Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/7776
metadata.dc.type: Tese
Issue Date: 31-Oct-2014
metadata.dc.creator: FERREIRA, Rachel Sfair da Costa
metadata.dc.contributor.advisor1: TRINDADE JÚNIOR, Saint-Clair Cordeiro da
Title: Para além das formas e das funções: preservação e gestão da paisagem do Centro Histórico de Belém (CHB) na perspectiva do espaço como instância e produção social
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: FERREIRA, Rachel Sfair da Costa. Para além das formas e das funções: preservação e gestão da paisagem do Centro Histórico de Belém (CHB) na perspectiva do espaço como instância e produção social. 2014. 317 f. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Belém, 2014. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido.
metadata.dc.description.resumo: Atualmente, muitas cidades brasileiras sofrem com uma crescente perda da capacidade de manter vivo e atrativo seus centros históricos, em meio às transformações de uso do solo provenientes da dinâmica da cidade contemporânea. Apreender o centro histórico de uma cidade, identificando valores e/ou significados da configuração espacial e de seus elementos da paisagem em meio ao movimento da sociedade, é uma primeira etapa de análise, além de servir como base para planos e projetos urbanísticos e sociais que visem não só a conservá-lo, mas a integrá-lo à vida contemporânea. O presente trabalho considera o Centro Histórico de Belém (CHB), na Amazônia brasileira, como um espaço social dotado de forma e conteúdo. Os processos de intervenção urbana neste centro histórico têm corroborado com diversas práticas espaciais que o modificam. Esses processos de intervenção, na maioria das vezes, estão mais voltados para uma gestão da forma e da função do que para uma gestão social dos centros históricos. Ao não considerar esse espaço social autoexplicativo, esta pesquisa utiliza as categorias socioespaciais (estrutura, processo, função e forma), que explicam a produção social do espaço, para apreender as relações dialéticas entre forma física e ações ao longo da história. O objetivo geral da pesquisa foi analisar a configuração espacial do CHB a partir da gestão preservacionista de seus elementos da paisagem, buscando apreender os significados das formas criadas e as alterações de suas funções no decorrer do tempo, a partir da compreensão tanto de suas estruturas (de onde elas surgiram, o contexto histórico) quanto dos processos que foram responsáveis pelo surgimento das mesmas. Constatou-se, a partir das intervenções no CHB, que a forma espacial e sua função são os elementos que mais são considerados como base para planos e projetos urbanísticos para essa área, secundarizando outros elementos formadores desse espaço, tais como as relações sociais. Nesse sentido, o argumento central sustentado no decorrer da pesquisa foi que as categorias socioespaciais (estrutura, processo, forma e função), que ajudam a explicar a origem da paisagem urbana atual da cidade de Belém, na maioria das vezes, não são utilizadas como base em leis, planos e projetos urbanísticos para o CHB. Com isso, a gestão do tipo preservacionista não dá conta da história da totalidade espacial deste centro histórico, de maneira que a apropriação dos valores e/ou significados está materializada por uma gestão da forma e da função, secundarizando as estruturas e os processos que deram origem a essas mesmas formas e funções do CHB.
Abstract: Nowadays, many Brazilian cities suffer from a growing disability of keeping alive and attractive its historic areas caused by land use transformations deriving from the dynamism of contemporary times. Learning a city's historic area, identifying its values and/or spacial cofiguration meanings and its landscape components in the middle of a society movement, is the first step of analysis, in addition to it serving as a base for social and urban plans and projects that look not only to preserve it but to integrate it to a contemporary life style. This present work takes into consideration the “Historic Center of Belem” (HCB), in the Brazilian Amazon, as a social space containning shape and content. The intervention process on this historic center has been changing it through many spacial actions. Those intervention processes, most of the time, are more focused on the management of shape and function than the social management of its historic centers. By not taking in consideration this auto explaining social space, this research utilizes social and spacial categories (structure, process, function and shape) which explain the space social production, in order to learn dialectical relations between physical shape and actions during history. The general objective of this research was to analize the HCB spacial configuration from the preservationist management of its landscape elements, trying to learn the meaning of created shapes and the changes of its uses along the time, from the understanding of both its structures (where they were coming from, the historic context) and the processes that were responsible for their origins. We realized from the interventions on the HCB, that the spacial shape and its use are the most considered elements of bases for this area’s plans and urban projects, leaving behind other components and elements of this space, such as social relations. In this case, the central argument sustained during this research was that the social space categories (structure, process, shape and use) that helped explain the current origin of Belem’s urban landscape, which most of the time, is not taken into consideration as base for new laws, plans and urban projects on the HCB. With that in mind, the preservationist kind of management cannot handle the total spacial history of this historic center, in a way that the value appropriation and/or meaning is materialized by a shape and use management, leaving behind the structures and processes that gave birth to these same shape and functions of the HCB.
Keywords: Centro Histórico de Belém - CHB
Centros históricos
Paisagens
Espaço (Arquitetura)
Gestão ambiental
Gestão preservacionista
Conservação do patrimônio
Belém - PA
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA::GEOGRAFIA HUMANA::GEOGRAFIA URBANA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Altos Estudos Amazônicos
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Teses em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (Doutorado) - PPGDSTU/NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_AlemFormasFuncoes.pdf22,27 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons