Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/7628
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 25-Sep-2015
Authors: ESPADA, Ana Luiza Violato
First Advisor: VASCONCELLOS SOBRINHO, Mário
First Co-Advisor: ROCHA, Gilberto de Miranda
Title: Parceria enquanto dimensão da governança ambiental para o manejo florestal comunitário na Amazônia: o caso da floresta nacional do Tapajós
Citation: ESPADA, Ana Luiza Violato. Parceria enquanto dimensão da governança ambiental para o manejo florestal comunitário na Amazônia: o caso da floresta nacional do Tapajós. 2015. 151 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Núcleo de Meio Ambiente, Belém, 2015. Programa de Pós-Graduação em Gestão de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia.
Resumo: Nesta dissertação analisou-se a contribuição da parceria no manejo florestal comunitário para a gestão de recursos naturais e desenvolvimento local em florestas públicas da Amazônia brasileira. Os objetivos específicos foram compreender os mecanismos de funcionamento das parcerias e como elas influenciam na implementação do manejo florestal comunitário em florestas públicas; compreender se existem relações desiguais de poder nas parcerias e se os parceiros lançam mão de mecanismos para compensar tal desequilíbrio; e analisar os benefícios que as parcerias aportam na implementação e consolidação do manejo florestal comunitário, propondo recomendações para a busca do desenvolvimento local pautado na gestão dos recursos naturais. Os conceitos teóricos que fundamentam o estudo são da governança ambiental, parceria e desenvolvimento local por envolverem diferentes atores atuando de forma sinérgica para a promoção da melhoria da qualidade de vida, bem-estar social e uso sustentável dos recursos naturais. A metodologia foi baseada em um estudo de caso único de uma cooperativa comunitária que executa manejo florestal na Floresta Nacional do Tapajós, região oeste do Pará. Os resultados revelam que o manejo florestal comunitário nesta floresta pública foi implementado e aprimorado a partir de uma rede de parceiros envolvendo governo, sociedade civil organizada, empresa, universidade e comunidades locais. Mostram, ainda, que existem relações desiguais de poder nas relações entre os parceiros e inexiste uma estratégia para as parcerias, enfraquecendo o capital social estabelecido. Mesmo assim, as parcerias contribuem para a formatação da gestão coletiva dos recursos florestais, a qual se mostra eficiente e qualificada, ao permitir a geração de trabalho, renda e aperfeiçoamento técnico e profissionalizante dos moradores da floresta. O modelo de gestão do manejo florestal comunitário na Floresta Nacional do Tapajós é referência nacional e internacional, sendo fruto da atuação de diversos parceiros institucionais, políticos e técnicos e que promovem, cada um com sua expertise, as bases para o desenvolvimento local do oeste do Pará, Amazônia.
Abstract: The dissertation deals with the contribution of partnership in the context of environmental governance in community forestry for the management of natural resources and local development in public forests of the Brazilian Amazon. The specific objectives were to understand the mechanisms of partnerships and how they influence the implementation of community forest management in public forests; to understand whether there are uneven power relations in partnerships and what partners do to compensate this imbalance of power and; to analyze the benefits of partnerships on implementation and consolidation of community forest management, proposing recommendations for the pursuit of local development based on the management of natural resources. The theoretical concepts underlying the study are environmental governance, partnerships and local development as these three concepts involve different stakeholders acting synergistically to promote improved quality of life, social wellbeing and sustainable use of natural resources. The methodology focused on a case study of a community-based cooperative that runs forest management in the Tapajós National Forest, West of Pará State. The research results reveal that the community-based forest management was implemented and enhanced by a partnership among different actors, involving government, civil society, enterprise, university and local communities. The results also show uneven power relationships among partners and lack of strategy for partnerships, which weakens the social capital previously established. Yet partnerships contribute to the collective management of forest resources, which is efficient and qualified because it contributes to job generation, income increase, and technical and vocational training of forest dwellers. The community-based forest management model in the Tapajos National Forest is regarded as a national and international reference being the result of the performance of different institutional, political and technical partners. Each partner through its unique expertise providing support for the local development in the West of Pará, Amazônia.
Keywords: Manejo florestal
Parceria público-privada
Desenvolvimento sustentável
Desenvolvimento local
Gestão ambiental
Recursos naturais
Floresta Nacional do Tapajós - PA
Amazônia Brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Núcleo de Meio Ambiente
Program: Programa de Pós-Graduação em Gestão de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia
Appears in Collections:Dissertações em Gestão de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia (Mestrado) - PPGEDAM/NUMA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ParceriaEnquantoDimensao.pdf3,27 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons