Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/9755
Compartilhar:
Type: Dissertação
Issue Date: 2017
Authors: ALBUQUERQUE, Maria do Socorro Barbosa
First Advisor: SILVA, Fábio Carlos da
Title: Capital social e desenvolvimento local: uma análise a partir da atuação da Cooperativa Agrícola Mista de Tomé-Açu (CAMTA), no município de Tomé-Açu/PA
Citation: ALBUQUERQUE, Maria do Socorro Barbosa. Capital social e desenvolvimento local: uma análise a partir da atuação da Cooperativa Agrícola Mista de Tomé-Açu (CAMTA), no município de Tomé-Açu/PA. 2017. 97 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Belém, 2017. Programa de Pós-Graduação em Gestão Pública. Disponível em: <http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/9755>. Acesso em:.
Resumo: O desenvolvimento endógeno enquanto teoria considera a existência de fatores determinantes no contexto local ou territorial em três importantes dimensões: a econômica, a sociocultural e a política que, conjuntamente, explicam as razões pelas quais, ou sobre quais especialidades as regiões, dada as mesmas condições, possuem dinâmicas ou processos de desenvolvimento diferenciados. Para compreender as diferenciações nos processos de desenvolvimento das regiões, outra teoria também foi formulada, a do capital social cujas bases teóricas afirmam que regiões com presença desse capital são mais desenvolvidas quando comparadas às regiões inexiste a presença do capital social, em geral, ligados à tradição e valores de uma cultura. Com base nesses pressupostos teóricos, buscou-se identificar a presença de capital social no município de Tomé-Açu e analisar a contribuição da Cooperativa Agrícola Mista de Tomé-Açu (CAMTA), para o desenvolvimento local. A pesquisa caracteriza-se como um estudo de caso de natureza exploratório-descritivo. Assim, procedeu-se a pesquisa a fim de caracterizar o município de Tomé-Açu, bem como a Região do Capim, identificando aspectos relacionados a sua formação histórica, econômica e social. Foram identificados os fatores colaborativos para a formação da colônia nipo-brasileira no município do Acará além dos que potencializaram o capital social nipônico existente entre os colonos imigrantes japoneses. Os resultados da pesquisa confirmam que o capital social nipônico e sua organização social promoveram mudanças no interior da colônia dando a ela um novo caráter pautado na cooperação, na solidariedade, na ajuda mútua e no trabalho sistemático, o que impactou sobremodo o território dando a ele nova configuração no campo político, geográfico e econômico promovendo o desenvolvimento local de Tomé-Açu. Atualmente a Cooperativa Agrícola Mista de Tomé-Açu atua em conformidade com as dimensões da sustentabilidade, com destaque ao Sistema Agroflorestal de Tomé-Açu (SAFTA), que também se constitui em a tecnologia social transferida às comunidades de agricultores familiares da região.
Abstract: As a theory, endogenous development considers the presence of determining factors in the local or territorial context in three important dimensions: economic, sociocultural and political, which altogether explain the reasons why, or based on what specificities, regions, given the same conditions, show different dynamics or processes of development. In-order to understand the differentiations regarding the processes of development of the regions, another theory was also formulated, that of social capital, which theoretically affirms that regions with the presence of this capital are more developed when compared to regions in which social capital is absent. Based on these theoretical propositions, we sought to identify the presence of social capital in the municipality of Tomé-Açu and to analyze the contribution of the Mixed Agricultural Cooperative of Tomé-Açu (CAMTA) to local development. The research is characterized as an exploratory-descriptive case study. Thus, the research was carried out in order to characterize the municipality of Tomé-Açu, as well as the Region of Capim, identifying aspects related to its historical economic and social formation. We identified the collaborative factors for the formation of the Japanese-Brazilian colony in the municipality of Acará, in addition to those that enhanced the Japanese social capital among the Japanese immigrant settlers. The research results confirm that the Japanese social capital and its social organization promoted changes within the colony giving it a new character based on cooperation, solidarity, mutual aid and systematic work, which greatly impacted the territory giving it new configuration in the political, geographic and economic field promoting the local development of Tomé-Açu. Currently, the Mixed Agricultural Cooperative of Tomé-Açu operates in conformity with the dimensions of sustainability with a focus on Agroforestry System of Tomé-Açu (SAFTA), which also constitutes in social technology transferred to the communities of family farmers in the region.
Keywords: Capital social - Tomé-Açu (PA)
Japoneses - Tomé-Açu (PA)
Desenvolvimento econômico
Cooperativas agrícolas - Tomé-Açu (PA)
Cooperativa Agrícola Mista de Tomé-Açu (CAMTA)
Desenvolvimento endógeno
Concentration Area: GESTÃO PÚBLICA DO DESENVOLVIMENTO
Research Line: GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA::SOCIOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
Institution Acronym: UFPA
Department: Núcleo de Altos Estudos Amazônicos
Program: Programa de Pós-Graduação em Gestão Pública
Source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Dissertações em Gestão Pública (Mestrado) - PPGGP/NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_CapitalSocialDesenvolvimento.pdf2,83 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons