Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8340
Tipo: doctoralThesis
Título: Estudo da paratuberculose em búfalos (Bubalus bubalis) no estado do Maranhão
Autor(es): REIS, Alessandra dos Santos Belo
Primeiro Orientador: BARBOSA NETO, José Diomedes
Resumo: Este trabalho objetivou estudar a paratuberculose (PTB) em bubalinos no estado do Maranhão (MA). Para isso foram realizadas a utilização da biópsia retal como ferramenta auxiliar na coleta de amostras para o diagnóstico ante mortem da PTB; dosagem de teores de cobre (Cu), zinco (Zn) e ferro (Fe) em animais positivos para PTB, assim como, o relato da detecção de Mycobacterium avium subesp. paratuberculosis (Map) em útero e feto bubalino. No primeiro estudo foram realizadas 140 biopsias retais em bubalinos das raças Murrah, Mediterrâneo e seus mestiços, com idade acima de três anos, no município de São Mateus, MA. Essas biópsias foram processadas por meio das técnicas de Ziehl-Neelsen (ZN) e reação em cadeia da polimerase quantitativa (qPCR). Adicionalmente foi realizada necropsia de 11 búfalos com sinais clínicos sugestivos de PTB, coletadas amostras de íleo e linfonodo mesentério (LM) para a realização de ZN e qPCR. Pela colaboração de ZN das biopsias retais, 4,3% (6/140) apresentaram bacilos álcool-ácidos resistentes (BAAR) e na qPCR, 5% (7/140) tiveram amplificação do material genético. As lesões anatomopatológicas de quatro animais foram compatíveis com lesões sugestivas de PTB, apresentaram BAAR e amplificação de material genético. A concordância entre a biopsia retal e a analise dos tecidos de íleo e LM, segundo o teste Kappa foi alta (k=0,792). No segundo estudo, foram realizadas 13 necropsias em búfalos de raças Murrah, mediterrâneo e seus mestiços, com idade acima de três anos, nos municípios de São Mateus e São Luís, MA. Foram coletadas amostras de íleo e LM para pesquisa de Map e de fígado para dosagem de minerais (Cu, Zn e Fe). Sete búfalos foram positivos PTB e alocados no Grupo 1; e seis búfalos foram negativos e alocados no Grupo 2. Na dosagem dos microminerais, os búfalos do Grupo 1 apresentaram níveis abaixo dos valores de referência para Cu e Zn. observou-se que as medias dos teores de Cu foi 18,0ppm. Os teores de Fe em ambos os grupos foram elevados (>669ppm). O terceiro estudo foi conduzido em uma propriedade em São Luís, MA. Uma búfala prenha, com acentuada debilidade física e com suspeita clinica de PTB foi eutanasiada e necropsiada. Foram coletadas fragmentos de íleo, LM, útero e placenta da fêmea; fragmentos de rim, fígado, vaso umbilical e sistema digestivo (SD) do feto e analisadas através de ZN e qPCR. A fêmea foi positiva em amostras de íleo, LM e útero na qPCR e o feto foi positivo no SD. No íleo, LM e nas fezes foram observados BAAR. Conclui-se que a analise de biopsia retal pode ser empregada para auxiliar no diagnostico ante mortem. A PTB pode induzir quadros de deficiência mineral com consequente piora do quadro clínico da doença. E a presença de Map em búfalos pode ocorrer em vários órgãos, inclusive no sistema reprodutivo e a transmissão intrauterina pode ocorrer nesta espécie.
Abstract: This study investigated paratuberculosis (PTB) in water buffaloes in the state of Maranhão (MA). For that were performed using the rectal biopsy as an auxiliary tool in the collection of samples for ante mortem diagnosis of PTB; dosages of copper (Cu), zinc (Zn) and iron (Fe) in PTB positive animals was performed, as well as the report of the detection of Mycobacterium avium subsp. paratuberculosis (Map) in the utero and fetus of a buffalo. In the first study were conducted 140 rectal biopsies in buffaloes of Murrah, Mediterranean and their crossbreeds, over the age of three years in São Mateus, MA. These biopsies were processed by Ziehl-Neelsen (ZN) staining and quantitative PCR (qPCR). Postmortem examination of 11 buffaloes with clinical signs suggestive of PTB was performed and samples of ileum and mesenteric lymph nodes (MLN) were collected for performing qPCR and ZN. By ZN staining of rectal biopsies, 4.3% (6/140) acid-fast bacilli and qPCR, 5% (7/140) had amplification of genetic material. The pathological lesions of four animals were consistent with lesions suggestive of PTB showed acid-fast bacilli and amplification of genetic material. The correlation between rectal biopsy and analysis of ileal tissue and LM, according to the Kappa test was high (K=0.792). In the second study, 13 postmortem examination were carried in buffaloes of Murrah, Mediterranean and their crossbreeds, over the age of three years in the cities of São Mateus and São Luís, MA. Ileum and mesenteric lymph nodes samples were collected for Map search and liver to dosage minerals (Cu, Zn and Fe). Seven buffaloes were positive for PTB and allocated in Group 1; six buffaloes were negative and allocated in Group 2. In the dosing of trace minerals in Group 1 showed levels below the reference values for Cu and Zn. It was observed that the average Cu concentration was 18.0ppm and Zn 68.6ppm. In Group 2 the average Cu concentration was 113.7ppm and Zn 110.0ppm. The iron concentrations in both groups were high (>669ppm). The third study was conducted on a property in São Luís, MA. A buffalo cow pregnant with marked physical debility and clinical signs suggestive of PTB was eutanasiada and necropsiada. Fragments ileum, MLN, uterus, and placenta of buffalo cow were collected; fragments of kidney, liver, umbilical vessel and digestive system (DS) of the fetus were collected and were analyzed by Zn and qPCR. The buffalo cow was positive in ileum samples, mesenteric lymph nodes and uterus in qPCR and the fetus was positive in DS. In the ileum, MLN and feces were observed acid-fast bacilli. It is concluded that rectal biopsy analysis can be used to help diagnose ante mortem. The PTB could lead to mineral deficiency and worsen the clinical condition of the buffaloes. The presence of Map in buffalo can occur in various organs, including the reproductive system and intrauterine transmission can occur in this species.
Agência de fomento: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
INCT - Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia
Palavras-chave: Búfalo
Paratuberculose
Doença de Johne
Biópsia retal
Infecção intrauterina
Minerais
Doenças em animais
Diagnóstico veterinário
Bubalus bubalis
Bubalinos
Mycobacterium avium
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::PATOLOGIA ANIMAL::PATOLOGIA CLINICA ANIMAL
CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::MEDICINA VETERINARIA PREVENTIVA::SAUDE ANIMAL (PROGRAMAS SANITARIOS)
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Universidade Federal Rural da Amazônia
Sigla da Instituição: UFPA
EMBRAPA
UFRA
Instituto: Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal
Citação: REIS, Alessandra dos Santos Belo. Estudo da paratuberculose em búfalos (Bubalus bubalis) no estado do Maranhão. 2016. 73 f. Tese (Doutorado) -  Universidade Federal do Pará, Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2016. Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8340
Data do documento: 11-Mar-2016
Aparece nas coleções:Teses em Ciência Animal (Doutorado) - PPGCAN/NCADR

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese_EstudoParatuberculoseBufalos.pdf1,54 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons

Ferramentas do administrador