Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/5887
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 28-Jun-2013
metadata.dc.creator: FARIAS, Degiane da Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: FERNANDES, José Guilherme dos Santos
Title: Entre o parto e a benção: memórias e saberes de mulheres que partejam
Citation: FARIAS, Degiane da Silva. Entre o parto e a benção: memórias e saberes de mulheres que partejam. 2013. 103 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Campus Universitário de Bragança, Bragança, 2013. Programa de Pós-Graduação em Linguagens e Saberes na Amazônia.
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho buscou fazer uma reflexão sobre o saber-fazer de mulheres que partejam a partir da narrativa de vida de uma parteira da cidade de Bragança-(PA). Para tanto, foi utilizado o conceito de memória e identidade em Halbawchas (2006) e Bosi (1994). Compreendendo esse ofício inserido na lógica da cultura popular, foram utilizados os conceitos de Cultura em Burke (1989) e Cuche (1999) e Cultura Popular em Bosi (1992), sempre na perspectiva da heterogeneidade. A problematização dessa temática só foi possível mediante um olhar mais sensível e aproximado desses sujeitos, assim, a etnografia ofereceu os subsídios necessários nessa relação, apoiado nas fomentações de Clifford (2002) e Laplantine (1995). E por ser um conhecimento tácito a História Oral foi a base metodológica que sustentou toda a pesquisa, sendo constantemente aplicadas as orientações metodológicas proposta por Thompson (1992) e Delgado (2006). A pesquisa possibilitou compreender que existe uma representação feita por essas mulheres e pela sociedade sobre o trabalho de partejar, e que o mesmo se constitui um dom, ou um aprendizado adquirido através do contato com os mais antigos. A importância deste estudo se dá no fato de que existem diversos sujeitos sociais, que cotidianamente constroem seus saberes, mas que em função da forma hierárquica como foi concebida a sociedade, foram deixados de lado. Igualmente, é que em virtude do processo da Política de Humanização do Parto, tem-se percebido que diversos profissionais ligados à saúde da mulher tem se autodenominado parteiras, o que denota uma tentativa de apropriação e homogeneização de um saber que é específico.
Abstract: This study aimed to reflect on the know-how of women who make childbirth from the life narrative of a midwife in the city of Bragança (Pará). For this, we used the concept of memory and identity in Halbawchas (2006) and Bosi (1994). Understanding this occupation inserted in the logic of popular culture, we used the concepts of Culture in Burke (1989) and Cush (1999) and Popular Culture in Bosi (1992), always in view of the heterogeneity. The questioning of this subject was only made possible by a more sensitive and approached look on these subjects, thus the ethnography offered the subsidies needed in this respect, supported in the fomentations of Clifford (2002) and Laplantine (1995). And for being a tacit knowledge, the oral history was the methodological basis that supported all the research, being constantly applied the methodological guidelines proposed by Thompson (1992) and Delgado (2006). The research enabled us to understand that there is a representation made by these women and society on the work of midwifery, and that it constitutes a gift, or learning acquired through contact with the oldest. The importance of this study is given in the fact that there are many social subjects who routinely construct their knowledge, but because of the hierarchical way the society was designed, they were left out. Also, it is that because of the process of Childbirth Humanization policy, it has been realized that many professionals involved in women's health have been calling themselves midwives, which denotes an attempt to the appropriation and homogenization of knowledge that is specific.
Keywords: Parteiras
História oral
Memória
Bragança - PA
Pará - Estado
Amazônia brasileira
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Campus Universitário de Bragança
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Linguagens e Saberes na Amazônia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Linguagens e Saberes na Amazônia (Mestrado) - PPLSA/Bragança

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EntrePartoBencao.pdf2,68 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons