Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6389
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 31-Mar-2014
metadata.dc.creator: MORAES, Iranilda Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: LIMA, Aline Maria Meiguins de
Title: Quantificação e avaliação de abertura no dossel em áreas de concessões florestais: Mamuru-Arapiuns-PA
Citation: MORAES, Iranilda Silva. Quantificação e avaliação de abertura no dossel em áreas de concessões florestais: Mamuru-Arapiuns-PA. 2014. 73 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Museu Paraense Emílio Goeldi, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Belém, 2014. Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais.
metadata.dc.description.resumo: As florestas tropicais da Amazônia historicamente foram alvo de práticas pouco sustentáveis de uso da terra, restando-lhes as cicatrizes de degradação advinda da exploração madeireira predatória, do uso indiscriminado do fogo, das altas taxas de desmatamento e de outras atividades que interferem nas ações de conservação da biodiversidade desta floresta. A atuação do Estado neste cenário é necessária através de políticas que incentivem formas de uso mais sustentáveis, como é o caso das concessões florestais que buscam através do manejo florestal, contribuir para a conservação dos recursos naturais e da manutenção da biodiversidade. A geração de produtos como o Índice de Vegetação por Diferença Normalizada, Modelo Linear de Mistura Espectral e Fração de Abertura de Dossel foram realizados no intuito de criar elementos de interpretação e análise da variável abertura de dossel. Esta pesquisa teve como área de estudo a Unidade de Manejo Florestal I no Conjunto de Glebas Mamuru-Arapiuns, região oeste do estado do Pará; onde foram quantificados e avaliados a abertura de dossel nessa área de concessão florestal, através de imagens multiespectrais e fotos hemisféricas, com vistas a analisar a degradação e a qualidade do manejo executado nesta área. Os resultados obtidos mostraram que é possível estabelecer um processo de monitoramento com o uso dos sensores e técnicas aplicados, uma vez que os dados de MLME, em especial a imagem-fração solo apresentaram forte relação de covariância com os dados obtidos em campo através de fotos hemisféricas, permitindo considera-lo como uma boa ferramenta de alerta para as ações de monitoramentos das florestas amazônicas. Desta forma é possível tornar a gestão florestal mais acessível tanto ao poder público, quanto a entidades não governamentais ou privadas visando fiscalizar as ações de exploração florestal e agregar as populações que vivem nestas áreas tanto oportunidades de renda quanto a conservação florestal.
Abstract: The Amazonian tropical rainforests have historically been the target of non-sustainable land use practices, remain the scars of degradation from predatory logging, indiscriminate use of fire, high rates of deforestation and other activities that interfere in forest biodiversity conservation actions. In this scenario, the State actuation through policies that encourage more sustainable uses is needed, like the forest concession that seeks to contribute to natural resources conservation and maintenance of biodiversity through forest management. The generation of products like Normalized Difference Vegetation Index, Linear Spectral Mixture Model and Canopy Gap Fraction was done in order to create elements of interpretation and analysis of the canopy openness variable. This research studied the Forest Management Unit I of the Mamuru-Arapiuns lot, west region of Pará state, where canopy openness of this forest concession area was quantified and evaluated through multispectral images and hemispherical photographs to analyze the degradation and quality of the management executed in this area. The results obtained showed that is possible to establish a monitoring process by the use of the sensors and technics applied, once the LSMM data, specially the unmixed image soil showed strong covariance relation with the field data from hemispherical photographs, allowing it to be considered a good warning tool to amazon forests monitoring actions. This way, it is possible to make the management of forests more accessible to the government and non-governmental or private organizations to police the logging actions and aggregate the population that live on these areas, with income opportunities and forest conservation.
Keywords: Florestas
Manejo florestal
Política ambiental
Processamento de imagens
Pará - Estado
Amazônia brasileira
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL::MANEJO FLORESTAL
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Museu Paraense Emílio Goeldi
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
MPEG
EMBRAPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Geociências
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Ciências Ambientais (Mestrado) - PPGCA/IG

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_QuantificacaoAvaliacaoAbertura.pdf3,06 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons