Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/8028
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSOARES, Rosangela Diniz-
dc.date.accessioned2017-03-28T13:43:43Z-
dc.date.available2017-03-28T13:43:43Z-
dc.date.issued2015-08-20-
dc.identifier.citationSOARES, Rosangela Diniz. A argumentação em práticas de leitura e (re) escrita com alunos de 4.ª etapa da EJA de uma escola municipal de São Luís. 2015. 121 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Letras e Comunicação, Belém, 2015. Programa de Pós-Graduação em Mestrado Profissional em Letras em Rede Nacional.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8028-
dc.description.abstractThis study analyzes and characterizes the reading and rewriting productions of the genre argumentative letter of the students from the 4th EJA step of a school from the municipal educational system of São Luís, with a view to identifying skills and competencies in the use of discursive-argumentative resources in written production of the genre argumentative letter that these students have already developed, as well as the difficulties that deserve to be remedied. In this attempt, there’s a reflection about the socio-discursive and interactional conception that guides the study of the language, facing the discursive practices of verbal interaction, which only takes place in real situations of speech and writing and is materialized in the form of textual genres, especially those of argumentative bias. It presents also the concepts of text, gender and discourse from the perspective of Text Linguistics (LT), which sees them as action and not abstraction. Also in this socio-discursive perspective, the argumentation is effective as resource to access the citizenship, as it enables students of EJA questioning their social rights. And for the seizure of data that gave the chance of verification of the difficulties aforementioned, it was used questionnaires and analysis of the initial written production of students of two genders of argumentative bias. The results are revealing that students have difficulties related to the development of discursive-argumentative strategies of gender argumentative letter, but are competent in the capture of the point of view. It is made also a proposal for intervention in the form of a modular didactic sequence, aiming at the systematic work of specific difficulties identified in results. The results are revealing that students are competent in the capture of the point of view in opinion texts, but have difficulties related to the development of discursive-argumentative strategies of gender argumentative letter. It is made also a proposal for intervention in the form of a modular didactic sequence, aiming at the systematic work of specific difficulties identified in results.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectLíngua portuguesa - Composição e exercíciospt_BR
dc.subjectLeitura - Ensino fundamentalpt_BR
dc.subjectLíngua portuguesa - Escritapt_BR
dc.subjectEducação de Jovens e Adultos (EJA)pt_BR
dc.titleA argumentação em práticas de leitura e (re) escrita com alunos de 4.ª etapa da EJA de uma escola municipal de São Luíspt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Letras e Comunicaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LINGUA PORTUGUESApt_BR
dc.contributor.advisor1MENDES, Leila Said Assef-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6659267771631495pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1656160414511810pt_BR
dc.description.resumoEste trabalho analisa e caracteriza as produções de leitura e escrita do gênero carta argumentativa dos alunos da 4.ª etapa da EJA de uma escola da rede de ensino municipal de São Luís, com vistas à identificação de habilidades e competências que esses alunos já têm desenvolvidas, bem como as dificuldades que merecem ser sanadas quanto ao uso dos recursos discursivo-argumentativos na produção escrita do gênero carta argumentativa. Nesse intento, faz-se uma reflexão acerca da concepção sociodiscursiva e interacionista que norteia o estudo da língua, voltado para as práticas discursivas presentes na interação verbal, a qual só se efetua em situações reais de fala e de escrita e se materializa na forma de gêneros textuais, inclusive naqueles de viés argumentativo. Na sequência, apresentam-se as concepções de texto, gênero e discurso sob o foco da Linguística de Texto (LT), que os concebe como ação e não abstração, Marcuschi (2012). Ainda nessa perspectiva sociodiscursiva, a argumentação se efetiva como recurso de articulação à cidadania, já que possibilita aos alunos da EJA questionarem seus direitos sociais. E, para a produção dos dados que oportunizassem a verificação das dificuldades supramencionadas, utilizaram-se questionários e análise da produção escrita inicial dos alunos de dois gêneros de viés argumentativo: a carta argumentativa e a carta do leitor. Os dados são reveladores de que os alunos são competentes na percepção do ponto de vista em textos de opinião, mas têm dificuldades relacionadas ao desenvolvimento das estratégias discursivo-argumentativas do gênero carta argumentativa. Faz-se ainda uma proposta de intervenção sob a forma de uma sequência didática, objetivando o trabalho sistemático de dificuldades específicas apontadas nos dados.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Mestrado Profissional em Letras em Rede Nacionalpt_BR
Appears in Collections:Dissertações em Letras ( Mestrado Profissional) - PROFLETRAS/ILC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ArgumentacaoPraticasLeitura.pdf2,69 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons