Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/7258
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 30-May-2016
metadata.dc.creator: PEREIRA, Esdras Edgar Batista
metadata.dc.contributor.advisor1: SANTOS, Sidney Emanuel Batista dos
metadata.dc.contributor.advisor2: SANTOS, Ney Pereira Carneiro dos
Title: Associação de polimorfismos de biomarcadores do envelhecimento (TP53, MDM2, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 e NFkB1) com a capacidade funcional de idosos
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: PEREIRA, Esdras Edgar Batista. Associação de polimorfismos de biomarcadores do envelhecimento (TP53, MDM2, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 e NFkB1) com a capacidade funcional de idosos. 2016. 89 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Núcleo de Pesquisas em Oncologia, Belém, 2016. Programa de Pós-Graduação em Oncologia e Ciências Médicas.
metadata.dc.description.resumo: INTRODUÇAO: A capacidade funcional ou funcionalidade global do idoso é definida como a capacidade de gerir a própria vida ou cuidar de si mesmo, que é influenciada pelo grau de autonomia e independência do indivíduo. Na busca da compreensão dos mecanismos envolvidos no envelhecimento saudável e na manutenção da independência funcional, vários estudos tentam identificar genes candidatos que possam estabelecer a associação dos genótipos pesquisados com o fenótipo da aptidão física e com o declínio e perda da independência na vida adulta. OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi investigar a possível associação entre a variabilidade dos polimorfismos presentes em biomarcadores do envelhecimento (TP53, MDM2, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 e NFkB1) com a capacidade funcional do idoso. MATERIAL E MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal analítico comparativo, desenvolvido a partir da avaliação clínico-funcional e análise dos polimorfismos presentes em biomarcadores do envelhecimento. A análise clínica e funcional contou com uma avaliação das capacidades funcionais: atividade básica de vida diária (ABVD), atividades instrumentais de vida diária (AIVD), atividades avançadas de vida diária (AAVD), e o status funcional (PS-ECOG), sistemas funcionais: cognição (MEEM), humor (GDS-15), mobilidade (TUG) e risco de quedas (TT), Estado Nutricional (MAN) e Risco de Sarcopenia (PP). Foram incluídos oito polimorfismos (dois do TP53, MDM2, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 e NFkB1), que foram genotipados por uma reação de PCR multiplex seguida de uma eletroforese capilar. A análise dos amplicons de PCR foi realizada por eletroforese usando o sequenciador ABI Prism 3130 e o software GeneMapper ID v.3.2. RESULTADOS: Foram avaliados 228 idosos, na sua maioria mulheres (62%), com aproximadamente 70 anos de idade em média, com índice de comorbidade médio de 4,48 (±2,44) pontos, sedentários (53%), com histórico de tabagismo (58%) e possuidores de uma ancestralidade predominantemente européia. Identificou-se que os polimorfismos dos genes TP53, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 e NFkB1 apresentaram diferenças significativas em algumas variáveis funcionais entre os genótipos. As variáveis que mais diferiram entre os genótipos foram o status funcional (PS-ECOG), mobilidade (TUG), risco de quedas (TT) e o risco de sarcopenia (PP). Isso sugeriu possível associação desses polimorfismos com fatores de risco ou proteção, que na sua maioria não foram significativos. O polimorfismo do gene NFkB1 (rs28362491) foi o único biomarcador que demonstrou resultado de associação significante. O genótipo II desse polimorfismo apresentou associação com risco de sarcopenia (PP). Os idosos que possuíam esse genótipo apresentaram uma susceptibilidade três vezes maior para perda de massa muscular relacionada ao envelhecimento, quando comparado aos outros genótipos do mesmo gene. CONCLUSÃO: Assim, considerando os resultados do presente estudo, acredita-se que o uso de biomarcadores do envelhecimento, como um teste de rastreio populacional, pode favorecer a identificação de idosos com maior susceptibilidade ao desenvolvimento de modificações orgânicas e incapacidades funcionais. A identificação desse risco possibilitará o direcionamento de estratégias de prevenção, controle e tratamento de incapacidades físicas ligadas ao envelhecimento fisiológico ou patológico.
Abstract: INTRODUCTION: The functional capacity and overall functionality of the elderly is defined as the capacity to manage their lives or take care of yourself, which is influenced by the degree of autonomy and independence of the individual. In search of understanding of the mechanisms involved in healthy aging and maintenance of functional independence, several studies try to identify candidate genes that may establish the association of genotype with phenotype studied physical fitness and the decline and loss of independence in adulthood. OBJECTIVE: The objective of this study was to investigate the possible association between the variability of polymorphisms on biomarkers of aging (TP53, MDM2, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 and NFkB1) with the functional capacity of the elderly. MATERIAL AND METHODS: This is a comparative analytical cross-sectional study, developed from the clinical and functional evaluation and analysis of polymorphisms on biomarkers of aging. The clinical and functional analysis included an assessment of functional capabilities: basic activity of daily living (ABVD), instrumental activities of daily living (AIVD), advanced activities of daily living (AAVD) and functional status (PS-ECOG) functional systems: cognition (MEEM), humor (GDS-15), mobility (TUG) and risk of falls (TT), Nutritional Status (MAN) and Sarcopenia risk (PP). Eight polymorphisms were included (two TP53, MDM2, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 and NFkB1) were genotyped by a multiplex PCR reaction followed by capillary electrophoresis. Analysis of PCR amplicons was performed by electrophoresis using the ABI Prism sequencer 3130 and GeneMapper ID v.3.2 software. RESULTS: A total of 228 elderly, mostly women (62%), with about 70 years old on average, with an average comorbidity index of 4.48 (± 2.44) points, sedentary (53%), with a history smoking (58%) and possessing a predominantly European ancestry. It was found that polymorphisms of the TP53 gene, UCP2, HLA-G, IL-1a, IL-4 and NFkB1 significant differences in functional variables between genotypes. The variables that most differed between genotypes were functional status (PS-ECOG), mobility (TUG), risk of falls (TT) and the risk of sarcopenia (PP). This suggested a possible association of these polymorphisms with risk factors or protection, which in most cases were not significant. The NFkB1 gene polymorphism (rs28362491) was the only biomarkers that demonstrated significant association results. The II genotype of this polymorphism was associated with risk of sarcopenia (PP). The elderly who had this genotype showed a three-fold greater susceptibility to muscle loss related to aging, when compared to other genotypes of the same gene. CONCLUSION: Therefore, considering the results of this study, it is believed that the use of biomarkers of aging, as a population screening test may favor the identification of elderly patients with increased susceptibility to the development of organic modifications and functional disabilities. The identification of this risk allows the targeting of strategies for prevention, control and treatment of disabilities linked to physiological or pathological aging.
Keywords: Polimorfismo genético
Biomarcadores
Envelhecimento
Idosos
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CLINICA MEDICA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA::GENETICA HUMANA E MEDICA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Pesquisas em Oncologia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Oncologia e Ciências Médicas
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Oncologia e Ciências Médicas (Mestrado) - PPGOCM/NPO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AssociacaoPolimorfismosBiomarcadores.pdf3,58 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons