Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://repositorio.ufpa.br:8080/jspui/handle/2011/7509
Tipo: Dissertação
Fecha de publicación : 17-oct-2012
Autor(es): FRANCO, Caroline da Silva
Primer Orientador: MAIA, José Guilherme Soares
Primer Coorientador: SILVA, Joyce Kelly do Rosário da
Título : Avaliação da composição química e atividades biológicas dos óleos essenciais de Lippia gracilis e Lippia origanoides da Amazônia oriental
metadata.dc.description.sponsorship: FAPESPA - Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas
Citación : FRANCO, Caroline da Silva. Avaliação da composição química e atividades biológicas dos óleos essenciais de Lippia gracilis e Lippia origanoides da Amazônia oriental. 2012. 47 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Saúde, Belém, 2012. Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas.
Resumen: O gênero Lippia é conhecido por seu caráter aromático e uso medicinal de suas espécies como uma alternativa terapêutica. Os óleos essenciais de Lippia gracilis e L. origanoides coletados no Pará e no Maranhão foram obtidos por hidrodestilação e mostraram-se ricos em monoterpenos. Os compostos majoritários do óleo de L. gracilis foram o timol (72,5%); p-cimeno (9,3%) e o éter metílico do timol (5,4%); para o óleo de L. origanoides foram timol (45,8%), p-cimeno (14,3%), -terpineno (10,5%) e carvacrol (9,9%). Os óleos apresentaram potencial larvicida frente à Artemia salina com valores de CL50 de 7,4 ± 0,2 μg.mL-1 para L. origanoides e de 18,7 ± 0,2 μg.mL-1para L. gracilis, ambas mais ativas que o lapachol (CE50 = 21,2 ± 2,2 μg /mL). O óleo essencial de L. gracilis apresentou moderada capacidade de sequestro do radical DPPH com valor de CE50 =35,7 ± 3,32 μg.mL-1 cerca de 8 vezes menos ativo que o padrão trolox (CE50 de 4,5 ± 0,1). Além disso, o óleo de L. gracilis mostrou-se um bom fungicida natural frente ao fitopatógeno C. sphaerospermum com limite de detecção de 5 μg, cerca de 10 vezes menos ativo que o miconazol (LD = 0,5 μg). Por outro lado, o óleo de L. origanoides não mostrou atividade expressiva (LD = 100 μg).
Resumen : The genus Lippia is known for its aromatic character and medicinal use of its species as an alternative therapy. Essential oils of Lippia gracilis and L. origanoides collected in Pará and Maranhão were obtained by hydrodistillation and were rich in monoterpenes. The major compounds oil of L. gracilis were thymol (72.5%), p-cymene (9.3%) and thymol methyl ether (5.4%); for oil of L. origanoides were thymol (45.8%), p-cymene (14.3%), -terpinene (10.5%) and carvacrol (9.9%). The oils had potential larvicide against Artemia salina with LC50 values of 7.4 ± 0,2 μg.mL-1 to L. origanoides and 18.7 ± 0.2 μg.mL-1 to L. gracilis, both more active than lapachol (EC50 = 21.2 ± 2.2 μg/ ml). The essential oil of L. gracilis showed moderate scavenging capacity DPPH with EC50 value = 35.7 ± 3.32 μg.mL-1 about 8 times less active than the standard trolox (EC50 of 4.5 ± 0.1). Furthermore, the oil L. gracilis proved to be a good natural fungicide against the phytopathogen C. sphaerospermum with limit of detection of 5 μg, about 10 times less active than miconazole (DL = 0.5 μg). Moreover, the oil L. origanoides no showed significant activity (DL = 100μg).
Palabras clave : Lippia gracillis
Lippia origanoides
Atividade antifúngica
Atividade antioxidante
Toxicidade
Óleo essencial
Composição química
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA
País: Brasil
Editorial : Universidade Federal do Pará
Sigla da Instituição: UFPA
Instituto: Instituto de Ciências da Saúde
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Aparece en las colecciones: Dissertações em Ciências Farmacêuticas (Mestrado) - PPGCF/ICS

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
Dissertacao_AvaliacaoComposicaoQuimica.pdf826,77 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este ítem está sujeto a una licencia Creative Commons Licencia Creative Commons Creative Commons