Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/3778
metadata.dc.type: Tese
Issue Date: 13-Nov-2012
metadata.dc.creator: PINHEIRO, Jackson Costa
metadata.dc.contributor.advisor1: GONÇALVES, Terezinha Valim Oliver
Title: Metamorfoses de formadores de professores na educação em ciências modificando práticas na prática de formação docente a distância
Citation: PINHEIRO, Jackson Costa. Metamorfoses de formadores de professores na educação em ciências modificando práticas na prática de formação docente a distância. 2012. 148 f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Educação Matemática e Científica, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemáticas.
metadata.dc.description.resumo: Esta investigação qualitativa de abordagem narrativa é atinente às experiências de mudanças nas práticas de formadores de professores (entre os quais o pesquisador se inclui) vividas e narradas no âmbito de uma Licenciatura em Ciências Biológicas, desenvolvida na modalidade a distância em uma universidade pública federal. Esse curso apresenta uma estrutura descentralizada de funcionamento com turmas ofertadas nos municípios-polos de Marabá, Oriximiná e Capanema, no período de realização da pesquisa, e sede da coordenação em Belém. O objetivo que persigo nesta pesquisa consiste em investigar em que termos experiências diferenciadas de práticas de formação a distância influem para melhorar as práticas de formação presencial na educação em ciências. A tese que sustento se configura na compreensão de que experiências diferenciadas de formação de professores de ciências/biologia, vividas em contextos resistentes a modelos tradicionais de ação/formação, tendem a catalisar processos de mudanças auto-organizativas nas práticas dos formadores, repercutindo em diferentes níveis e modalidades de ensino em vista de parâmetros atuais da educação em ciências. A construção do material empírico nos municípios-polos ocorreu em duas etapas: a) Reuniões nos Grupos de Estudos e Formação (GEF) constituídos com as equipes de formadores em três municípios-polos do curso, cujas interações foram registradas em equipamento de áudio e vídeo com duração média 10 horas de filmagem por grupo. Durante as reuniões nos GEF defini como critérios de seleção dos sujeitos, cujas vozes constituíram o relato da tese, a formação profissional na área da biologia e o elevado nível e frequência de manifestações reflexivas durante as interações nos GEF, a partir dos quais selecionei 09 formadores, b) Entrevista semi-estruturada com os 09 sujeitos, registrada em equipamento de áudio com duração média de 50 minutos por sujeito. Na sede do curso a produção empírica se restringiu à realização de entrevistas semi-estruturadas com dois sujeitos selecionados em função da elevada frequência de manifestações espontâneas sobre mudanças em suas práticas formativas; sendo gravadas em equipamento de áudio cada entrevista durou em média 50 minutos. O material empírico foi organizado em três campos de atração narrativa identificados em eixos de convergência referentes a autoconhecimento, auto-organização e parâmetros emergentes das práticas formativas em Educação Científica, os quais originaram as três seções analíticas da pesquisa. A análise desse conteúdo narrativo revela a emergência de movimentos de mudanças nas práticas dos formadores, mobilizados por experiências de trabalho colaborativo em busca de respostas possíveis para problemas situados em espaços indeterminados da prática formativa. Em geral, essas experiências são valorizadas pelos sujeitos na licenciatura em foco como elementos de desenvolvimento pessoal e profissional, tanto porque evidenciam os limites de suas percepções e práticas de ensino/formação usuais, quanto pela necessidade de superação das origens positivistas de sua formação profissional, situadas na perspectiva da docência como atividade técnica. A superação da concepção técnica de formar professores de ciências rumo a mudanças nas práticas dos sujeitos envolve, entre outros aspectos, a forte aproximação entre a escola e a universidade em função da maioria dos formadores das equipes de tutoria também atuarem como professores de ciências/biologia na educação básica, o que torna prioritário o investimento na formação do professor de ciências. Esses aspectos interagem em mútua inclusão em busca de um novo profissionalismo e da construção em processo de uma epistemologia da prática reflexiva como fundamentos das mudanças auto-organizativas na prática dos formadores de professores de ciências.
Abstract: This qualitative research on narrative approach is regarding to experiments of changes in the practices of teacher‟s trainers (amongst others the researcher is included) lived and narrated in a degree in Biological Sciences, developed in the distance at a public federal University. This course presents a decentralized operating structure with classes offered in the municipalities-poles of Marabá, Oriximiná and Capanema, in the period of the research, and coordination headquarters in Belém. The goal that I pursue in this research is to investigate in which terms differentiated experiences of distance learning practices influence in order to improve the face-to-face training practices in education in science. The thesis that I propose is designed on the understanding that differentiated experiences of training teachers of Science/Biology, lived in resistant contexts to traditional models of action/training, tend to catalyze processes of auto-organized changes in the practices of the trainers, reflecting on different levels and types of education concerning the current parameters of education in science. The construction of the empirical material in the municipalities-poles occurred in two stages: a) Meetings in Study Groups and Training (SGT) constituted with teams of trainers in three municipalities-course poles, whose interactions were recorded on audio and video equipment with 10 hours average duration of footage per group. During the meetings in the SGT I set as criteria for the selection of subjects, whose voices were the thesis report, the vocational training in the area of biology and the high level and frequency of reflective demonstrations during the interactions in SGT, from which I selected 09 trainers, b) Semi-structured interview with 09 subjects, recorded on audio equipment with an average duration of 50 minutes per subject. At the headquarters of the course the empirical production was restricted in conducting of semi-structured interviews with two subjects selected according to the high frequency of spontaneous demonstrations about changes in their training practices; being recorded on audio equipment each interview lasted on average 50 minutes. The empirical material was organized into three fields of narrative attraction identified in convergence axes relating to self-knowledge, self-organization and emerging educational practices parameters in science education, which led to the three sections of analytical research. The analysis of this narrative content reveals the emergence of movements of changes in the practices of the trainers, who were mobilized by experiences of collaborative work in search of possible responses to issues set in indeterminate spaces of the training practice. In General, these experiences are valued by subjects in the degree focusing as elements of personal and professional development, either because they are evidence of the limits of their perceptions and practices of teaching/training, or the need to overcome the positivist origins of their professional training, located in the perspective of teaching as a technical activity. Overcoming the technical conception of forming science teachers toward changes in the practices of the subject involves, among other things, the strong proximities between the school and the University in terms of most trainers of mentoring teams also act as teachers of Science/Biology in basic education, which makes investment a priority in shaping the science teacher. These aspects interact on mutual inclusion in search of a new professionalism and in-process construction of an epistemology of reflective practice as fundamentals of auto-organized changes in the practice of trainers of science teachers.
Keywords: Formação de professores
Formação de pesquisadores
Prática de ensino
Ensino à distância
Licenciatura em Ciências Biológicas
Universidade Federal do Pará
Capanema - PA
Marabá - PA
Oriximiná - PA
Pará - Estado
Amazônia brasileira
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Educação Matemática e Científica
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemáticas
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Teses em Educação em Ciências e Matemáticas (Doutorado) - PPGECM/IEMCI

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_MetamorfosesFormadoresProfessores.pdf1,18 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons