Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5581
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: Nov-2010
metadata.dc.creator: QUEIROZ, Lidianne Lins de
metadata.dc.contributor.advisor1: BARROS, Romariz da Silva
metadata.dc.contributor.advisor-co1: BRINO, Ana Leda de Faria
Title: Efeitos da manipulação do número de escolhas sobre o desempenho em tarefas de discriminação simples em macaco-prego (Cebus cf. apella)
Other Titles: Effects of manipulation of the number of choices on performance in simple discrimination tasks in capuchin monkey (Cebus cf. apella)
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
INCT/ECCE - Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia sobre Comportamento, Cognição e Ensino
Citation: QUEIROZ, Lidianne Lins de. Efeitos da manipulação do número de escolhas sobre o desempenho em tarefas de discriminação simples em macaco-prego (Cebus cf. apella). 2010. 38 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Teoria e Pesquisa do Comportamento, Belém, 2010. Programa de Pós-Graduação em Teoria e Pesquisa do Comportamento.
metadata.dc.description.resumo: Em um treino discriminativo, há diversas variáveis que podem afetar a precisão da aquisição do repertório. Uma variável pouco analisada é o número de escolhas apresentado nas tentativas discretas de treino, buscando verificar em que situações o controle discriminativo pode ser mais facilmente estabelecido. Este trabalho tem como objetivo geral descrever os efeitos da manipulação do número de escolhas sobre o desempenho em tarefas de discriminação simples em macacos-prego (Cebus cf. apella). No Experimento I, os sujeitos foram submetidos a um treino discriminativo com três tipos diferentes de tentativas (2, 4 e 9 escolhas). Um teste de controle de estímulos avaliou se o repertório aprendido podia ser mantido quando os estímulos utilizados nos três tipos de tentativa eram apresentados na forma de duas escolhas. No Experimento II, buscou-se adicionalmente avaliar se as respostas corretas nos treinos prévios de discriminação ocorriam em função de escolha por seleção do S+, por rejeição do S-, ou por controle misto (seleção e rejeição). Esta avaliação foi realizada através do procedimento de máscara. Os resultados do Experimento I sugerem que a exposição a um número maior de escolhas é uma estratégia eficiente para estabelecer o responder discriminado, pois o desempenho permanece mesmo quando o número de escolhas é posteriormente reduzido para dois. Os resultados obtidos no Experimento II mostram dados diferentes para os dois sujeitos. M30 apresentou controle por rejeição e preferência pela máscara e M31 apresentou controle misto no responder. O presente estudo mostra um caminho para aprofundar a análise do controle de estímulos nos estudos específicos sobre a manipulação do número de escolhas e indica que essa variável pode ser um meio eficaz de reduzir a dificuldade de aquisição de discriminações em contexto aplicado.
Abstract: There are several variables that can affect the precision of repertoire acquisition in discrimination training. The number of choices presented in the discrete trials is still one variable little explored in the context of verifying in which situations the discriminative control is more easily established. The general objective of the present work is to describe the effects of the manipulation of the number of choices on performance in simple discrimination tasks in capuchin monkeys (Cebus cf. apella). In Experiment I, the subjects were given a discriminative training with three types of trials (2, 4, and 9 choices). A stimulus control test assessed if the acquired repertoire could be maintained when the stimuli used in the three types of trials were then presented in the two-choice fashion. Additionally, in Experiment II, we evaluated if the correct responses in previous discrimination training occurred due to selection of the S+, rejection of the S-, or mixed control (selection and rejection). This evaluation was carried out through a mask procedure. The results in Experiment I suggest that the exposure to a larger number of choices is an efficient strategy to establish the discriminated responses since the performance was accurate even when the number of choices was reduced to two. The results obtained in Experiment II show different data for the two subjects. M30 showed control by rejection and preference for mask and M31 showed mixed control. The present research shows a path to a more complete analysis of stimulus control in studies on the manipulation of the number of choices and indicates that this variable may be an efficient way to reduce the difficulty in acquisition of discriminations in applied context.
Keywords: Psicologia experimental
Macaco-prego
Cebus apella
Discriminação simples
Números de escolha
Máscara
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Teoria e Pesquisa do Comportamento
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Teoria e Pesquisa do Comportamento
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Teoria e Pesquisa do Comportamento (Mestrado) - PPGTPC/NTPC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EfeitosManipulacaoNumero.pdf515,19 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons