Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/6720
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 23-Feb-2015
Authors: FAGUNDES, Giselda da Rocha
First Advisor: CRUZ, Regina Célia Fernandes
Title: O abaixamento das vogais médias pretônicas em Belém/PA: um estudo variacionista sobre o dialeto do migrante maranhense frente ao dialeto falado em Belém/PA
Citation: FAGUNDES, Giselda da Rocha. O abaixamento das vogais médias pretônicas em Belém/PA: um estudo variacionista sobre o dialeto do migrante maranhense frente ao dialeto falado em Belém/PA. 2015. 159 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Letras e Comunicação, Belém, 2015. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Resumo: O presente estudo teve como objetivo investigar o Abaixamento das vogais médias pretônicas na variedade do português falado em Belém (PA). Pautamos-nos nos pressupostos da sociolinguística quantitativa de Labov (1972), e utilizados alguns procedimentos metodológicos adotados por Bortoni-Ricardo (1985) para as análises de redes sociais, importantes para o estudo de dialetos em comunidades de migração, como é o caso de Belém, que recebeu intenso fluxo migratório nas décadas de 50 a 80 do século passado. Utilizamos também, para comparação, os resultados de Castro (2008), Souza (2010) e Ferreira (2013). O corpus foi formado a partir de gravações de entrevistas de 18 informantes, divididos em dois grupos: a) um grupo de ancoragem, com 12 (doze) informantes migrantes do estado do Maranhão (06 (seis) do sexo masculino e 06 (seis) do sexo feminino), com idade de 50 ou mais, e que residem em Belém há mais de vinte e cinco anos; b) outro de controle, com 06 (seis) informantes (03 (três) do sexo masculino e 03 (três) do sexo feminino), paraenses descendentes do grupo de ancoragem, com idade entre 20 e 30 anos, ou que migraram para Belém muito novos, com até três anos. Os dados do corpus submetidos às análises somaram 3.099 ocorrências das vogais-objeto, anterior </e/> (1.948) e posterior </o/> (1.151). Foram estabelecidas como variáveis extralinguísticas: sexo, grupo de amostra e escolaridade. Para variáveis linguísticas foram consideradas: altura da vogal tônica, grau de recuo da tônica, grau de nasalidade da tônica, posição da pretônica no vocábulo, vogal contígua, distância relativa à sílaba tônica, segmento precedente, segmento seguinte e tipo de rima. Após as análises estatísticas computadas pelo software Goldvarb X, os resultados mostraram que no dialeto de Belém/PA há uma predominância das variantes de manutenção – [e] 40,7% e [o] 43,5% em detrimento das do alteamento – [i] 23,9% e [u] 16,1%, e do abaixamento – [E] 35,5% e [O] 40,4%, contudo, por ser o abaixamento a variante mais produtiva no Maranhão, este foi o fenômeno analisado. As variáveis linguísticas que favoreceram o abaixamento das variantes estudadas foram: (i) altura da vogal tônica, (ii) grau de recuo da tônica, (iii) grau de nasalidade da tônica, (iv) vogal contígua, (v) distância relativa à sílaba tônica, (vi) segmento precedente, (vii) segmento seguinte e (viii) tipo de rima. Com relação às variáveis extralinguísticas (ix) o grupo de amostra favoreceu o abaixamento tanto de </e/> quanto de </o/> e a variável (x) sexo favoreceu apenas o abaixamento de </e/>. Os resultados revelaram manutenção da marca dialetal dos migrantes maranhenses mesmo em virtude do contato interdialetal com outro dialeto e evidenciaram que o abaixamento vocálico no dialeto em questão é motivado, sobretudo pelo processo de harmonia vocálica. Tais resultados são reflexos da rede social dos informantes, a qual tem alta densidade e cujo vernáculo é símbolo de identidade.
Abstract: This study aimed to investigate the lowering of the middle unstressed vowels in the variety of Portuguese spoken in Belém (PA). We base ourselves on the assumptions of quantitative sociolinguistics of Labov (1972), and used some methodological procedures adopted by Bortoni-Ricardo (1985) for the analysis of social networks, which are important for the study of dialects in migration communities, as is the case of Bethlehem, which received intense migration in the 50 to 80 of the last century. Also used for comparison, results Castro (2008), Jones (2010), and Ferreira (2013). The corpus was formed from recordings of 18 informants interviews, divided into two groups: a) a tether, with twelve (12) migrant informants state of Maranhão (six (06) male and six (06) female), aged 50 or more, and who reside in Bethlehem more than twenty-five years; b) a control group, with 06 (six) informants (three (03) male and three (03) were female), Pará descendants of the anchor group, aged between 20 and 30 years, or who migrated to Bethlehem very new, with up to three years. The corpus of data submitted to analysis totaled 3.099 occurrences of vowels object, before </ e /> (1.948) and later </ o /> (1.151). Were established as extralinguistic variables: sex, sample group and educational level. For linguistic variables were considered: height stressed vowel, the tonic decrease of degree, degree of nasality of tonic, pretônica position in the word, adjacent vowel, distance on the stressed syllable, previous segment, next segment and type of rhyme. After statistical analysis computed by Goldvarb X software, the results showed that in the dialect of Belém / PA there is a predominance of maintenance variants - [e] and 40.7% [the] 43.5% at the expense of the increasing height - [ i] and 23.9% [u] 16.1%, and lowering - [E] 35.5% and [O] 40.4%, however, to be lowering the most productive variant in Maranhão, this was the phenomenon analyzed. The linguistic variables that favored the lowering of the studied variants were: (i) time of stressed vowel, (ii) the degree of decline of tonic, (iii) degree of nasality of tonic, (iv) contiguous vowel, (v) distance on the stressed syllable, (vi) the previous segment, (vii) next segment and (viii) type of rhyme. With regard to extra-linguistic variables (ix) the sample group favored lowering both </ e /> much </ o /> and variable (x) sex only favored the lowering </ e />. The results revealed maintenance of dialectal brand of Maranhão migrants even under interdialetal contact with another dialect and showed that vowel lowering dialect in question is motivated mainly by vowel harmony process. These results reflect the social network of informants, which has high density and whose vernacular is a symbol of identity.
Keywords: Sociolinguística
Língua portuguesa
Variação linguística
Dialetos
Geografia linguística
Pará - Estado
Maranhão - Estado
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::SOCIOLINGUISTICA E DIALETOLOGIA
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Instituto de Letras e Comunicação
Program: Programa de Pós-Graduação em Letras
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Letras (Mestrado) - PPGL/ILC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AbaixamentoVogaisMedias.pdf3,35 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons