Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/2723
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSANTOS, Protásio Cézar dos-
dc.date.accessioned2012-05-09T14:23:33Z-
dc.date.available2012-05-09T14:23:33Z-
dc.date.issued2010-11-22-
dc.identifier.citationSANTOS, Protásio Cézar dos. Discursos da mídia impressa sobre a implantação da Alcoa Mineração S.A. em São Luís, Maranhão. 2010. 301 f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Belém, 2010. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/2723-
dc.description.abstractIn this research it is done the analysis of the discourse of the media faced to the politics and actions oriented by the development ideology and also the private documents in the process of implantation of ALCOA MINERAÇÃO S.A. This research aimed on describing the routes and discourses about the process of industrializing and development of Brazil from the year of 1950, examining the impacts toward the Amazon region context; relate the economy scenario of Maranhão State in1980 with implantation of the ALCOA MINERAÇÃO S.A Project; examine the discourses of the press media from Maranhão when informing the population of São Luís about the environmental impacts of the implantation of the ALCOA MINERAÇÃO S.A Project.; identify the actions and reactions of ALCOA MINERAÇÃO S.A Project about the discourses of the press media during the implantation of the alumini and aluminium plant. To guarantee this aim, it is presented a set of theories about the development ideology, via the process of industrialization of the government of Getulio Vargas and Juscelino Kubitscheck and the strategy of occupation of the Amazon Rain Forest during the military government. The government of Getulio Vargas defended a project of autonomous national development. The governmental rhetoric was the construction of a developed nation. The government of Juscelino Kubitschek aimed on the development through the attraction and stimulus of foreign investments in productive sectors. The Military Government though, intensified the occupation of Amazon Rain Forest, through the implantation of regional development plans. It is shown the impacts of the implantation of the ALCOA MINERAÇÃO S.A Project on the economy, on the social and on the environmental aspects in the State of Maranhão. The model of the research used is quality and interpretation based, also going through the exploring, descriptive, bibliographic and documental research. The documental background is based on the local press media in the period of implantation of the ALCOA MINERAÇÃO S.A Project, from the years of 1980 to 1984. The techniques used to analyze and interpret the results were the analysis of the discourse underlined by the French School. Along the analysis of the discourse of the press media, it was possible to verify its action on an ideological basis and that its discourses, originally come from several enunciations: govern, politics and other civil actors.pt_BR
dc.description.provenanceSubmitted by Ana Rosa Silva (arosa@ufpa.br) on 2012-05-09T14:22:29Z No. of bitstreams: 2 Tese_DiscursoMidiaImpressa.pdf: 23695931 bytes, checksum: fe6c439b08016789e76ba7991cc32383 (MD5) license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5)en
dc.description.provenanceApproved for entry into archive by Ana Rosa Silva(arosa@ufpa.br) on 2012-05-09T14:23:33Z (GMT) No. of bitstreams: 2 Tese_DiscursoMidiaImpressa.pdf: 23695931 bytes, checksum: fe6c439b08016789e76ba7991cc32383 (MD5) license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5)en
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2012-05-09T14:23:33Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Tese_DiscursoMidiaImpressa.pdf: 23695931 bytes, checksum: fe6c439b08016789e76ba7991cc32383 (MD5) license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) Previous issue date: 2010en
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Pará-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectDiscurso da mídiapt_BR
dc.subjectIdeologia políticapt_BR
dc.subjectAnálise do discursopt_BR
dc.subjectAlcoa (Brasil)pt_BR
dc.subjectPublicidadept_BR
dc.subjectRelações públicaspt_BR
dc.subjectPropaganda - Maranhão - Jornaispt_BR
dc.subjectDesenvolvimento sustentável - Maranhãopt_BR
dc.subjectSão Luis (MA) - Condições sociaispt_BR
dc.subjectSão Luis (MA) - Condições econômicaspt_BR
dc.titleDiscursos da mídia impressa sobre a implantação da Alcoa Mineração S.A. em São Luís, Maranhãopt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.departmentNúcleo de Altos Estudos Amazônicos-
dc.publisher.initialsUFPA-
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO-
dc.contributor.advisor1ACEVEDO MARIN, Rosa Elizabeth-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0087693866786684-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/8366575648240693-
dc.description.resumoNesta tese é realizada a análise dos discursos da mídia face às políticas e ações orientadas pela ideologia desenvolvimentista, além da análise de documentos particulares relativos ao processo de implantação da ALCOA MINERAÇÃO S.A. A pesquisa teve como objetivos: descrever os percursos e discursos sobre o processo de industrialização e desenvolvimento do Brasil a partir dos anos 1950, examinando os impactos à luz do contexto da Região Amazônica; relacionar o quadro da economia maranhense em 1980 com o projeto de implantação da ALCOA MINERAÇÃO S.A.; examinar os discursos veiculados pela mídia impressa maranhense no sentido de informar a população de São Luís sobre os impactos ambientais quando da implantação da ALCOA MINERAÇÃO S.A; identificar as ações e reações da ALCOA MINERAÇÃO S.A. em resposta ao discurso da mídia impressa durante a implantação da fábrica de alumina/alumínio. Resumo: Para atingir tal fim, apresenta-se um conjunto histórico-teórico sobre a ideologia desenvolvimentista via processo de industrialização dos Governos Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek, e a estratégia de ocupação da Amazônia durante o regime militar. O Governo Getúlio Vargas defendia um projeto de desenvolvimento nacional autônomo. A retórica governista era a de construção de uma nação desenvolvida. O Governo Juscelino Kubitschek buscava o desenvolvimento pela atração e estímulo aos investimentos estrangeiros em setores produtivos. Já o Governo Militar intensificou a ocupação da Amazônia com a implantação de planos de desenvolvimento regional. Mostra-se que a implantação do projeto ALCOA MINERAÇÃO S.A. desencadeou impactos na economia, no âmbito social e ambiental maranhense O modelo de pesquisa usado é o qualitativo/interpretativo, passando também pela pesquisa exploratória, descritiva, bibliográfica e documental. O suporte documental está respaldado na mídia impressa local, no período da implantação da ALCOA MINERAÇÃO S.A. nos anos 1980 a 1984. A técnica adotada para análise e interpretação dos resultados é a análise do discurso, tendo como suporte a escola francesa. Na análise do discurso da mídia impressa foi possível verificar que ela age em nível da ideologia e que seus discursos têm origem em vários lugares de enunciação: governo, políticos e atores sociais diversos.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido-
dc.description.affiliationUEMA - Universidade Estadual do Maranhãopt_BR
Appears in Collections:Teses em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (Doutorado) - PPGDSTU/NAEA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_DiscursoMidiaImpressa.pdf23,14 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons