Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8458
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Biometria e barimetria da tartaruga da Amazônia, Podocnemis expansa (SCHWEIGGER, 1812), em sistemas comerciais
metadata.dc.creator: PRINTES, Lanna Daniella dos Santos
metadata.dc.contributor.advisor1: ARAÚJO, Cláudio Vieira de
metadata.dc.description.resumo: Os quelônios representam um dos principais recursos biológicos da região amazônica e servem como importante fonte alimentar para as populações ribeirinhas que vivem ao longo desta região. Em vista disso surgiu à possibilidade de criação comercial. Com objetivo de determinar a biometria da tartaruga da amazônia , além de estimar funções que possam ser utilizadas para barimetria dos animais em dois criatórios comerciais foram feitas biometrias para desenvolver equações barimétricas. Os registros de peso vivo foram utilizados para separar a amostra em animais leves e pesados, para cada local. Em razão da alta variabilidade do peso vivo, o mesmo foi transformado para a escala logarítmica. Para comparação entre diferentes níveis de anos e locais foi realizada análise de variância multivariada. Adotou-se a análise discriminante por meio da utilização de variável canônica. A grande variabilidade para o peso vivo dos animais em cada local e ano revela que mesmo a amostra possuindo mesma idade e origem, os animais apresentaram grande heterogeneidade para o peso vivo. O resultado de análise de correlação canônica para os dois criatórios indica que a variação do peso vivo dos animais pode ser explicada em 84 e 96 % quando se estabelece uma relação linear. Com exceção das variáveis largura de cabeça e comprimento de cauda, todas as demais demonstraram altamente correlacionada com peso vivo. Portanto, há uma alta variabilidade no peso vivo dos animais criado em cativeiro. As biometrias são fortemente correlacionadas com o peso vivo devendo ser incluídas em estudos que visem barimetria.
Abstract: The Chelonians represent one of the main bilological resourses of the Amazon region and stand as a important food source for the people that live by the rivers. For that reason, the possibility of commercial rising came forth. Biometries have been made to develop barometric equations in order to determinate the biometry of the amazon turtle and evaluate functions that can be.used for the barometry of the animals at two commercial rinsing fields. Living weight records was used separate heavy and light samples to each site. Because the great variation of the living weight, it was converted to logarithmic scale. To compare two different levels of years and sites, a multivariated variance analysis was performed. A discriminating analysis was adopted by using a canonic variable. The great living weight variation in each year and site reveals that in samples with same age and origin, the animals show great heterogeneity for living weight. The result of the canonic correlation for two rising fields indicates that the living weight can be explained in 86% and 96% when a linear relation is established. Excepting the head width and tail length variables, all others demonstrated highly correlated to the living weight. Therefore, there are a high variation of the living weight among animals created in captivity. The biometries are highly related to the living weight and should be included in studies that seek barometry.
Keywords: Tartaruga
Podocnemis expansa
Quelônios
Biometria
Barimetria
Criação comercial
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::PRODUCAO ANIMAL::CRIACAO DE ANIMAIS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Universidade Federal Rural da Amazônia
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
EMBRAPA
UFRA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal
Citation: PRINTES, Lanna Daniella dos Santos. Biometria e barimetria da tartaruga da Amazônia, Podocnemis expansa (SCHWEIGGER, 1812), em sistemas comerciais. 2008. 60 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Ciências Agrárias e Desenvolvimento Rural, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2008. Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8458
Issue Date: 2008
Appears in Collections:Dissertações em Ciência Animal (Mestrado) - PPGCAN/NCADR

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_BiometriaBarimetriaTartaruga.pdf1.77 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Admin Tools