Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8832
Compartilhar:
Type: Artigo de Periódico
Issue Date: Aug-2017
Authors: SILVEIRA, Flávio Leonel Abreu da
SILVA, Matheus Henrique Pereira da
Title: Dos galhos às grades: cotidiano e relações interespécies no “Bosque”. Reflexões sobre as interações face a face entre humanos e macacos-de-cheiro (Saimiri sciureus sciureus) na cidade (Belém-PA)
Other Titles: From branches to bars: daily interspecies relations in the “Bosque”. Thoughts on the face to face interactions between humans and macacos-de-cheiro monkeys (Saimiri sciureus sciureus) in the city (Belém-PA)
Citation: SILVEIRA, Flávio Leonel Abreu da ; SILVA, Matheus Henrique Pereira da. Dos galhos às grades: cotidiano e relações interespécies no “Bosque”. Reflexões sobre as interações face a face entre humanos e macacos-de-cheiro (Saimiri sciureus sciureus) na cidade (Belém-PA). Horizontes antropológicos, Porto Alegre, v. 23, n. 48, p. 99-127, mai/ago. 2017. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-71832017000200099&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 12 jul. 2017. <http://dx.doi.org/10.1590/s0104-71832017000200005>.
Resumo: A partir da experiência etnográfica junto às paisagens do zoo do Bosque Rodrigues Alves, na cidade de Belém (PA), nos voltamos às relações entre humanos e não humanos, mais diretamente às interações cotidianas entre tratadores, biólogos, médicos veterinários e a espécie de primata conhecida por mico-de-cheiro (Saimiri sciureus sciureus), bem como as interações com os visitantes e transeuntes que deambulam no interior e no entorno da área verde, envolvendo cuidados sob a ótica do bem-estar animal, no caso da equipe da fauna, até as relações de comensalismo, possibilitando experiências multissensoriais entre humanos e micos, apontando para deslocamentos quanto à perspectiva e às atitudes em relação aos não humanos na urbe amazônica.
Abstract: Based on the etnographic experience in the zoo of Bosque Rodrigues Alves, in the city of Belém (PA), we focus on the relationships between humans and non-humans, specifically the daily interactions between carers, biologists, veterinarians and the primate specie known as squirrel monkey (mico-de-cheiro) (Saimiri sciureus sciureus), as well as the interactions with the visitors and passersby that walk in and around the green area, involving the care for the animals’ well-being, in this case the fauna team, and even the relationships of commensalism, allowing multisensorial experiences between humans and monkeys, pointing to the displacement of perspectives and attitudes towards the non-humans in the urban Amazônia.
Keywords: Macaco-de-cheiro
Bosque Rodrigues Alves
Interação homem-primatas
metadata.dc.relation.ispartof: Horizontes Antropológicos
ISSN: 1806-9983
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Artigos Científicos - IFCH

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_GalhosGradesCotidiano.pdf152,08 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons