Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/6855
Tipo: Dissertação
Data do documento: 29-Mar-2010
Autor(es): AMÉRICO, Maria do Carmo da Silva
Primeiro(a) Orientador(a): VIEIRA, Ima Célia Guimarães
Primeiro(a) coorientador(a): COSTA, Francisco de Assis
Título: O papel das trajetórias sociais na construção do território nas frentes pioneiras da Amazônia
Agência de fomento: Rede GEOMA
Citar como: AMÉRICO, Maria do Carmo da Silva. O papel das trajetórias sociais na construção do território nas frentes pioneiras da Amazônia. Orientadora: Ima Célia Guimarães Vieira. 2010. 161 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) - Instituto de Geociências, Universidade Federal do Pará, Museu Paraense Emílio Goeldi, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Belém, 2010. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/6855. Acesso em: .
Resumo: Investiga-se diferentes trajetórias de agentes que desenvolvem conjuntos de atividades convergentes para a pecuária bovina de corte na região sudeste do Pará, especificamente no município de São Félix do Xingu, uma nova frente pioneira na Amazônia e uma das zonas de maior índice de desmatamento. Articula-se conceitos de espaço geográfico e território às noções de paradigmas e trajetórias tecnológicas para abordagem multidisciplinar da realidade amazônica, com a mobilização de diversas ferramentas científicas, com destaque para a geografia, economia e antropologia. Para alcançar este objetivo, desenvolveu-se uma metodologia de levantamento e análise de dados chamada de Análise de Coerências Sucessivas com vistas à realização de etnografias de agentes camponeses e patronais para compreender a relação entre as trajetórias que desenvolvem esses agentes e a dinâmica do território. Verifica-se que a relação entre essas duas categorias de agentes é sistêmica, não só na divisão do trabalho quanto na geopolítica de uso do território.
Abstract: Distinct paths of beef production farmers in the municipality of São Felix do Xingu, southeastern Pará were studied. We linked concepts of geographic space and territory in this new pioneer region in the Amazon, with the highest annual deforestation rates, to the notions of paradigms and technological trajectories in a multidisciplinary approach. This work attempts to understand the Amazon reality using various scientific disciplines with emphasis on geography, economy and anthropology. As our core methodology for survey and data analysis we employed the Successive Coherence Analysis in order to carry out ethnographic studies of rural agents and employers to understand the relationship between the paths that develop those agents with the dynamics of the territory. It appears that the relationship between these two categories of agents is mutually dependent, not only related to the division of labor but also related to the geopolitics of land use of the territory.
Palavras-chave: Ciências ambientais
Trajetórias tecnológicas
Ecologia humana
Camponeses
São Félix do Xingu - PA
Pará - Estado
Amazônia brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA::GEOGRAFIA HUMANA
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Museu Paraense Emílio Goeldi
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Sigla da Instituição: UFPA
MPEG
EMBRAPA
Instituto: Instituto de Geociências
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Aparece nas coleções:Dissertações em Ciências Ambientais (Mestrado) - PPGCA/IG

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_PapelTrajetoriasSociais.pdf2,45 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons