Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8055
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 7-Oct-2016
metadata.dc.creator: GOBBO, Angélica Rita
metadata.dc.contributor.advisor1: SALGADO, Claudio Guedes
Title: Avaliação de biomarcadores sorológicos em um estudo de busca ativa de casos novos de hanseníase em área hiperendêmica
Other Titles: Serological biomarker assessment in a study of active new cases finding for leprosy in a hiperendemic area
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
FAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas
Citation: GOBBO, Angélica Rita. Avaliação de biomarcadores sorológicos em um estudo de busca ativa de casos novos de hanseníase em área hiperendêmica. 2016. 48 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2016. Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular.
metadata.dc.description.resumo: A hanseníase é uma doença infecciosa crônica caracterizada por alterações de sensibilidade tátil, térmica e dolorosa na pele e nervos periféricos. Devido a ausência de diagnóstico laboratorial para a hanseníase, novas ferramentas que contribuam para a identificação de casos são necessárias para permitir o tratamento dos doentes antes da progressão para incapacidades físicas. Nesse sentido, o presente estudo objetivou avaliar a contribuição de biomarcadores sorológicos para o diagnóstico precoce da hanseníase. Foi realizado um estudo de busca ativa no distrito de Mosqueiro - Belém – Pará onde todos os participantes foram examinados clinicamente por médicos hansenologistas experientes e então 5mL de sangue periférico foram coletados para posteriores quantificações dos anticorpos anti-ND-O-BSA, anti-LID-1 e anti-NDO-LID pela técnica de ELISA. A ação de busca ativa no distrito de Mosqueiro diagnosticou 104 casos novos entre 895 indivíduos avaliados (11.6%), indicando uma alta endemia oculta que coincide com a alta soroprevalência de anticorpos anti-ND-O-BSA observada entre os estudantes. Foi observada uma diferença significativa entre os pacientes com diagnóstico tardio e precoce, sobretudo nas formas multibacilares. Todos os biomarcadores testados demonstraram resultados promissores na detecção dos casos tardios, tal como relatado na literatura, no entanto para os casos precoces estas moléculas identificaram corretamente apenas 50% dos indivíduos. Nenhum dos biomarcadores avaliados apresentou sensibilidade capaz de identificar todos os casos novos de hanseníase, sejam eles precocemente ou tardiamente diagnosticados. Apesar da molécula LID-1 ter evidenciado uma baixíssima sensibilidade para o diagnóstico precoce, sua alta especificidade e acurácia sugere sua utilização como uma potencial ferramenta de triagem sorológica para a identificação de sujeitos assintomáticos com alto risco de adoecimento. Assim, concluiu-se que apesar de nenhum biomarcador ter revelado utilidade no diagnóstico sorológico, a detecção dos anticorpos anti-LID-1 apresentou uma possível aplicabilidade na triagem dos indivíduos com maior risco de desenvolver a doença, contribuindo indiretamente para o diagnóstico da hanseníase.
Abstract: Leprosy is a cronic infection diasease clinically characterized by changes in tactile, thermal and painful sensitivity in skin and peripheral nerves. Due to the absence of laboratory diagnosis of leprosy, new tools that contribute for identification of cases are necessary for enable patient treatment before progression to physical disabilities. In this sense, the present study aimed evaluate serological biomarkers contribution for early diagnosis of leprosy. Was perfomed an active case finding study in Mosqueiro district, Belém – Pará. All individuals were clinically examined by experient leprologists doctors and than 5mL of peripheral blood were colleted for future titration of anti-ND-O-BSA, anti-LID-1 e anti-NDO-LID by ELISA. The action of active finding in Mosqueiro district diagnosed 104 new cases of leprosy between 895 subjects examined (11.6%), indicating a high hidden endemy that agree with the high seroprevalence between schoolchildren. Were observed a significant difference among patients with late or early diagnoses, mainly in multibacillary forms. All biomarkers tested showed promising results in detection of late cases, such as related in literature, however, for early cases those molecules identified correctly only 50% of patients. None of biomarker tested presented sufficient sensitivity to detect all leprosy patients, early or lately diagnosed. Besides, LID-1 molecule had evidenced a lower sensitivity for early cases, their high especificity and accuracy suggest their use as a potential tool for serological screening to identify assintomatic subjects with high risk of illness. Thus, we concludes that besides no biomarker had reveled utility as a serological diagnostic tool, the detection of anti-LID-1 presented a possible aplicability as a screening marker of subjects with increased risk to develop leprosy, contributing indirectly for leprosy diagnosis.
Keywords: Hanseníase
Biomarcadores
Doenças endêmicas
Doenças infecciosas
Diagnóstico
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOQUIMICA::BIOLOGIA MOLECULAR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Neurociências e Biologia Celular (Mestrado) - PPGNBC/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AvaliacaoBiomarcadoresSorologicos.pdf1,25 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons