaluation of gonads indicated a prolonged spawning season, with reported peaks in June- August and December- February, coinciding to the rainfall transition period. The studied species complete their life cycle entirely near the harbors of Itaqui and Miramar, leading these areas to be classified as extremely sensitive especially when referring to possible oil spill.pt_BR
dc.description.sponsorshipPETROBRAS - Petróleo Brasileiro S.A.-
dc.description.sponsorshipProjeto PIATAM Mar II-
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Pará-
dc.publisherEmpresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária-
dc.publisherUniversidade Federal Rural da Amazônia-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectPeixept_BR
dc.subjectReprodução animalpt_BR
dc.subjectCorvina uçupt_BR
dc.subjectCynoscion microlepidotuspt_BR
dc.subjectPescada gópt_BR
dc.subjectMacrodon ancylodonpt_BR
dc.subjectPescada curucapt_BR
dc.subjectPlagioscion surinamensispt_BR
dc.subjectCianídeospt_BR
dc.subjectAmapá - Estadopt_BR
dc.subjectMaranhão - Estadopt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.subjectAmazônia brasileirapt_BR
dc.titleBiologia reprodutiva de peixes cianídeos capturados nas proximidades dos terminais portuários do Pará e Maranhãopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.departmentCampus Universitário de Castanhal-
dc.publisher.initialsUFPA-
dc.publisher.initialsEMBRAPA-
dc.publisher.initialsUFRA-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA::RECURSOS PESQUEIROS MARINHOS-
dc.contributor.advisor1FRÉDOU, Flávia Lucena-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4779271407117528-
dc.contributor.advisor-co1ROCHA, Rossineide Martins da-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4371300451793081-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7800589882791585-
dc.description.resumoCorvina uçu (Cynoscion microlepidotus), Pescada gó (Macrodon ancylodon) e Pescada curuca (Plagioscion surinamensis) são cianídeos demersais, amplamente distribuídos na costa do Brasil, constituindo importantes recursos pesqueiros. Este trabalho objetiva descrever aspectos da biologia reprodutiva dessas espécies capturadas em áreas próximas aos terminais portuários do Itaqui (Maranhão) e de Miramar (Pará). Para cada espécie sob estudo, foram descritas macro e microscopicamente as diversas fases reprodutivas, determinado o tamanho de primeira maturação sexual, a proporção sexual das espécies por mês e tamanho, a época de reprodução e tipo de desova. Os dados foram coletados através de amostragens bimestrais efetuadas durante o período de dezembro de 2005 a outubro de 2006. Foram examinados 247 exemplares de C. microlepidotus, 253 de M. ancylodon e 251 de P. surinamensis. Os indivíduos analisados de C. microlepidotus, M. ancylodon e P. surinamensis variaram de 175 a 780 mm, 187 a 399mm e 220 a 590 mm de comprimento total, respectivamente. A relação comprimento total (mm) e peso total (g) para fêmeas, machos e sexos agrupados foi altamente significativa para as três espécies analisadas, com alometria negativa para C. microlepidotus e positiva para M. ancylodon e P. surinamensis. O comprimento de primeira maturação (L50) para C. microlepidotus, considerando sexos agrupados, foi de 260,8 mm, para os sexos separadamente foi de com 235mm (machos) e 321mm (fêmeas) mm de comprimento total. Para M. ancylodon o L50 considerando sexos agrupados, foi de 210,5 mm, para os sexos separadamente foi de com 201,6mm (machos) e 221,8mm (fêmeas) mm de comprimento total. Para P. surinamensis o L50 considerando sexos agrupados, foi de 279 mm, para os sexos separadamente foi de com 305mm (machos) e 269mm (fêmeas) mm de comprimento total. A proporção sexual, considerando o total de indivíduos, foi favorável às fêmeas para M. ancylodon (1macho:3fêmea) e favorável aos machos para P. surinamensis (2,02macho:1fêmea). Para C. microlepidotus, a proporção sexual foi de 1,01macho:1fêmea. Macroscopicamente, as gônadas das três espécies foram classificadas em Imaturo (A), Em maturação (B), Maturo (C) e Desovado/Esgotado (D), entretanto quando analisamos microscopicamente, pudemos subdividir os estádio B em maturação inicial e maturação final. As avaliações macro e microscópicas das gônadas das três espécies indicaram um período prolongado de desova, com picos entre junho-agosto e entre dezembro-fevereiro, coincidindo com os períodos de transição do regime pluviométrico. Isto comprova que as espécies em estudo completam todo o seu ciclo de vida nas áreas adjacentes aos terminais portuários do Itaqui e de Miramar, o que torna essas áreas muito sensíveis, principalmente no que se refere a um possível derramamento de petróleo e derivados, uma vez que as regiões próximas a esses terminais são zonas de risco.-
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência Animal-
Appears in Collections:Dissertações em Ciência Animal (Mestrado) - PPGCAN/Castanhal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_BiologiaReprodutivaPeixes.pdf5,77 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons