Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/6347
Tipo: Artigo de Periódico
Data do documento: Mar-2001
Autor(es): BRITO, Marcus Vinicius Henriques
ARAÚJO, Marialva Tereza Ferreira de
ACÁCIO, Glayce June Sasaki
ACÁCIO, Glayce Josy Sasaki
REIS, José Maciel Caldas dos
ORCID do(s) autor(es): https://orcid.org/0000-0003-1476-0054
Afiliação do(s) Autor(es): ARAÚJO, M. T. F.; ACÁCIO, G. J. S. Universidade Federal do Pará
Título: Lesão intestinal após isquemia-reperfusão: estudo comparativo usando sal tetrazólico (MTT) e histologia
Título(s) alternativo(s): Ischemia-reperfusion injury of intestine: comparative study using tetrazolium salt (MTT) and histology
Citar como: BRITO, Marcus Vinicius Henriques et al. Lesão intestinal após isquemia-reperfusão: estudo comparativo usando sal tetrazólico (MTT) e histologia. Acta Cirúrgica Brasileira, São Paulo, v. 16, n. 1, p. 26-31, jan./mar. 2001. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502001000100005. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6347. Acesso em:.
Resumo: Vários métodos são utilizados para avaliar e estimar as lesões intestinais de isquemia e reperfusão (IR). Assim, o objetivo do presente trabalho é realizar o estudo comparativo dos aspectos colorimétrico e histológico da lesão intestinal após IR. Para tal, foram utilizados 30 ratos Wistar, machos, pesando entre 310 a 410g, distribuídos em 3 grupos: Grupo Controle (GC), Grupo Isquemia e Reperfusão-1 (GIR-1) e Grupo Isquemia e Reperfusão-3 (GIR-3), com 10 animais cada. Nos grupos GIR-1 e GIR-3 foi realizada isquemia intestinal, por meio de falsa ligadura da artéria mesentérica anterior, durante 30 minutos e após esta a perfusão sangüínea foi restaurada. Estes animais foram submetidos a eutanásia após 1 e 3 dias de reperfusão, respectivamente, sendo colhido material para realização dos estudos colorimétrico, usando o Methyl Thiazolyl Blue (MTT) e histológico pela hematoxilina e eosina. Os resultados obtidos demonstraram uma menor proporção de células viáveis e um maior grau de lesão da túnica mucosa nos animais do grupo GIR-3 em relação ao controle (p<0,05). Desta forma os autores concluem que o estudo colorimétrico, usando o MTT, mostrou-se tão eficaz e confiável quanto o estudo histológico na avaliação das repercussões intestinais produzidas pela IR deste órgão.
Abstract: Many methods are used to evaluate ischemia reperfusion injury, but the most employed one is the histological study. However, it only demonstrates on mucosal tunic, the index of lesion and morphologic preserved cells, but not the index of viable functional cells, present in the sample. With this purpose, a colorimetric method was used, employing Methyl Thiazolyl Blue (MTT). The experiment was conducted in 30 Wistar male rats, distributed in 3 groups: Group Control (GC), Group ischemia and reperfusion-1 (GIR-1) and Group ischemia and reperfusion-3 (GIR-3), with 10 animals each. The Groups GIR-1 and GIR-3 were submitted to intestinal ischemia for 30 minutes by a false ligature of superior mesenteric artery, and submitted to euthanasia after 1 and 3 days of reperfusion, when material was picked for absorbency and histological procedures. It was observed a smaller proportion of viable cells and a larger degree of mucosal lesion in GIR-3 group (p<0.05), while GC group was the one with the larger proportion of viable cells and smaller degree of the mucosal injury (p<0.05). This way we concluded that MTT is as effective and reliable as the histological study at evaluating alterations produced by intestinal ischemia-reperfusion.
Palavras-chave: Isquemia
Reperfusão miocárdica
Intestinos
Colorimetria
Histologia
Rato como animal de laboratório
Ischemia
Reperfusion
Tetrazolium salts
Intestine
Rats
Título do Periódico: Acta Cirúrgica Brasileira
ISSN: 1678-2674
País: Brasil
Instituição: Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia
Sigla da Instituição: SOBRADPEC
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Fonte URI: http://ref.scielo.org/537c52
Identificador DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502001000100005
Aparece nas coleções:Artigos Científicos - ICS

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo_LesaoIntestinalIsquemia.pdf103,33 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons