Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/8184
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 2012
metadata.dc.creator: GONÇALVES, Amanda Cristina Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor1: ROCHA, Gilberto de Miranda
Title: Desenvolvimento territorial em unidades de conservação: o caso da RESEX marinha de São João da Ponta
Citation: GONÇALVES, Amanda Cristina Oliveira. Desenvolvimento territorial em unidades de conservação: o caso da RESEX marinha de São João da Ponta – PA. 2012. 119 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Geografia.
metadata.dc.description.resumo: No atual processo de avanço de unidades de conservação de uso sustentável na Amazônia, a criação de Reservas Extrativistas do tipo marinhas na zona costeira paraense, cobrindo atualmente nove municípios, evidencia-se como estratégia para responder questões relacionadas à gestão dos recursos naturais, pelos quais sobrevivem centenas de comunidades tradicionais pesqueiras nesta região. No entanto, como instrumento na busca de desenvolvimento territorial, a RESEX precisa ser compreendida mediante as limitações que se impõem no contexto de sua implementação. Neste sentido, o território da RESEX Marinha de São João da Ponta, criada no ano de 2002, localizada no nordeste do Estado do Pará, e as políticas públicas decorrentes da criação da Unidade compõem o objeto de análise desta pesquisa, objetivando trazer para o debate acadêmico da Geografia, bem como de outras áreas de interesse, questões relacionadas ao empoderamento e gestão participativa dos recursos de uso comum entre a população tradicional extrativista deste município.
Abstract: In the current process of advancement of conservation units for sustainable use in the Amazon, the creation of Extractive Reserves in the type marine in the coastal Pará, currently covering nine counties, is evident as a strategy to address issues related to natural resource management, in which survive hundreds of traditional fishing communities in this region. However, as an instrument in the pursuit of territorial development, RESEX needs to be understood by the limitations that are imposed in the context of its implementation. In this sense, the territory of the Marine Extractive Reserve of São João da Ponta, established in 2002, located in the northeastern state of Pará, and policies arising from the creation of the unit comprising the object of analysis of this research, aiming to bring to the academic debate of Geography, and other areas of interest, issues related to empowerment and participatory management of the common resources among the population of this municipality traditional extraction.
Keywords: Recursos naturais
Áreas protegidas
Desenvolvimento sustentável
Reserva Extrativista Marinha de São João da Ponta - PA
Biodiversidade
Conservação de recursos naturais
Conservação da biodiversidade marinha
Desenvolvimento territorial
População tradicional
Política pública
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA::GEOGRAFIA REGIONAL
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geografia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Geografia (Mestrado) - PPGEO/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_DesenvolvimentoTerritorialUnidades.pdf3,55 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons