Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/7916
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorMENEZES, Franciani Pantoja-
dc.date.accessioned2017-03-20T12:23:54Z-
dc.date.available2017-03-20T12:23:54Z-
dc.date.issued2013-10-21-
dc.identifier.citationMENEZES, Franciani Pantoja. Avaliação espacial e sazonal da precipitação no estado do Pará. 2013. 92 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Tecnologia, Belém, 2013. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/7916-
dc.description.abstractThe objective of this study was to evaluate the spatial variability and seasonal rainfall in the State of Para. Were used monthly data and annual rainfall of 66 rainfall stations available in hydrometeorological network of National Water Agency – ANA for the period 1982 - 2011. The data were organized with the help of Microsoft Excel spreadsheets. The historical series that fail, these were corrected and consisted. Para is the second largest Brazilian state holds great extent and diversity of natural resources. In terms of density, the state, as well as the seven river basin showed low density of rainfall stations do not comply with the recommendations of the WMO as the minimum density of rain gauges, are areas that require better monitoring. As for seasonality, precipitation shows two distinct seasons, a drought (winter and spring in the Southern Hemisphere), with rainfall less than 100 mm, and a rainy season (summer and autumn in the Southern Hemisphere) with rainfall exceeding 200 mm. The results obtained by the Mann - Kendall and Spearman did not detect any trend of increase or decrease in rainfall during the study period. Through cluster analysis of monthly precipitation were defined 3 Homogeneous Regions with similar climatic characteristics (R1, R2 and R3) to the state of Para.pt_BR
dc.description.sponsorshipFAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisaspt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectRecursos hídricospt_BR
dc.subjectPrecipitação (Meteorologia)pt_BR
dc.subjectSazonalidadept_BR
dc.subjectClimapt_BR
dc.subjectPará - Estadopt_BR
dc.titleAvaliação espacial e sazonal da precipitação no estado do Parápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Tecnologiapt_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA::RECURSOS HIDRICOSpt_BR
dc.contributor.advisor1FERNANDES, Lindemberg Lima-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4641468846318922pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7276235530309914pt_BR
dc.description.resumoO objetivo deste estudo foi avaliar a variabilidade espacial e sazonal da precipitação no Estado do Pará. Foram utilizados dados mensais e anuais de precipitação de 66 estações pluviométricas, disponíveis na rede hidrometeorológica da Agência Nacional de Águas - ANA, relativos ao período de 1982 a 2011. Os dados foram sistematizados com o auxílio de planilhas eletrônicas do Microsoft Excel. As séries históricas que apresentavam falhas, estas foram corrigidas e consistidas. O Pará é o segundo maior estado brasileiro em extensão e detém grande diversidade de recursos naturais. Em termos de densidade, o estado, bem como as 7 regiões hidrográficas apresentaram baixa densidade de estações pluviométricas, não atendendo as recomendações da OMM quanto a densidade mínima de postos pluviométricos, são áreas que necessitam de um melhor monitoramento. Quanto a sazonalidade, a precipitação apresenta duas estações distintas, uma seca (inverno e primavera do Hemisfério Sul), com precipitações inferiores a 100 mm, e outra chuvosa (verão e outono do Hemisfério Sul) com precipitações superiores a 200 mm. Os resultados obtidos através do testes de Mann-Kendall e Spearman não detectaram nenhuma tendência de aumento ou diminuição da precipitação no período estudado. Através da análise de agrupamento das precipitações mensais, foram definidas 3 Regiões Homogêneas, com características climáticas semelhantes (R1, R2 e R3) para o estado do Pará.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Civilpt_BR
Appears in Collections:Dissertações em Engenharia Civil (Mestrado) - PPGEC/ITEC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AvaliacaoEspacialSazonal.pdf5,61 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons