Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/10572
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorALBUQUERQUE FILHO, Armando do Lago-
dc.date.accessioned2019-02-06T14:24:24Z-
dc.date.available2019-02-06T14:24:24Z-
dc.date.issued2015-
dc.identifier.citationALBUQUERQUE FILHO, Armando do Lago. Educação jurídica indígena: superando a dicotomia pluralismo versus monismo. Orientador: Saulo Tarso Rodrigues. 2015. 151 f. Dissertação (Mestrado em Direito) - Instituto de Ciências Jurídicas, Universidade Federal do Pará, Belém, 2015. Disponível em: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/10572. Acesso em:.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/10572-
dc.description.abstractThe curriculum structure of legal education has been built from a monistic approach, opposing the pluralistic perspective of law. This research promotes a theoretical effort to overcome the dichotomy between the two theories, aiming to contribute with the initial elements and values for the development of an indigenous legal education founded both in the monism and in the pluralism as well. In order to fulfill this goal we used the deductive method and literature review to analyze the meanings of law from the state as opposed to the legal pluralism. It determined itself the categories of general analysis to perform the duties of a position in an application of the specific native legal education.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Parápt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.source1 CD-ROMpt_BR
dc.subjectEducação jurídicapt_BR
dc.subjectMonismo jurídicopt_BR
dc.subjectPluralismo jurídicopt_BR
dc.titleEducação jurídica indígena: superando a dicotomia pluralismo versus monismopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Ciências Jurídicaspt_BR
dc.publisher.initialsUFPApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::DIREITO::DIREITO PUBLICO::DIREITO CONSTITUCIONALpt_BR
dc.contributor.advisor1RODRIGUES, Saulo Tarso-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/8585243462003260pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/8645483153251322pt_BR
dc.description.resumoA estrutura curricular da educação jurídica tem sido construída a partir de uma abordagem monista, opondo-se à perspectiva pluralista do direito. Essa investigação realiza um esforço teórico de superação da dicotomia entre ambas as teorias, objetivando contribuir com elementos principiológicos e valores para o desenvolvimento de uma educação jurídica indígena fundada tanto no monismo como no pluralismo. Para o cumprimento desse objetivo foi utilizado o método dedutivo e revisão bibliográfica para analisar os significados de direito a partir do estado em contraposição ao pluralismo jurídico. Definiu-se categorias de análise gerais para posteriormente servirem de aplicação numa educação jurídica específica indígena.pt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Direitopt_BR
dc.subject.linhadepesquisaDIREITOS HUMANOS E INCLUSÃO SOCIALpt_BR
dc.subject.areadeconcentracaoDIREITOS HUMANOSpt_BR
Appears in Collections:Dissertações em Direito (Mestrado) - PPGD/ICJ

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_EducacaoJuridicaIndigena.pdf854,01 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons