Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/7142
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Issue Date: Dec-2003
metadata.dc.creator: MANZI, Flávio Ricardo
BÓSCOLO, Frab Norberto
ALMEIDA, Solange Maria de
TUJI, Fabrício Mesquita
Title: Estudo morfológico do efeito radioprotetor da vitamina E (dl-alfa-tocoferil) na reparação tecidual em ratos
Other Titles: Morphological study of the radioprotective effect of vitamin E (dl-alpha-tocopheril) in tissue reparation in rats
Citation: MANZI, Flávio Ricardo et al. Estudo morfológico do efeito radioprotetor da vitamina E (dl-alfa-tocoferil) na reparação tecidual em ratos. Radiologia Brasileira, São Paulo, v. 36, n. 6, p. 367-371, dez. 2003. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rb/v36n6/18703.pdf>. Acesso em: 14 mar. 2016. <http://dx.doi.org/10.1590/S0100-39842003000600008>.
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa teve por finalidade avaliar a ação da vitamina E como radioprotetora no processo de reparação tecidual em ratos, após sofrerem um procedimento cirúrgico, que consistiu da produção de uma ferida na região dorsal anterior. Os animais foram divididos em cinco grupos: grupo CO (controle) - constituído de animais em que foi produzida somente a ferida; grupo VE - pré-tratamento com vitamina E (90 UI); grupo IR - irradiação três dias após a cirurgia; grupo VEIR - pré-tratamento com 90 UI de vitamina E e irradiação de suas bordas três dias após a cirurgia; grupo OIR - pré-tratamento com óleo de oliva e irradiação de suas bordas três dias após a cirurgia. A ação radioprotetora da vitamina E foi avaliada pela coloração por hematoxilina-eosina para análise morfológica do tecido de granulação, aos 4, 7, 14 e 21 dias após a cirurgia. A análise dos resultados mostrou que o retardo no processo de reparação tecidual causado por 6 Gy de radiação de elétrons com feixe de 6 MeV não ocorreu no grupo de animais que recebeu vitamina E, mostrando-se esta substância efetiva como radioprotetora.
Abstract: The purpose of this work was to evaluate the action of the vitamin E as a radioprotective agent in the process of tissue reparation in rats submitted to a surgical procedure, which consisted of a wound done in the fore dorsal area. The animals were divided into five groups: group C (controls) - wound; group VE - previous treatment with vitamin E (90 UI); group IR - wound and irradiation of the borders three days after surgery; group VEIR - previous treatment with 90 UI of the vitamin E and irradiation of the borders three days after the surgery; group OIR - previous treatment with olive oil and irradiation of the borders three days after surgery. The radioprotective effect of the vitamin E was evaluated using hematoxylin-eosin stained specimens in order to identify granulation tissue, at 4, 7, 14 and 21 days after the surgical procedures. The results showed that 6 Gy of electron irradiation with a beam of 6 MeV caused retardation of the tissue repairing process and that vitamin E was effective as a radioprotective agent.
Keywords: Estudo morfológico
Vitamina E
Radioprotetor
Protetores contra radiação
Radicais livres
Radiação ionizante
ISSN: 1678-7099
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Artigos Científicos - FOUFPA/ICS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_EstudoMorfologicoEfeito.pdf524,95 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons