Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/9318
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 30-May-2017
metadata.dc.creator: MAIA, Rosely Cardoso
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA, Lúcia Isabel da Conceição
Title: Risco e proteção à violência intrafamiliar nas trajetórias desenvolvimentais de adolescentes e jovens
Other Titles: Intrafamiliary violence against adolescents and young people: exposure and perceptions on risk and protection in the developmental trajectories of students of public schools of the municipality of Belém
metadata.dc.description.sponsorship: CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Citation: MAIA, Rosely Cardoso. Risco e proteção à violência intrafamiliar nas trajetórias desenvolvimentais de adolescentes e jovens. 2017. 172 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Educação, Belém, 2017. Programa de Pós-Graduação em Educação.
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação teve como objetivo investigar a exposição de adolescentes e jovens à violência no contexto familiar, identificando suas percepções sobre esta violência, sobre os fatores de risco e proteção, bem como suas implicações nas trajetórias de desenvolvimento de estudantes de escolas públicas do município de Belém. Para tanto, foram realizados dois estudos, o primeiro consistiu em uma Revisão Sistemática de Literatura acerca do panorama das pesquisas sobre violência intrafamiliar contra a adolescentes e jovens, onde a busca deu-se nos diretórios da CAPES, SciELO e LILACS, tendo sido selecionados para análise 22 artigos que estavam em consonância com os critérios de inclusão pré-determinados. A análise foi feita através da análise de conteúdo, resultando em duas categorias finais: os fatores de risco e os fatores de proteção. Os fatores de risco mais frequentes nos estudos foram violência sexual, violência física, violência psicológica, gravidez na adolescência, abuso de álcool e DST/AIDS. Já os fatores de proteção corresponderam ao acolhimento institucional, percepção sobre a violência intrafamiliar, rede de atendimento, percepção sobre a família e rede de apoio. O segundo estudo teve abordagem qualitativa, com delineamento transversal e retrospectivo sobre as questões que envolvem as relações familiares e a exposição à violência intrafamiliar contra adolescentes e jovens. Participaram deste último, cinco estudantes de escolas públicas do município de Belém, na faixa etária de 16 a 19 anos. Foram utilizados para a coleta de dados a entrevista semiestruturada e o diário de campo. A técnica de análise foi feita por meio da análise de conteúdo, que evidenciou as seguintes categorias temáticas: relações familiares, percepções sobre a família, risco e proteção nas relações familiares e, implicações da violência intrafamiliar nas trajetórias de desenvolvimento dos sujeitos. De modo geral, os resultados destas categorias evidenciaram que os adolescentes e jovens têm percepção positiva sobre a família, onde esta exerce papel fundamental na vida destes, apesar de terem sido expostos à violência física e/ou psicológica ao longo das suas trajetórias de desenvolvimento. Ademais, os estudantes atribuíram como implicações da exposição à violência intrafamiliar a mudança no comportamento de modo a prevenir a reincidência da violência, bem como não reproduzir com os filhos a violência sofrida. Conclui-se apontando para a necessidade de compreender a dinâmica familiar e como esta pode se configurar como fator de risco aos adolescentes e jovens, colocando-se em discussão o seu papel protetivo no desenvolvimento dos membros familiares.
Abstract: This dissertation aimed to investigate the exposure of adolescents and young people to violence in the family context, identifying their perceptions about this violence, about risk and protection factors, as well as their implications in the developmental trajectories of students from public schools in the city of Belém Two studies were carried out: the first consisted of a Systematic Review of Literature about the panorama on intrafamily violence against adolescents and young people, where the search was done in the CAPES, SciELO and LILACS directories, and were selected for analysis 22 articles that were in line with pre-determined inclusion criteria. The analysis was made through content analysis, resulting in two final categories: risk factors and protection factors. The most frequent risk factors in the studies were sexual violence, physical violence, psychological violence, teenage pregnancy, alcohol abuse and STD / AIDS. The protection factors corresponded to the institutional reception, perception about intrafamily violence, care network, perception about the family and support network. The second study had a qualitative approach, with transversal and retrospective delineation on issues involving family relationships and exposure to intrafamily violence against adolescents and youth. Fifteen students from public schools in the municipality of Belém, aged between 16 and 19, participated in the study. The semi-structured interview and the field diary were used for data collection. The analysis technique was based on content analysis, which showed the following thematic categories: family perceptions, risk and protection in family relationships, perceptions about intrafamily violence, and the implications of intrafamily violence in the trajectories of development of the subjects. In general, the results of these categories showed that adolescents and young people have a positive perception about the family, where it plays a fundamental role in their lives, even if they have been exposed to physical and / or psychological violence along their developmental trajectories. In addition, the students attribute the behavioral changes as a consequence of exposure to intrafamily violence in order to prevent the recurrence of violence, as well as not reproduce with the children the violence suffered. It concludes by pointing to the need to understand the family dynamics and how this can be configured as a risk factor for adolescents and young people, putting in question its protective role in the development of family members.
Keywords: Violência familiar
Adolescentes e violência
Família
Adolescentes
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências da Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Educação (Mestrado) - PPGED/ICED

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_RiscoProtecaoViolencia.pdf3,69 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons