Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/9147
Tipo: Dissertação
Data do documento: 2012
Autor(es): ALENCAR, Maria de Nazaré Costa Santos
Primeiro(a) Orientador(a): BATISTA, Evander de Jesus Oliveira
Primeiro(a) coorientador(a): VALLINOTO, Antonio Carlos Rosário
Título: Caracterização sérica da lectina ligadora de manose (MBL) em indivíduos portadores de parasitoses intestinais
Citar como: ALENCAR, Maria de Nazaré Costa Santos. Caracterização sérica da lectina ligadora de manose (MBL) em indivíduos portadores de parasitoses intestinais. 2012. 102 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Núcleo de Medicina Tropical, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Doenças Tropicais.
Resumo: Apesar de as parasitoses intestinais, serem conhecidas desde muito tempo e serem estudas desde sua identificação, ainda constituem um desafio quanto ao seu diagnóstico e tratamento. Existe a necessidade de investimentos em pesquisas para o diagnóstico mais preciso, para a pronta intervenção, para os casos existentes. Além da prevenção dos fatores de risco que favorecem o surgimento, a manutenção e a propagação desses agentes. O conhecimento de que a competência imunológica do hospedeiro é um fator limitante da carga parasitária de diversas espécies. Considerando-se que a lectina ligadora de manose (MBL), componente do sistema do complemento, é uma proteína chave do sistema imune inato, atuando na primeira linha de defesa contra os patógenos pois é considerada de fase aguda, este estudo com 221 amostras de indivíduos de ambos os sexos e idades variadas, coletadas em três laboratórios distintos, no período de janeiro a abril de 2012. Foi estabelecido o perfil da população do estudo e fez-se a análise da associação entre fatores sociais e demográficos com as entero-parasitoses e avaliada a influência dos níveis séricos da lectina ligadora de manose(MBL) na susceptibilidade das enteroparasitoses, distribuição por faixa etária e sexo. Estabelecida também a comparação entre as concentrações séricas de MBL dos grupos com identificação de parasitas. Foram observadas associações estatisticamente significativas quando se relacionou os protozoários E.histolytica e G.lamblia com a concentração sérica da MBL.
Abstract: Although the intestinal parasitosis are known since a long time and be studied since its identification, still constitute a challenge for their diagnosis and treatment. The delineation of the problem coming up in the necessity of investments in research for more accurate diagnosis, for the prompt intervention, to the existing cases and work for the prevention of risk factors that favor the emergence, maintenance and propagation of these agents. The knowledge that the host's immune competence is a limiting factor of parasitic load of various species, stimulated the research considering that the Mannosebinding lectin (MBL), a component of the complement system, is a key protein of the innate immune system, acting in the first line of defense against pathogens because it is considered acute phase. In this study, were colected 221 samples of individuals of both gender and varied ages at three different laboratories, in the period from January to April 2012. The profile of the population of the study are made and the analysis of the association between social and demographic factors with the entero-parasites and evaluated the influence of serum levels of Mannose-binding lectin (MBL) susceptibility of enteroparasitoses, distribution by age group and gender. Established also the comparison between serum concentrations of MBL of groups with identification of parasites. Statistically significant associations were observed when related protozoa E. histolytica and G.lamblia with the serum concentration of the MBL.
Palavras-chave: Doenças parasitárias
Saúde pública
Parasitoses intestinais
Enteroparasitoses
Lectina ligadora de manose (MBL)
Helminto
Protozoários
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::PARASITOLOGIA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIA::IMUNOLOGIA APLICADA
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Pará
Sigla da Instituição: UFPA
Instituto: Núcleo de Medicina Tropical
Programa: Programa de Pós-Graduação em Doenças Tropicais
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Aparece nas coleções:Dissertações em Doenças Tropicais (Mestrado) - PPGDT/NMT

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_CaracterizacaoSericaLectina.pdf823,1 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons