Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/9491
metadata.dc.type: Tese
Issue Date: 28-Oct-2017
metadata.dc.creator: SÔNIA , Maria Fernandes dos Santos
metadata.dc.contributor.advisor1: ALVES, Laura Maria Silva Araújo
Title: Criança, cinema e educação: os discursos sobre a infância em produções cinematográficas brasileiras
Citation: SANTOS, Sônia Maria Fernandes dos. Criança, cinema e educação: os discursos sobre a infância em produções cinematográficas brasileiras. 2017. 286 f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Educação, Belém, 2017. Programa de Pós-Graduação em Educação. Disponível em: <http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/9491>. Acesso em:.
metadata.dc.description.resumo: Este estudo analisa os discursos sobre a infância e as crianças protagonistas nos filmes Menino de Engenho (Brasil, 1966, de Walter Lima Jr.), O Meu pé de Laranja Lima (Brasil, 1970, de Aurélio Teixeira) e, Capitães da Areia (Brasil, 2011, de Célia Amado), cujo eixo de problematização reside no fato de como a infância e as práticas culturais da criança têm sido apresentadas nas referidas produções cinematográficas e as relações estabelecidas com as concepções instituídas na sociedade. O cinema se constitui como sistema cultural, uma vez que é possível, pelas múltiplas vozes apreendidas no filme, a interação entre consciências individuais, por possuir forma e conteúdo ideológico que se processa a partir de campos específicos e em múltiplos discursos, a serem observados, dentro do processo de comunicação, como signos. Além disso, demarca seu campo como fonte rica e propícia para o historiador e demais pesquisadores, pois é capaz não somente de contar uma história, mas de problematizar a realidade, o que faz garantir seu mérito como campo investigativo da infância. Assim, para este estudo foram traçados os seguintes objetivos específicos: 1) desvelar os discursos presentes e/ou ausentes que possam apontar para os possíveis sentidos e significados de infância [re]produzidos nos filmes selecionados; 2) problematizar acerca das concepções de infância presentes em nossa sociedade e que são [re]tratadas nos filmes investigados; 3) refletir acerca dos aspectos voltados à educação e aos modos de ser criança presentes nos filmes estudados. Para tanto, este estudo segue as linhas de estudo descritiva e analítica, com abordagem qualitativa, valendo-se da pesquisa bibliográfica e documental, com diálogos ancorados nos estudos bakhtinianos e de autores do campo da história da infância e dos estudos da criança numa perspectiva sociológica, histórica e cultural. Nossas análises foram norteadas, a partir de três eixos: Concepções de infância, Culturas infantis e Educação. E, a partir delas, foi possível perceber a forte influência das concepções, práticas sociais e aspectos educacionais, que acompanham a trajetória histórica da infância, e as diversas formas que se reproduzem nas práticas e relações sociais. Os resultados apontaram ainda que estudar a infância pelo cinema nos instiga a sermos “outros”, uma vez que nos permite transformarmo-nos em novos homens, já que a concepção de tempo está vinculada à concepção de homem, e que embora toda criação artística esteja impregnada de ficcionalidade, ela não deixa de dialogar com as realidades traçadas em nós, capazes de nos projetar a outras realidades já existentes e outras que ainda estão por vir.
Abstract: This study aims to analyze discourses about childhood and the child’s protagonists in the movies Menino de Engenho (Brazil, 1966, Walter Lima Jr.), O Meu pé de Laranja Lima (Brazil, 1970, Aurélio Teixeira) and, Capitães da Areia (Brazil, 2011, Célia Amado), in whose center of the problem lies in the fact of how the childhood and the child’s cultural practices has been presented in these films productions e the relations stablish with conceptions instituted in society. The movies are a cultural system, once that’s possible, by the multiple voices caught in the film, the interaction between individual consciences, for having ideological form and content that is processed from specific fields and in multiple discourses, to be observed, within the process of communication, as signs. Further than that, it demarcates its field as a rich and propitious source for the historian and other researches, because it’s capable not only of telling a story, but of problematizing reality, which ensures its merit as a childhood’s research field. Thus, the following specific objectives were defined for this study: 1) to unveil the present and/or absents discourses that can point the possible senses and the meaning of childhood (re)produced in the selected films; 2) to problematize about the conceptions of childhood present in our society and that are re-treated in the investigated films; 3) to reflect about the aspects related to education and the ways of being a child present in the films studied. In order to do so, this study follows the descriptive and analytical study’s lines, with a qualitative approach, using bibliographical and documentary research, with dialogues anchored in the Bakhtin studies and authors from the childhood and history’s fields in a sociological, historical and cultural perspective. Our analyses were guided, from three areas: Conceptions of childhood, Cultures for children and Education. From these, it was possible to perceive the strong influence of conceptions, social practices and educational aspects that accompany the historical trajectory of childhood, and the diverse forms that reproduce in social practices and relations. The results also pointed that studying the childhood through film encourages us to be “others”, once it allows us to become new men, since the conception of time is connect to the man’s conception, and that although all artistic creation is impregnated with fictionality, it does not cease to dialogue with the reality traced in us, capable of projecting us to other already existing realities and others that are yet to come.
Keywords: Cinema e criança
Crianças no cinema
Infância – Aspectos sociológicos
Cinema brasileiro – Aspectos sociológicos
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências da Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.source: 1 CD-ROM
Appears in Collections:Teses em Educação (Doutorado) - PPGED/ICED

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_CriancaCinemaEducacao.pdf2,48 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons