Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/8976
metadata.dc.type: Tese
Issue Date: 12-Apr-2016
metadata.dc.creator: FARIAS, Luis Henrique Seabra de
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA, Edilene Oliveira da
Title: Estudo da ação da crotoxina sobre o perfil de ativação de macrófagos peritoneais infectados com Leishmania (Leishmania) amazonensis
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: FARIAS, Luis Henrique Seabra de. Estudo da ação da crotoxina sobre o perfil de ativação de macrófagos peritoneais infectados com Leishmania (Leishmania) amazonensis. 2016. 58 f. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências Biológicas, Belém, 2016. Programa de Pós-Graduação em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários.
metadata.dc.description.resumo: A leishmaniose tegumentar americana (LTA) é uma doença parasitária amplamente disseminada na maioria dos países da América Latina, e pode ser causada por diferentes espécies do gênero Leishmania. Este protozoário é um parasito intracelular obrigatório que desenvolveu mecanismos para subverter a atividade microbicida dos macrófagos, como a inibição da produção de espécies reativas de oxigênio (ROS) e óxido nítrico (NO). A quimioterapia ainda é um dos tratamentos mais efetivos para esta doença, entretanto, as drogas leishmanicidas disponíveis são, em geral, tóxicas, apresentam custo elevado e necessitam da utilização por longos períodos. Assim, o desenvolvimento de novos produtos naturais para o tratamento da leishmaniose se tornou prioridade. As toxinas ofídicas são fontes naturais de produtos bioativos com propriedades terapêuticas amplamente descritas na literatura. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi analisar a ação da crotoxina (CTX), uma proteína dimérica e o principal componente do veneno de serpente da espécie Crotalus durissus terrificus, sobre a interação Leishmania (Leishmania) amazonensis e macrófagos. A toxina diminuiu significativamente em 32,5% o crescimento de promastigotas na concentração de 1,2 μg/mL e 24,9% na concentração de 2,4 μg/mL após 96 horas de tratamento (IC50 = 22,86 μg/mL). O teste colorimétrico (MTT) demonstrou que essa toxina não induziu efeito tóxico sobre macrófagos. Também foi observado que macrófagos tratados com CTX apresentaram um significativo aumento na capacidade de metabolizar o substrato MTT (média = 59,78% ± 3,31, mais elevado) quando comparados ao controle sem tratamento. Além disso, foi observado que os macrófagos tratados apresentaram intensa produção de ROS (média= 35,95% ±2,76, mais elevado) comparado ao controle. Outro dado importante observado foi o fato de células hospedeiras infectadas e tratadas com CTX apresentarem um aumento significativo na capacidade fagocítica e na eliminação dos parasitas intracelulares, com aumento na produção de NO, aumento da área celular e a intensa produção de citocinas pró-inflamatórias, caracterizando o perfil M1 de ativação celular. Esta ativação teve como consequência a morte dos parasitas através da resposta do hospedeiro, diminuindo o número de parasitos após 48h de tratamento com 2,4 e 4,8 μg/mL de CTX, revertendo, assim, a ação anérgica promovida pela L. amazonensis. Portanto, a CTX promove um bom prognóstico para esta infecção, evidenciando a possibilidade desta substância atuar como possível alternativa de tratamento contra leishmaniose, especialmente em casos de infecções por espécies que induzem respostas anérgicas.
Abstract: American Tegumentary Leishmaniasis (ATL) is a parasitic disease widely spread in most countries of Latin America, and caused by different species of the genus Leishmania. This protozoan is an obligate intracellular parasite that developed mechanisms to subvert the microbicidal activity of macrophages, such as inhibition of reactive oxygen species (ROS) and nitric oxide (NO) production. The chemotherapy is one of the most effective treatments for this disease, although the antileishmanial drugs available are in general toxic, expensive and require long-term treatment. Thus, the development of new natural products to treat leishmaniasis has become a priority. Ophidian toxins are natural sources of bioactive products with therapeutic properties already described. Therefore, we considered analyze the activity of crotoxin (CTX), a dimeric protein and the main neurotoxic component of Crotalus durissus terrificus snake venom, against promastigotes of Leishmania (L.) amazonensis and macrophages. The toxin significantly decreasing of 32,5% on the growth of promastigotes at 1,2μg/mL and 24,9% at 4,8μg/mL after 96 hours of treatment (IC50= 22,86μg/mL). The colorimetric assay (MTT) showed that this compound presented no cytotoxic effects against macrophages. Interestingly, CTX treated macrophages presented a significant higher capacity to metabolize the MTT substrate (mean= 59,78% ±3,31, higher) when compared with untreated control. It was observed that treated macrophages presented intense production of ROS (mean= 35,95% ±2,76, higher) when compared with untreated cells. Treated macrophages presented increased phagocytic activity and were capable to eliminate intracellular parasites. Besides that, these cells had it NO and pro-inflammatory cytokines production increased and morphological alteration that characterizes the M1 cellular activation profile. That activation culminates with the parasite elimination throughout host response, reverting the anergic action promoted by L. amazonensis, thereby leading to a good disease prognostic, evidencing that this compound could be a promising antileishmanial agent.
Keywords: Doenças infecciosas e parasitárias
Crotoxina
Macrófagos
Leishmania amazonensis
Crotalus durissus terrificus
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CLINICA MEDICA::DOENCAS INFECCIOSAS E PARASITARIAS
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Teses em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários (Doutorado) - PPGBAIP/ICB

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_EstudoAcaoCrotoxina.pdf1,07 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons