Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/9698
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 24-Aug-2012
metadata.dc.creator: MONTEIRO, Márcia Joana Souza
metadata.dc.contributor.advisor1: BARBOSA, Wagner Luiz Ramos
Title: Conhecimento e uso de plantas medicinais nas comunidades de uma unidade de conservação: uma contribuição para a gestão da APA Algodoal-Maiandeua
Citation: MONTEIRO, Márcia Joana Souza. Conhecimento e uso de plantas medicinais nas comunidades de uma unidade de conservação: uma contribuição para a gestão da APA Algodoal-Maiandeua. 2012. 159 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Meio Ambiente, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Gestão de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia. Disponível em: <http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/9698>. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho visa contribuir para a gestão ambiental da Área de Proteção Ambiental Algodoal-Maiandeua, a partir do registro de um aspecto cultural e da valorização dos saberes local. Neste sentido, disponibiliza informações sistematizadas sobre os usos e conhecimentos sobre plantas medicinais para inclusão no plano de manejo, incentivando a utilização sustentada de recursos naturais e enfatizando a importância do reconhecimento destas práticas, assim como para a inserção oficial de plantas medicinais na atenção à saúde da população local, sugerindo a constituição da Política Municipal de Plantas Medicinais e Fitoterápicos (PMPMF) do município de Maracanã, no Estado do Pará. A coleta de dados privilegiou a metodologia qualitativa, pois na busca de conhecimento sobre o homem e sua vida, deve-se adotar uma metodologia informada por uma teoria sobre a própria natureza deste homem. Ademais, adotou-se diversos métodos, com destaque para a observação participante e entrevista, este último visando combinar certo grau de quantificação a observação. Como instrumento utilizou-se formulários semiestruturados, aplicados pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACSs), atividade colocada em prática após capacitação em etnofarmácia, configurando uma participação mais efetiva das comunidades. Pesquisas bibliográficas também foram efetuadas, com o intuito de levantar as espécies medicinais já catalogadas em pesquisas anteriores. A pesquisa foi realizada envolvendo os quatro vilarejos que constituem a APA Algodoal-Maiandeua (Algodoal, Camboinha, Fortalezinha e Mocooca). As respostas obtidas levam ao alcance dos objetivos, disponibilizando informações sobre plantas medicinais e o conhecimento local associado à elas, propiciando contribuições no que concerne à gestão da unidade de conservação de uso sustentável.
Abstract: This work aims at the proposal to contribute for the environmental management of Environmental Protection Area Algodoal-Maiandeua, by cultural record and appreciation of the local knowledge. This consideration is in order to provide systematic information on the uses and knowledge of medicinal plants for inclusion in the management plan and encourage sustainable use of natural resources by emphasizing the importance of recognizing these practices, as well as in official inclusion of medicinal plants for health care the local population and in the same direction for suggesting Policy of Medicinal Plants and Herbal Medicines (PNPMF) in such place. So, data collection focused qualitative methodology, because the quest for knowledge about man and his life was thus adopted a methodology informed by a theory about the very nature of man. Data collection emphasizes the qualitative methodology because the pursuit of knowledge about man and his life to take into account a certain methodology consistent with its nature. Moreover, several methods are adopted, with emphasis on observation and interview, the latter aiming to combine a degree of quantification from observation. As a tool was used semi-structured forms, applied by the Community Health Agents (CHA), activity implemented after training on ethnopharmacy and involving the active participation of communities. Literature searches were also performed in order to obtain the medicinal species already cataloged in previous surveys. The survey was conducted involving the four villages that form the APA Algodoal-Maiandeua (Algodoal, Camboinha, Fortalezinha and Mocooca). The answers lead to the achievement of objectives, providing information on medicinal plants and local knowledge related with them, and offering contributions regarding the management of conservation units for sustainable use.
Keywords: Área de Proteção Ambiental Algodoal-Maiandeua (PA)
Gestão ambiental
Plano de manejo
Plantas medicinais
Etnofarmacologia
Maracanã (PA)
metadata.dc.subject.areadeconcentracao: GESTÃO DOS RECURSOS NATURAIS E DESENVOLVIMENTO LOCAL
metadata.dc.subject.linhadepesquisa: GESTÃO AMBIENTAL
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA::FARMACOGNOSIA
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Núcleo de Meio Ambiente
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Gestão de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Gestão de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia (Mestrado) - PPGEDAM/NUMA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_ConhecimentoUsoPlantas.pdf13,46 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons