Please use this identifier to cite or link to this item: http://10.7.2.42:8080/jspui/handle/2011/8550
metadata.dc.type: Dissertação
Issue Date: 2013
metadata.dc.creator: RIBEIRO, Erick Elisson Hosana
metadata.dc.contributor.advisor1: ALVES, José Jerônimo de Alencar
Title: As condições de emergência da escola de engenharia do Pará (1870 – 1931)
metadata.dc.description.sponsorship: CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
Citation: RIBEIRO, Erick Elisson Hosana. As condições de emergência da escola de engenharia do Pará (1870 – 1931). 2013. 111 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Educação Matemática e Científica, Belém, 2013. Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemáticas.
metadata.dc.description.resumo: A Escola de Engenharia do Pará foi fundada no ano de 1931, por iniciativa de engenheiros locais que atuavam na região desde o final da década de 1870, e o propósito deste trabalho é investigar as condições que possibilitaram o surgimento desta instituição de ensino no cenário educacional paraense. Para entendermos estas condições, tomamos o período compreendido entre 1870 a 1930 e analisamos como surgiu a demanda por engenheiros na região e como os engenheiros foram ganhando espaço na sociedade local. Além disso, analisamos como se deu a atuação profissional dos engenheiros fundadores da Escola nas instituições da administração pública. Por fim analisamos o processo de formação destes engenheiros e, levando em conta que a maioria deles estudaram no Rio de janeiro fizemos uma análise dos conteúdos presentes nos currículos da Escola Politécnica do Rio de Janeiro. De acordo com os discursos da época, pudemos observar que a demanda por engenheiros teve seu momento de maior intensidade durante a Belle Époque, devido ao grande volume de obras públicas empreendidas neste período. Contudo esta demanda ainda se verificou nos períodos posteriores, sendo uma das condições que possibilitaram a fundação da Escola. A partir de então, os engenheiros fundadores da escola atuaram em diversas obras da região, sobretudo aquelas desenvolvidas pela Repartição de Obras Públicas no intuito de promover a modernização da região. Essa atuação possibilitou o reconhecimento social da categoria e contribuiu para a emergência da Escola de Engenharia, pois culminou com a criação do Clube de Engenharia (1919) que teve um importante papel na criação e manutenção da escola. Por fim, ao analisarmos a formação, concluímos que esta possibilitou a atuação dos engenheiros como professores da Escola e influenciou fortemente o currículo inicial da Instituição, se tornando mais uma das condições de emergência da Escola.
Abstract: The School of Engineering of Para was founded in 1931 on the initiative of local engineers who worked in the region since the late 1870s, and the purpose of this work is to investigate the conditions that allowed the emergence of this institution of learning. To understand these conditions, we take the period from 1870 to 1930 and analyze how arose the demand for engineers in the region and how engineers have been gaining ground in local society. Furthermore, we analyze how was the work of the engineers founders of the School in the institutions of government. Finally we analyze the process of formation of these engineers, and taking into account that most of them studied in Rio de Janeiro we present an analysis of the contents in the curricula of the Polytechnic School of Rio de Janeiro. According to the discourses of the time, we observed that the demand for engineers had their moment of greatest intensity during the Belle-Époque, due to the large volume of public works undertaken in this period, however, this demand has occurred in the later periods. These were conditions that made possible the founding of the School. Since then, engineer’s school founders worked in various projects in the region, especially those developed by the Division of Public Works in order to promote the modernization of the region. This action enabled the recognition of engineer’s social class and contributed to the emergence of the School of Engineering that culminated in the creation of the Engineering Club (1919), which played an important role in creating and maintaining school. Finally, by analyzing the formation, we conclude that this enabled the performance of engineers as school teachers and strongly influenced the initial curriculum of the institution, becoming one of the emergency conditions of the School.
Keywords: Engenharia
Engenheiros
História da engenharia
Ciências naturais
Escola de Engenharia do Pará (19870-1931)
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Pará
metadata.dc.publisher.initials: UFPA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Educação Matemática e Científica
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemáticas
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Appears in Collections:Dissertações em Educação em Ciências e Matemáticas (Mestrado) - PPGECM/IEMCI

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_CondicoesEmergenciaEscola.pdf1,58 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons