Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/7653
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorBERNARDO, Sérgio Figueiredo-
dc.date.accessioned2017-02-13T14:41:16Z-
dc.date.available2017-02-13T14:41:16Z-
dc.date.issued2012-02-13-
dc.identifier.citationBERNARDO, Sérgio Figueiredo. A música na educação de pessoas com deficiência visual: uma experiência na unidade educacional especializada José Álvares de Azevedo. 2012. 116 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Arte, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Artes. Disponível em: <http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/7653>. Acesso em:.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/7653-
dc.description.abstractThe purpose of this study is to understand the dynamics of music education in the Educational Unit Specialized Jose Alvares de Azevedo (EUS - JAA), placing the music and its creative dimension in Specialized Educational Services (SES) in the trainig of teachers and students with Visual Disabilities, the perspective of inclusive education. The EUS - JAA located in Pará State, a reference in the SES of students with Visual Disabilities. According to official figures from the State Department of Education in 2009, this institution has served about 347 students coming from the metropolitan area of Belém. Teachers and technicians of the unit acted in several actions: (a) in serving students with Visual Disabilities, (b) training of educators in the State Schools, and (c) the organization of society involving Pedagogical Workshops for discussion of topics related to art. Referring to the art, include the song as an important element in the teaching-learning in their students. While these practices initially appears to work with music, it seems there is a gap in the field of systematic and scientific production of these practices, given the wealth of experiences and specificities of their activities. Concerning the search of the creative processes of students with Visual Disabilities through the music, it is noticed that the unit offers many possibilities for study and production of knowledge. Considering the complex perception of the phenomena being studied, the researcher used a qualitative approach, structured around a case study. As a research technique, the researcher used na indirect documentation through bibliographical research and documentary research. The direct documentation was based on (a) direct observation through intensive observation techniques and (b) script semi-structured interview. Data analysis revealed that: (a) The EUS - JAA has been undergoing a process of change in its form of organization in an attempt to fit the normalization process of the SES. This change in progress, is the center of the conception of perspective inclusion in which the concept of social inclusion has a significant role and school inclusion is presented in the development process and increasing demand that its consolidation overcoming challenges still present in the dynamics institutions, especially in relation to mainstream education, (b) The Coral Cantarte as a field of musical performance, it is stated as part of the set of activities offered to students with Visual Impairment, expressing a specific educational organization that seeks to consider the needs of special education students, valuing approaches to multi sensory processes of memorization and repetition and repertoire of low technical complexity as the guiding principles of teaching-learning process, (c) The creative dimension of music, through composition, improvisation and of musical innovation manifests itself differently in practice teaching music, composing a general framework for absences and presences, possibilities and perspectives. In this sense, the establishment do not compose the musical range of educational objectives proposed for the Choir, and the creative nature of the music the main triggering agent of her shy expression. Thus, it produces knowledge of an educational experience that contributes to the enrichment of the relationship of music with the construction process of inclusion of students with Visual Impairment.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.source1 CD-ROMpt_BR
dc.subjectMúsica - Instrução e estudopt_BR
dc.subjectInclusão escolarpt_BR
dc.subjectDeficiência visualpt_BR
dc.subjectDinâmicapt_BR
dc.subjectUnidade Educacional Especializada José Álvares de Azevedo (UEES JAA)pt_BR
dc.subjectAtendimento Educacional Especializadopt_BR
dc.titleA música na educação de pessoas com deficiência visual: uma experiência na Unidade Educacional Especializada José Álvares de Azevedopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Ciências da Artept_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES::MUSICApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAOpt_BR
dc.contributor.advisor1FREITAS JÚNIOR, Áureo Déo de-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9902320223569217pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/5959483842451568pt_BR
dc.description.resumoO objetivo com este estudo é compreender a dinâmica da educação musical na Unidade Educacional Especializada José Álvares de Azevedo (UEES JAA), situando a música e sua dimensão criativa no Atendimento Educacional Especializado (AEE) na concepção de professores e de alunos com Deficiência Visual, na perspectiva da educação inclusiva. A UEES JAA localiza-se no Estado do Pará, uma referência no AEE de alunos com Deficiência Visual. Segundo dados oficiais da Secretaria de Estado de Educação (SEDUC), em 2009, esta instituição atendeu cerca de 347 alunos provindos da Região Metropolitana de Belém. Os docentes e técnicos da unidade atuaram em várias ações: (a) no atendimento de alunos com Deficiência Visual; (b) na formação de educadores da Rede Estadual de Ensino; e (c) na organização de Jornadas Pedagógicas envolvendo a sociedade para discussão de temas relacionados à arte. Referindo-se à arte, inclui-se a música como importante elemento no processo de ensino-aprendizagem de seus alunos. Embora se constate inicialmente estas práticas de trabalho com música, verifica-se que no campo da sistematização e produção científica destas práticas há uma lacuna, dada a riqueza das experiências e especificidades de sua atuação. Em se tratando da busca dos processos criativos dos alunos com Deficiência Visual por intermédio da música, percebe-se que a Unidade apresenta muitas possibilidades de estudo e de produção de conhecimento. Considerando a percepção complexa dos fenômenos a serem estudados, os pesquisadores utilizaram uma abordagem Qualitativa, estruturada em torno de um Estudo de Caso. Como técnica de pesquisa, foi utilizada a documentação indireta, através da pesquisa bibliográfica e pesquisa documental. A documentação direta baseou-se na (a) observação direta intensiva por intermédio de técnicas de observação, e (b) roteiro de entrevista semi-estruturada. A análise dos dados revelou que: (a) A UEES JAA vem passando por um processo de mudança em sua forma de organização como tentativa de adequar-se ao processo de normalização do AEE. Esta mudança, em andamento, tem no centro de sua concepção a perspectiva inclusiva na qual o conceito de inclusão social tem um papel significativo e a inclusão escolar apresenta-se em processo de desenvolvimento crescente sendo que sua consolidação demanda a superação de desafios ainda presentes na dinâmica institucional, sobretudo na relação com o ensino regular; (b) O Coral Cantarte, como campo de atuação musical, afirma-se como fazendo parte do conjunto de atividades ofertadas aos alunos com Deficiência Visual, manifestando uma organização pedagógica específica que busca considerar as necessidades educacionais especiais dos educandos, valorizando formas de abordagem multi sensorial, processos de memorização e repetição e repertório de baixa complexidade técnica como princípios norteadores do processo de ensino-aprendizagem; (c) A dimensão criativa da música, por meio da composição, do improviso e da inovação musical manifesta-se de forma diferenciada na prática pedagógica musical, compondo um quadro geral de ausências e presenças, possibilidades e perspectivas. Neste sentido, a criação musical não compõe o leque de objetivos educacionais propostos para o Canto Coral, sendo a natureza criativa da música o principal agente desencadeador de sua tímida manifestação. Desta forma, produz-se conhecimento de uma experiência educacional que contribui para o enriquecimento da relação da música com o processo de construção da inclusão de alunos com Deficiência Visual.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Artespt_BR
Appears in Collections:Dissertações em Artes (Mestrado) - PPGARTES/ICA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_MusicaEducacaoPessoas.pdf1,72 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons