Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8136
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 23-Feb-2017
metadata.dc.creator: OLIVEIRA, Nayara Cristina Lima de
metadata.dc.contributor.advisor1: RODRÍGUEZ BURBANO, Rommel Mario
Title: Avaliação seriada do perfil hematológico e bioquímico de primatas não humanos da espécie Sapajus apella tratados com lde-oleato de paclitaxel como instrumento para a terapêutica do câncer
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: OLIVEIRA, Nayara Cristina Lima de. Avaliação seriada do perfil hematológico e bioquímico de primatas não humanos da espécie Sapajus apella tratados com lde-oleato de paclitaxel como instrumento para a terapêutica do câncer. 2017. 83 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2017. Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular.
metadata.dc.description.resumo: Estudo de um sistema de veiculação de quimioterápicos, denominado LDE, com composição lipídica semelhantes com as lipoproteínas de baixa densidade naturais do corpo. As LDE apresentam vantagens sobre as formas químicas comerciais, pois são capazes de se concentrar nos tecidos neoplásicos após injeção na corrente circulatória, podendo assim direcionar-se aos tumores. As LDE podem ser utilizadas como “portadoras” do quimioterápico paclitaxel (PTX) para possível redução da toxicidade e aumento da sua ação terapêutica. A utilização de primatas não humanos como modelos experimentais in vivo é de grande importância em trabalhos de aplicação à saúde humana, devido as suas semelhanças anatômicas, bioquímicas e filogenéticas com os primatas humanos, gerando resultados que podem ser interpretados de forma mais próxima e segura para os fenômenos em seres humanos. O projeto objetivou avaliar a toxicidade crônica das nanopartículas associadas com o quimioterápico Paclitaxel (LDE-PTX) em indivíduos da espécie Sapajus apella, a partir da determinação de parâmetros hematológicos e bioquímicos, e suas possíveis alterações. Durante a pesquisa foram utilizados 15 animais, divididos em grupos: Controle negativo (CN); Experimental (EXP1 e EXP2) onde os animais receberam a LDE-PTX por via intravenosa em duas doses diferentes de 175 mg⁄m2 e 250 mg⁄m2 respectivamente; e o Controle positivo (CP1 e CP2) onde os animais receberam por via intravenosa o fármaco na forma comercial nas mesmas doses utilizadas no grupo experimental, respectivamente. Os primatas foram acompanhados durante 6 ciclos de quimioterapia, com intervalo de 3 semanas. A análise hematológica e bioquímica foi realizada a cada ciclo através dos valores do eritrograma, leucograma, plaquetogrma, fosfatase alcalina, proteína total, albumina e globulina, bilirrubina total e frações, glicemia, amilase e lipase sérica. A análise dos eletrólitos sódio e potássio, foi realizada no soro dos animais nos dias das coletas de materiais. Os dados foram expressos em média ± desvio padrão e submetidos à análise de variância ANOVA, com pós-teste de Bonferroni com significância para p<0,05, através do BioEstat®5.3. Os resultados obtidos demonstraram vantagens da utilização de LDE-PTX, já que os teste hematológicos demonstram que houve uma menor toxicidade em todos os ciclos quimioterápicos e a não alteração da maioria dos parâmetros bioquímicos, demonstram que a toxicidade do fármaco testado associado a LDE apresentam menor efeito tóxico do que sua versão comercial. Conclui-se com as análises dos resultados que a toxicidade hematológica e bioquímica foi menor no tratamento com o PTX associado à LDE do que o tratamento do PTX na sua forma comercial.
Abstract: Study of a chemotherapy delivery system, called LDE, with lipid composition similar to the natural low density lipoproteins of the body, denominated by the acronym LDL. LDEs have advantages over commercial chemical forms, since it is able to concentrate in the neoplastic tissues after injection into the circulatory chain, thus being able to target the tumors. LDE can be used as a "carrier" of paclitaxel (PTX) for possible reduction of toxicity and increase of its therapeutic action. The use of non-human primates as in vivo experimental models are of great importance in human health applications due to their anatomical, biochemical and phylogenetic similarities with human primates, generating results that can be interpreted more closely and safely to The phenomena in humans. The aim of the project was to evaluate the chronic toxicity of nanoparticles associated with to chemotherapy Paclitaxel (LDE-PTX) in individuals of the Sapajus apella species, based on the determination of hematological and biochemical parameters and their possible alterations. During the research 15 animals were used, divided into groups: Negative control (CN); Experimental (EXP1 and EXP2) where the animals received LDE-PTX intravenously two different doses of 175 mg / m2 and 250 mg / m2 respectively; and positive control (CP1 and CP2) where the animals intravenously received the drug in commercial form at the same doses used in the experimental group, respectively. Primates were accompanied for 6 cycles of chemotherapy, with interval of 3 weeks. Hematological and biochemical analysis was performed at each cycle through erythrogram and leukogram, alkaline phosphatase, total protein, albumin and globulin, total bilirubin and fractions, glycemia, amylase and serum lipase. E of the sodium and potassium eletrolytes were carried out in the serum of the animals during the collection days. Data were expressed as mean ± standard deviation and submitted to analysis of variance ANOVA, with Bonferroni post-test with significance for p <0.05, through BioEstat®5.3. The obtained results demonstrated advantages of the use of LDE-PTX, since the hematological tests demonstrate that there was a lower toxicity in all the chemotherapeutic cycles and the non-alteration of the majority of the biochemical parameters, demonstrate that the toxicity of the tested drug associated to LDE present smaller Effect toxic than its commercial version. It was concluded from the analysis of the results that hematological and biochemical toxicity was lower in treatment with PTX associated with LDE than treatment of PTX in its commercial form.
Keywords: Câncer
Quimioterapia
Paclitaxel
Nanopartículas
Primata
Sapajus apella
Nanoemulsão
Toxicidade
Terapêutica
Tratamento do câncer
Testes de toxicidade
LDE-oleato
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA::TOXICOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Neurociências e Biologia Celular
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Neurociências e Biologia Celular (Mestrado) - PPGNBC/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_AvaliacaoSeriadaPerfil.pdf1,85 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons