Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8218
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 2-Jul-2013
metadata.dc.creator: FERREIRA, Luzivan dos Santos Gonçalves
metadata.dc.contributor.advisor1: NAHUM, João Santos
Title: Gênero de vida ribeirinho na Amazônia: reprodução socioespacial na região das ilhas de Abaetetuba - PA
Citation: FERREIRA, Luzivan dos Santos Gonçalves. Gênero de vida ribeirinho na Amazônia: reprodução socioespacial na região das ilhas de Abaetetuba-PA. 2013. 148 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2013. Programa de Pós-Graduação em Geografia.
metadata.dc.description.resumo: O objetivo desta dissertação é analisar a reprodução socioespacial dos ribeirinhos da região das ilhas de Abaetetuba, com base em seu gênero de vida, frente às recentes transformações ocorridas nas últimas três décadas na região, advindas do processo de modernização e inserção da Amazônia na lógica do capitalismo global. A noção de gênero de vida foi cunhada na geografia clássica por autores como Herder e La Blache e corresponde, genericamente, a um conjunto de práticas materiais e imateriais pelas quais um grupo é capaz de utilizar os recursos de seu meio físico para a sua reprodução socioespacial. Apesar de ter uma grande importância epistemológica para a geografia, essa noção foi renegada ao esquecimento em função de preconceitos arbitrários. Partimos do pressuposto de que a noção de gênero de vida pode ser trabalhada com comunidades rurais do mundo subdesenvolvido, como é o caso dos ribeirinhos da Amazônia, possibilitando o entendimento dos processos pelos quais os ribeirinhos se reproduzem espacialmente. Nessa região, a relação entre a sociedade e o ambiente sempre se constituiu no elemento principal no processo de produção do espaço. Essa relação com o ambiente contribuiu para o desenvolvimento de um gênero de vida peculiar dos ribeirinhos da Amazônia. No entanto, a região amazônica vem passando nos últimos anos por transformações que são políticas, econômicas, sociais e geográficas e que envolvem o município de Abaetetuba e sua região das ilhas e estão ligadas diretamente a um processo de inserção total da Amazônia em uma lógica capitalista de produção aos moldes do chamado mundo globalizado. Nesse sentido, o gênero de vida ribeirinho tem sido alvo constante das transformações advindas deste processo. Portanto, há nessa discussão uma importante variável concernente à relação existente entre as atuais transformações sociais em curso na região e a reprodução socioespacial dos ribeirinhos da região das ilhas de Abaetetuba, principalmente no que concerne ao seu gênero de vida. Observamos, então, que existe uma relação dialética entre a reprodução socioespacial dos ribeirinhos de Abaetetuba, que se materializa em um lugar por intermédio de seu gênero de vida, e as formas de produção social e espacial, ligadas a lógica do capitalismo global. Essa relação, entretanto, não é somente de submissão e/ou destrutiva, mas também de resistência e de reprodução do gênero de vida dos ribeirinhos da região das ilhas de Abaetetuba.
Abstract: The objective of this dissertation is to analyze the socio-spatial reproduction of riverine people from the islands region of Abaetetuba, based on their genre of life, in the face of recent transformations in the last three decades in the region, resulting from the process of modernization and integration of the Amazon in the logic of global capitalism. The notion of the genre of life was born in the classical geography and was coined by authors such as Herder and La Blache and it corresponds generally to a set of tangible and intangible practices by which a group is able to use the resources of your physical environment for their reproduction socio-spatial. Despite this notion has a big epistemological importance for geography, it was left to forgetfulness due to prejudices arbitrary. We assume that the notion of genre of life can be worked with rural communities in the underdeveloped world, as is the case of the Amazon riverine, enabling the understanding of the processes by which they reproduce spatially. In this region, the relationship between society and the environment has always constituted the main element in the process of production of space. This relationship with the environment contributed to the development of a genre of life peculiar of the Amazon riverine. However, the Amazon region has experienced in recent years by changes that are political, economic, social and geographical and they involve the city Abaetetuba and its Islands region and they are connected directly to a process of full insertion of the Amazon in a capitalist logic the production as the model of globalized world. In this sense, the riverine people’s genre of life has been a constant target of the changes resulting from this process. Therefore, there is an important variable in this discussion concerning the relationship between the current social transformation in the region and the socio-spatial reproduction of the riverine people from the islands region of Abaetetuba, especially with regard to their genre of life. We observed that there is a dialectical relationship between the socio-spatial reproduction of riverine from Abaetetuba, which materializes in a place through their genre of life, and forms of production social and spatial connected to the logic of global capitalism. However, this relationship is not only submission and/or destructive, but it is also of resistance and reproduction of the genre of life of the riverine from the islands region of Abaetetuba.
Keywords: Geografia
Vida ribeirinha
Ribeirinhos
Gênero de vida
Abaetetuba (PA)
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA::GEOGRAFIA HUMANA::GEOGRAFIA DA POPULACAO
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geografia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Geografia (Mestrado) - PPGEO/IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_GeneroVidaRibeirinhoAmazonia.pdf4,23 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons