Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8534
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 31-Aug-2015
metadata.dc.creator: DIAS, Maírna Costa
metadata.dc.contributor.advisor1: NAKAYAMA, Luiza
Title: A matinta tem a cor da chuva: ludicidade como estratégia de ensino-aprendizagem para Educação ambiental
metadata.dc.description.sponsorship: CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: DIAS, Maírna Costa. A matinta tem a cor da chuva: ludicidade como estratégia de ensino-aprendizagem para Educação ambiental. 2015. 94 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Educação, Belém, 2015. Programa de Pós-Graduação em Educação.
metadata.dc.description.resumo: Considerando que a cultura popular constitui-se como um mosaico colorido de mitos, ritos, valores e saberes e, que estes, por sua vez, estão quase sempre ausentes dos espaços escolares inviabilizando a formação de sujeitos sociais críticos e capazes de valorizar a cultura local, é necessário que a escola desenvolva ferramentas de ressignificação da cultura popular. Nosso estudo pauta-se em uma bibliografia atual e ampliada sobre os temas-foco do trabalho, a exemplo, da Ludicidade, da Educação Ambiental e da Literatura Infantil, dialogando com autores de diferentes áreas de conhecimento, demonstrando nosso gesto interdisciplinar de pensamento e mergulhando em pensamentos como de Carlos Skliar e Homi Bhabha, articulando literatura infantil, práticas (pedagógicas) ambientais e pós-colonialismo, sempre atentos aos processos rizomáticos e transversais que enunciam o desejo de aprender para além das fronteiras disciplinares. Em nosso trabalho buscamos esses instrumentos de valorização da cultura local, por meio das lendas amazônicas (representadas pela lenda da Matinta Perera) acreditamos no grande potencial das produções culturais como estratégias de valoração no regional. Assim, o objetivo desta pesquisa foi buscar compreender as possibilidades e aproximações entre a Mitopoética Amazônica e a Educação Ambiental atenta e contextualizada ao rico imaginário da cultura popular presente nos discursos infantis. Tivemos como locus de pesquisa a Escola de Ensino Infantil “Ecoescola Rita Nery”, localizada no Bairro do Tenoné, Belém, PA com a seguinte metodologia: formação de grupo focal com as professoras da Ecoescola para discussão e planejamento da atividade, delimitação da temática “lixo urbano e a Matinta Perera”, encenação da estória em conexão a temática escolhida, “reconto” da estória por parte das crianças e coleta e analise das narrativas. Constatamos, pelas narrativas infantis, que a personagem Matinta Perera apresentou-se com caráter diversificado o que oportunizou nas crianças a incorporação de hábitos e posturas “ecologicamente corretas”, passando a comportarem-se como agentes multiplicadores ambientais.
Abstract: Whereas popular culture was established as a colorful mosaic of myths, rituals, values and knowledge, and they, in turn, are often absent from school spaces impeding the formation of critical social subjects and able to appreciate the local culture we recognize in the Amazonian legends (represented in this work by the legend of Matinta Perera) potential rescue tools, recovery and reinterpretation of the Amazon culture. The objective of this research was to try to understand the possibilities and approaches between Amazon mythopoeic and environmental education attentive and contextualized to the rich imagery of popular culture present in children's speech. We develop our study in Early Childhood Education School "Ecoescola Rita Nery" located in Tenoné District, Bethlehem, PA to the following methodology: focus group training with teachers of Ecoescola for discussion and planning of activity, thematic delimitation "urban waste and Matinta Perera "story staging tied the chosen theme," retelling "of the story by children and collection of narratives. We note, by the children's narratives, the character Matinta Perera presented with diverse character which provided an opportunity for children to incorporate habits and attitudes "ecologically correct", started to behave as environmental multipliers.
Keywords: Educação ambiental
Educação infantil
Cultura popular
Didática de ensino
Literatura infantil
Ludicidade
Matinta Perera
Belém - PA
Pará - Estado
Amazônia paraense
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAO::EDUCACAO AMBIENTAL
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências da Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Educação (Mestrado) - PPGED/ICED

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_MatintaCorChuva.pdf982,2 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons